Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Cadeia Produtiva da Soja

No description
by

Nathália Trindade

on 13 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Cadeia Produtiva da Soja

Cadeia Produtiva da Soja

Fatores Históricos
Evolução da Produção da Soja
Produção de Soja no Mundo
Processo de Produção da Soja
Acadêmicos: Camila Milanesi, Luiggi Passini, Melissa Gomes e Nathália Trindade

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS
CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

Problemas Ambientais
Aplicabilidade da Soja
Futuro da Soja
Possíveis substitutos da Soja
A produção de soja projetada para 2023 é de 99,2 milhões de toneladas (acréscimo de 21,8% em relação à produção de 2013)

Mas é um percentual que se situa abaixo do crescimento ocorrido nos últimos 10 anos no Brasil, que foi de 66% (Conab, 2013)
Futuro da Soja
As projeções de consumo indicam que deve haver um grande aumento da demanda de soja no mercado internacional e no mercado interno

Além da demanda de rações animais, espera-se aumento forte no consumo de soja para a produção de Biodiesel
Futuro da Soja
O Brasil figura como o país que apresenta as melhores condições para expandir a produção e atender o esperado incremento da demanda mundial.

Os demais competidores do Brasil (EUA, China e Índia) estão com suas fronteiras agrícolas quase ou totalmente esgotadas. Com exceção da Argentina que também apresentará uma expansão promissora.
Futuro da Soja
A área de soja deve aumentar cerca de 6,7 milhões de hectares, chegando em 2023 com 34,4 milhões de hectares. (acréscimo de 24,3% sobre a área em 2013 – 27,7 milhões de hectares ).

Nas novas regiões do Centro Nordeste do Brasil a área de soja deve se expandir muito segundo técnicos da Conab.

No Paraná a área pode crescer nos próximos anos, tomando áreas de outras culturas.

No Mato Grosso a expansão deve ocorrer em pastagens degradadas e em áreas novas.
Futuro da Soja
O consumo doméstico de soja em grão deverá atingir 50,6 milhões de toneladas no final da projeção.

O consumo projeta-se aumentar 19,4% até 2023.

A soja é um componente essencial na fabricação de rações animais e adquire importância crescente na alimentação humana.

Futuro da Soja
A expansão da produção de soja no país dar-se-á pela combinação de expansão de área e de produtividade.

Enquanto o aumento de produção previsto nos próximos 10 anos é de 21,8%, a expansão da área é de 24,3%.
Futuro da Soja
Em 2022/2023, 51% da produção de soja devem ser destinados ao mercado interno

A soja brasileira deverá ter em 2022/2023 uma participação nas exportações mundiais de 44,2%

A China deve liderar as importações especialmente de soja. (das exportações totais de soja nos próximos 10 anos, 71,3% devem ser dirigidas para a China).
Futuro da Soja
Estima-se que essa expansão deve ocorrer em áreas de grande potencial produtivo, como:

As áreas de cerrados compreendidas na região que atualmente é chamada de Matopiba (estados de Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia)

O Mato Grosso deverá perder força nesse processo de expansão de novas áreas, devido principalmente aos preços de terras e como os empreendimentos nessas novas regiões compreendem áreas de grande extensão, o preço da terra é um fator decisivo

A Bahia deve liderar o aumento da produção de soja nos próximos anos
Futuro da Soja

Expansão de fronteira em regiões onde ainda há terras disponíveis;

Ocupação de terras de pastagens;

Pela substituição de lavouras onde não há terras disponíveis para serem incorporadas.
Futuro da Soja
A soja deve expandir-se por meio de uma combinação de:
Possíveis substitutos da soja
Um diagnóstico elaborado pelo Instituto De Agronegócios Do Maranhão afirma que os produtos substitutos da Soja estão cada vez mais distanciados em termos de competitividade

Sendo a Soja o principal provedor de proteína de natureza vegetal do mundo

Possíveis substitutos da soja
Fatores Históricos

A soja é uma cultura do continente asiático, (rio Yangtse), na China.

Alguns relatos revelam que os plantios de soja remontam a 2.838 anos A.C


Por séculos, a cultura permaneceu restrita ao oriente, só sendo introduzida no ocidente, pela Europa, por volta do século XV.

Fatores Históricos
Fatores Históricos: Soja no Brasil
Mais de quinhentos anos passaram-se até que a civilização ocidental percebesse o valor do grão de soja na alimentação, principalmente o seu valor protéico.
 
Na Europa, as primeiras tentativas de produção deste grão fracassaram,



provavelmente, devido a fatores climáticos, ausência de conhecimento sobre a cultura e suas exigências
A introdução da soja no Brasil deu-se por volta de 1882;

Professor Gustavo Dutra, da Escola de Agronomia da Bahia, o responsável pelos primeiros estudos com a cultura no país.

Cerca de dez anos depois, o Instituto Agronômico de Campinas (IAC), no Estado de São Paulo, também iniciou estudos para obtenção de cultivares aptos à região.

O início do século XX, o IAC ( Instituto Agronômico de Campinas) iniciou a distribuição de sementes para produtores do Estado. 

