Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Espiritualidade e Cultura (contexto esportivo)

No description

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Espiritualidade e Cultura (contexto esportivo)

Espiritualidade = Religião?
Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) "a espiritualidade é o conjunto de todas as emoções e convicções de natureza não material, com a suposição de que há mais no viver do que pode ser percebido ou plenamente compreendido (VOLCAN; SOUSA; MARI; LESSA, 2003)".
Cultura
O que é Religião?
âmbitos da espiritualidade
Cultural
Religião é a crença que as pessoas têm em algo transcedental, uma força ou energia que rege o universo e a vida das pessoas tanto no presente, quanto no passado e futuro. Ela é responsável por equilibrar o mundo material e o mundo espiritual de modo a auxiliar os seres humanos a encontrarem um sentido para a própria existência e alcançar um dia a redenção.
Segundo Boff (2006) e Libano (2002), religião está ligada aos aspectos institucionais e doutrinários de uma determinada crença.
ponto de vista religioso
ponto de vista da psicologia
pontos comuns
Coping e Coping Espiritual

Segundo Crust (2006), crenças espirituais são grandes influências sobre os atletas, pois os sujeitos agem e percebem os ambientes de acordo com suas crenças que, por sua vez, podem influenciar o emocional daquela pessoa. Entretando, a psicologia como ciência não acredita em religiões e dogmas, apenas compreende as manifestações de fé como processos psicofisiológicos a serem estudados.
Paes (2013) afirma que atletas religiosos, como os Atletas de Cristo, valem-se da expressão corporal/gestual para manifestar e disseminar a própria fé. Essas expressões também servem para manter uma comunicação, um diálogo com Deus e, portanto, são prática sagradas que devem ser realizadas com verdadeira crença; para que haja a superação dos problemas como estresse, ansiedade, medo, entre outros, de modo a aumentar a qualidade de vida.
O coping é concebido como o conjunto de estratégias, cognitivas e comportamentais, utilizadas pelos indivíduos com o objetivo de manejar situações estressantes (PANZINI; BANDEIRA, 2007, p. 128).
Segundo os mesmos autores, o coping espiritual é a busca de estratégias cognitivas e comportamentais por meio das crenças religiosas e espiritualidade humana.
Social
Religioso
Integração
Harmonia
Relacionamentos
Educação
Esporte
ambientes;
pessoas;
enfrentamentos
Espiritualidade e Cultura
Arthur B.D. Sena*
(Mestrando em Desenvolvimento Humano e Tecnologias pela UNESP-RC)
Joacks Filho*
(Graduando em Educação Físca pela UNESP-RC)
André Aroni*
(Doutorando em Desenvolvimento Humano e Tecnologias pela UNESP-RC)
Marcelo C. Zanetti*
(Doutor em Desenvolvimento Humano e Tecnologias pela UNESP-RC)
*Membros do Laboratório de Estudos e Pesquisas em Psicologia do Esporte -LEPESPE
(contexto esportivo)
referências bibliográficas
ANTONIAZZI, Adriane Scomazzon; DELL'AGLIO, Débora Dalbosco and BANDEIRA, Denise Ruschel. O conceito de coping: uma revisão teórica.
Estudos de psicologia (Natal)
, Natal-RN, vol.3, n.2, p.273-294. 1998.

CRUST, L. Challenging the ‘Myth’ of a Spiritual Dimension in Sport.
Athletic Insight the online journal of sport psychology,
Reino Unido, vol. 8, n. 2, p. 17-31, jun.2006 Disponível em: <http://www.athleticinsight.com/Vol8Iss2/SpiritualPDF.pdf>. Acesso em: 03 maio 2016. June, 2006 Volume 8, Issue 2 York St. John College

LOVISOLO, Hugo; LACERDA, Yara. Reencantando as Quadras: Basquete e espiritualidade. Estudos Históricos, São Paulo, v. 23, p.73-86, 1999.

Panzini, R.G.; Bandeira, D.R.
Coping (enfrentamento) religioso/espiritual.

Rev. Psiq. Clín
. vol. 34, n. 1, p. 126-135, 2007.

OLIVEIRA, M. R.; JUNGES, J. R. Saúde mental e espiritualidade/religiosidade: a visão de psicólogos.
Estudos de psicologia (Natal)
, Natal-RN, v. 17, n. 3, p. 469-476, dez. 2012. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2012000300016&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 03 maio 2016.

PAES,R. V. D. C. Atletas de Cristo no futebol e os sintomas de ansiedade.
Paralellus
, Recife-PE, v.4, n.7, p.95-106, jan./jun. 2013. Disponível em: <www.unicap.br/ojs/index.php/paralellus/article/download/239/240>. Acesso em: 03 maio 2016.

De acordo com Sigardo (2000), cultura pode ser comprendida como a ação social determinada pela ligação entre relações sociais de uma determinada sociedade e o produto do trabalho deste ambiente. Este ainda afirma que para Vygotsky a cultura é a resultante dos feitos humanos nos meios científicos, artísticos, técnicos, instituições sociais, práticas sociais e tradições. Deste modo, cultura está ligada a produção (social, religiosa, política, artística, etc.) do ser humano.
Como o coping é aplicado no contexto esportivo?
Com embasamento nos autores citados anteriormente, percebe-se que o trabalho dos profissionais envolvidos no contexto esportivo (treinador, psicologo, comissão técnica, etc.) está principalmente em respeitar e reconhecer as diferenças culturais dos atletas, permitindo assim um intercâmbio, uma comunicação cultural entre as diversidades da equipe para viabilizar a harmonia da mesma e melhores resultados (performance em treinos e competições).


As estratégias de enfrentamento no esporte podem partir da compreensão do problema e da utilização do campo espiritual e religioso para ampliar o desempenho físico e mental do atleta. Isto é, a busca e a prática espiritual independente das crenças individuais, surge como instrumento para o equilibrio emocional.

De acordo com Lovisolo e Lacerda (1999), a busca da compreensão do "eu interior" pode ser conceituado como a procura do crescimento pessoal a partir de valores tais como equilíbrio, autocontrole emocional (angústia e ansiedade), a fraternidade, compaixão e solidariedade, além da eliminação do egoísmo.
Ao valer-se da espiritualidade o psicólogo consegue ser abrangente, pois todas as religiões estão no âmbito espiritual. Deste modo, existem pontos filosóficos e éticos em comuns mesmo entre aquelas religiões mais distintas.
Portanto, com esse modo de trabalho, mesmo numa equipe com integrantes católicos, evangélico, budistas, judeus, espíritas, ou céticos entre outros, é possível se conseguir uma comunicação saudável, onde nenhuma ideologia se sobreponha a outra. Afinal, o mais importante é que a equipe permaneça em sintonia obtendo bons resultados nas mais variadas competições.
A prática
diálogos
tutores
Full transcript