Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Untitled Prezi

No description
by

Francielle Fernandes

on 23 April 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Untitled Prezi

Equilíbrio Emocional
Impacto Emocional da Violação Sexual
Impacto Emocional do Preconceito
*O capitalismo em si visa o lucro/capital;
*O homem capitalista é um homem produtivo, no qual oculta seus sentimentos e suas necessidades;
*Sua felicidade consiste em ver o indivíduo obter algum produto no qual o lucro virá para si mesmo futuramente;
*O consumo é o lazer.
Impacto Emocional do Preconceito
O abuso sexual ou qualquer forma de preconceito prejudica muito as vítimas dessas ações em questões físicas, morais e na forma como comportam. Destroem a alma dos agredidos e estes nunca mais voltam a ser os mesmos.
O Impacto Emocional na Construção do Ser Humano
Grupo:
Bianca Pietra- 3
Breno Deusdedit- 4
Carolina Cardoso- 5
Francielle Fernandes -8
Giovanna Pieroni- 10
Stelita dos Anjos- 27
Leonardo Jose- 29


Mensagem a Ser Passada
O que é preconceito ?
*Por preconceito entende-se o conceito ou opinião fomados antecipadamente, sem maior ponderação ou conhecimento dos fatos; julgamento ou opinião formada sem levar em conta os fatos que o contestam. As principais formas são: preconceito racial, social e sexual.
Danos causados
*As vitímas do preconceito, podem sofrer diversos danos à saúde, como a depressão, angústia, baixa autoestima, agressividade, desvios comportamentais, formação debilitada da identidade, além de dificuldades na aprendizagem.

*O preconceito afeta a própria consciência da vitima, uma vez que ela se vê refletida na imagem preconceituosa apresentada.

Relação com o livro Clara dos Anjos
*O preconceito é algo notável no livro Clara dos Anjos, dando ênfase ao sofrido pela mulatinha Clara;
*O preconceito social e étnico também é transparecido no livro, enfatizando a impossibilidade de mobilidade social pela classe mais baixa.

*Durante a narrativa, muitas vezes Joaquim dos Anjos se sentiu triste por nao conseguir uma ascensão social pelo fato de ser negro.
*E na cena final do livro, após Clara ter sido humilhada pela mãe de Cassi Jones, ela abraça sua mãe e conclui dizendo como que em nome dela e de todas as mulheres em iguais condições:
“— Nós não somos nada nesta vida.”






Relação com o Capitalismo
Reportagem
Caso de racismo em loja de SP evidencia preconceito enraizado no Brasil
"Estou procurando mudança social", diz pai de garoto vítima de racismo na Oscar Freire. Caso reacendeu debate e repercutiu nas redes sociais
postado em 01/04/2015 11:45 / atualizado em 01/04/2015 12:11
Reprodução de post publicado por Jonathan: "Ele é meu filho", disse à vendedora que expulsou a criança
A situação pela qual passou o editor Jonathan Duran, 42 anos, em frente a uma loja na rua Oscar Freire, em São Paulo, repercutiu nas redes sociais e voltou a acender o debate sobre a discriminação racial no país. No relato na internet, ele acusa a vendedora de uma loja de ser racista com o filho, uma criança negra de 8 anos, ao tentar expulsar o garoto da frente do local, após confundi-lo com um ambulante. Para especialistas ouvidos pela reportagem, a história evidencia um preconceito enraizado no Brasil e ressaltaram a importância de se denunciar e expor os casos.

Segundo Jonathan, ele e o filho estavam parados em frente à loja Animale para esperar a mulher, que estava em outro estabelecimento para comprar sapatos. Enquanto ele falava ao telefone com a companheira, uma funcio disse que, antes de ir embora, limitou-se a informar: “Ele é meu filho”. Na mensagem publicada no sábado em redes sociainária tentou expulsar o filho do local. “A vendedora chegou e falou brava: ‘Não pode vender coisas aqui!”, contou. Jonathans, Jonathan, que é norte-americano, desabafou: “Em certos lugares em São Paulo, a pele do seu filho não pode ter a cor errada”. O post tinha mais de mil compartilhamentos na tarde de ontem.

Na avaliação de Carlos Alberto de Paula, professor da Universidade de Brasília (UnB) e coordenador de Enfrentamento ao Racismo do Distrito Federal, o caso esvazia o argumento de que o problema se restringe meramente a uma discriminação econômica. “São situações que evidenciam um aumento crucial em torno da discriminação. As evidências são recorrentes. A eterna renitência de que a questão passa só pelo econômico se esvazia quando ocorre em campo demarcado à circulação de determinado grupo social, como a Oscar Freire”, disse. Para o professor, as questões racial e social caminham juntas, e os constantes relatos de discriminação servem para derrubar a hipótese de que o Brasil não é um país racista.

“Esse aspecto é danoso e precisa ser discutido. Não se pode achar que estamos vivendo num país maravilhoso com aquele discurso da cultura paradisíaca em que todas as culturas se encontram e convivem em paz. Se existe esse discurso, ele deve ser discutido”, disse o professor do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da UnB Nelson Inocêncio.

