Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Seminário de Socialização do Estágio em Educação Infantil 7ª fase

Apresentação do seminário de socialização do estágio supervisionado em educação infantil da 7ª fase
by

Liliane Lorscheiter

on 27 June 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Seminário de Socialização do Estágio em Educação Infantil 7ª fase

Reflexão sobre o cotidiano institucional...
Planejamento...
Docência Compartilhada...
-Primeiros questionamentos;
- Inserção na creche;
- Conhecendo os sujeitos da instituição;
Reflexão do cotidiano institucional
Estágio na Educação
Infantil

Devemos direcionar e sensibilizar o nosso olhar para o dia-a-dia das crianças na creche, focando na sua participação e nas formas como elas reagem ao que lhes é proposto. Ao invés de observamos do que a criança brincou, o que ela fez, devemos observar como a criança brincou, como ela desenhou, para que os nossos registros de estagio não resultem em descrições repetitivas de acontecimentos que pareçam ser sempre os mesmos. Mais do que um olhar crítico das práticas pedagógicas dos profissionais que ali estão atuando devemos realizar uma observação participativa que vise partilhar momentos e interagir com os indivíduos que estão inseridos nesse contexto.
Primeiros questionamentos...
Como nos apropriamos desse olhar? Como estabelecer esse olhar sensível que tanto defendemos? Como ir além da teoria do que se deve e não fazer?
“O meu olhar é nítido como um girassol.
Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando para a direita e para a esquerda,
E de, vez em quando olhando para trás...
E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto,
E eu sei dar por isso muito bem...
Sei ter o pasmo essencial
Que tem uma criança se, ao nascer,
Reparasse que nascera deveras...
Sinto-me nascido a cada momento
Para a eterna novidade do Mundo...”
(Alberto Caeiro/ Fernando Pessoa)
Como começar a falar sobre tantas sensações tidas no nosso primeiro contato com as crianças? Num espaço distinto do qual estamos acostumadas pelo fato de já trabalharmos na Educação Infantil . Um espaço no qual tudo se torna novidade e que é inevitável o estranhamento por parte das crianças nesse primeiro momento, pois são duas novas adultas no ambiente de segurança deles, como se estivéssemos invadindo o seu espaço.

O que observar nesse primeiro contato? Quais as situações que devemos considerar como as mais significativas? Como superar o receio de recair no que tanto criticamos durante o curso inteiro?
Inserção na creche
Conhecendo os sujeitos da instituição...
(cc) photo by medhead on Flickr
As crianças...
As professoras...
A família...
A instituição...
Full transcript