Na avaliação dos especialistas, é fundamental que o caso seja denunciado à polícia. Ao Correio, Jonathan disse que ainda não decidiu se fará uma ocorrência na polícia, mas afirmou que pretende continuar falando sobre o assunto para estimular o debate sobre a questão racial. “No fundo, o que estou procurando é uma mudança social”, disse. Por meio de nota, a Animale informou que entrou em contato com o pai, que repudia qualquer ato de discriminação e que apura o caso internamente.



*O sistema capitalista pressupõe desigualdade na distribuição de renda entre a população, monopolizando a maior parcela do dinheiro nas mãos de poucos, em relação à predominância negra, pobre e trabalhadora do resto do país.
*A consequência é o sentimento de inferioridade e exclusão, que passa a se manifestar por meio de revolta e desconfiança às diferentes formas de poder expressas na sociedade.


*A globalização trás o processo de massificação por meio da barganha cultural extraída das grandes empresas para os consumidores, formando a mentalidade de inferioridade entre as diversas culturas e forçando um pensamento cada vez mais uniforme entre as pessoas.
O que é Equilíbrio Emocional?
Relação com Clara dos Anjos
Relação com o Capitalismo
-O abuso sexual e o preconceito, assuntos abordados no livro, são situações que exigem muito controle sobre os sentimentos por parte das vitimas, controle esse que nem sempre é fácil e muitas dessas vítimas acabam em depressão;
-O personagem Cassi Jones demonstra bastante frieza ao não desenvolver nenhum sentimento por suas vítimas, abandonando-as sem piedade. Essa frieza acontece quando a razão domina as emoções de um indivíduo;
-Já Clara dos Anjos é o oposto de Cassi Jones. No caso da menina, suas emoções dominam a razão e ela toma decisões impulsivas (como confiar em Cassi e se entregar a ele).
-Equilíbrio emocional é o que nos mantém conscientes para tomar uma decisão, executar uma tarefa e praticar uma ação;
-Esse equilíbrio consiste na perfeita harmonia de todas as nossas emoções;
-Ter um bom equilíbrio emocional é saber lidar com as emoções, ter controle sobre as reações e ser capaz de usar a razão de maneira adequada, sem desqualificar os sentimentos;
-A falta desse equilíbrio pode levar à ansiedade ou à depressão, além de nos impedir de lidar com todos os desafios diários aos quais somos submetidos, a insegurança que cerca a todos e a luta diária pela sobrevivência.
O que é violação sexual ?

*Desrespeito;

*Crime;

*Viola os direitos;

*Violência sexual, abuso sexual, dentre outros.

Impacto Emocional
Obra Clara dos Anjos
Reportagem
Polícia investiga abuso sexual contra filho de PM dentro de colégio militar
em SP
Guilherme Balza
Do UOL, em São Paulo
20/03/2013 06h00

Policiais civis do 12º Distrito Policial (Pari) investigam denúncia de abuso
sexual praticado contra o filho de um policial militar dentro do colégio da
Polícia Militar no Pari, região central da capital paulista, no último dia 11.
O crime teria sido cometido por um inspetor escolar.

O pai da vítima, o soldado C. R. S., 39 --ele preferiu não se identificar--,
disse ao UOL que o abuso ocorreu por volta de 8h30, em um dos
corredores do colégio, quando o estudante deixou a sala de aula para
beber água. O jovem R. R. S. tem 12 anos e cursa o 8º ano do ensino
fundamental.

Relação com o Capitalismo
Reportagem
*Tráfico de pessoas;
*Poluição visual;
*Consumo de massa;
*Abuso do poder;
*Lucro.
Apresentação
Criativa

Releitura: O Grito
Equilíbrio emocional é desafio de policiais no dia a dia, afirma PM -
09/08/2013 14h18
* A reportagem escolhida sobre o tema Equilíbrio Emocional demonstra o desafio de policiais tanto militares quanto civis no dia a dia.
* São citados alguns casos de descontrole da polícia contra a sociedade civil que acabam nas páginas dos jornais, nas delegacias e na Justiça.
* Alguns não aguentam a pressão e acabam desenvolvendo problemas psicológicos. Às vezes, são afastados do trabalho por conta disso.
* A PM afirma que tem um setor, o Serviço de Valorização Profissional (Sevap), que é subordinado ao Departamento Pessoal, para atender aos policiais com problemas psicológicos.
* Já a Polícia Civil, informou que não há dentro da corporação um setor que ofereça apoio psicológico aos servidores. Através da assessoria, a Polícia Civil afirmou que "a procura por apoio psicológico deve ser voluntária, de iniciativa do servidor policial.”
* O secretário da Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa diz sobre o
acompanhamento psicológico dos mesmos que deve haver, pois para ele é tão
importante quanto o condicionamento físico do preparo do policial para adentrar
na carreira policial.
* Na Polícia Civil, atualmente há 59 policiais afastados por motivos
médicos. Os problemas não foram especificados.
Cabe às pessoas ao redor observarem mais esses casos, denunciar o autor do crime e fazer cumprir os direitos da vítima como pessoa.
Um apoio moral já é de grande ajuda para alguém que sofreu algum tipo de violência no campo físico ou psicológico.
Cassi Jones
Full transcript