Nesse período que a região sul do país, mais especificamente o Estado do Rio Grande do Sul, começou a cultivar a soja

Nessa região que a cultura encontrou condições ideais para o seu desenvolvimento.
Fatores Históricos: Soja no Brasil
Fatores Históricos: Soja no Brasil
O primeiro registro de cultivo comercial de soja no Brasil data de 1914, no município de Santa Rosa, RS.

Somente a partir dos anos 40 que o seu cultivo adquiriu alguma importância econômica

Neste período é feito o primeiro registro estatístico nacional;


Década de 1960, devido à política de subsídios ao trigo, visando auto-suficiência do país desse grão, foi que a soja se estabeleceu como cultura economicamente importante para o Brasil. Naquela década, sua produção multiplicou-se por cinco;

Fatores Históricos: Soja no Brasil
Fatores Históricos: Soja no Brasil
Crescimento da produção nos anos 60

Na década seguinte que a soja consolidou-se como a principal cultura do agronegócio brasileiro, passando de 1,5 milhões de toneladas (1970) para mais de 15 milhões de toneladas (1979);

A soja é a cultura agrícola brasileira que mais cresceu nas últimas três décadas e corresponde a 49% da área plantada em grãos do país. 

Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
Evolução da Produção da Soja
No Brasil a expansão da cultura dá-se a partir de 1952

“Campanha da Soja”-
Secretaria da Agricultura e do Sindicato da Industria de Óleos Paulistas

Anos 70: Aumento do preço da soja no mercado mundial

Estimula os agricultores e o próprio governo brasileiro;
Desde então, o Brasil passou a investir em tecnologia para a adaptação da cultura às condições brasileiras;

Passa a competir na comercialização do mercado mundial de soja (MAPA, 2006).
Com isso o cultivo do grão tomou proporções mundiais e iniciou-se, a partir de então, uma corrida pela expansão dos mercados aumento das exportações, gerando incremento da produção agrícola com novas tecnologias e ampliação das pesquisas no setor.

PANORAMA MUNDIAL DA SOJA
Panorama nacional da soja
Fonte: USDA (outubro/2011)
Fonte: Rural centro

Fonte:Intercâmbio da soja
Produção de Soja no Mundo
Produção de Soja no Mundo
Produção de Soja no Mundo
Produção de Soja no Mundo
Produção de Soja no Mundo
A produção de soja mundial cresce constantemente desde o ano de 2008.

Desde o ano de 2007 o ranking dos maiores produtores permanece o mesmo > EUA > Brasil

O Departamento de Agricultura dos EUA, estima uma oferta mundial recorde de soja de 281,7 milhões de t. 5,3% maior que o ano de 2012

De acordo com projeções da FIESP, a produção de soja do Brasil deve ultrapassar os EUA garantindo 50% do mercado mundial.

Em 2023 o Brasil deverá ser o maior fornecedor mundial.

O país ampliando a sua participação de mercado para maior parte dos produtos avaliados.

Processo de Produção da Soja
Processo de Produção da Soja
Processo de Produção da Soja
Regiões produtoras: Desde o ano de 2007 o Mato Grosso é o maior produtor de soja do país (20,4 milhões de toneladas). Anteriormente a região produtora dominante no país era a região Sul.

Custos de Produção: No ano de 2013, segundo a Associação dos Produtores da oleaginosa do estado (Aprosoja-RS), houve uma elevação de 20% dos custos de produção devido a alta do dólar. O custo por hectare, que ficava em torno de R$ 900 no ano passado, nesse ano foi para R$ 1,1 mil em média.

Semeadura: A semeadura da soja no Brasil costuma ocorrer entre 20 de outubro a 10 de dezembro, sendo que a época ideal geralmente é durante o mês de novembro.

Adubação e Fixação de Nitrogênio: É na adubação que as plantas recebem os seus nutrientes, necessários para a sua sobrevivência. Sendo o mais importante e crítico o Nitrogênio.

Doenças: Existem mais de 40 tipos de doenças que causam em média perdas de 15% a 20% na produção.
Transgênico Bt
Transgênico RR

Colheita: Após todo o desenvolvimento da soja finalizado, a sua colheita é realizada por máquinas. A média brasileira de perdas na colheita da soja no Brasil está em torno dos 120 kg por hectare gerando um prejuízo de aproximadamente 1,7 bilhões de reais.


Problemas Ambientais
Problemas Ambientais
Problemas Ambientais
Problemas Ambientais
Impacto Socioeconômico:

Excluiu produtores familiares, concentrou a posse de terras e aumentou o tamanho das propriedades;
Houve uma supressão das culturas de subsistência;
As populações rurais se tornaram assalariadas em busca de trabalho no campo e na cidade;
Desaparecimento de 300 mil propriedades na década de 1970.

Impacto Ambiental:

Compactação e impermeabilização dos solos pelo uso intensivo de máquinas agrícolas;
Erosão do solo;
Contaminação por agrotóxicos nas águas, alimentos e animais;
Impactos detrimentais da retirada da vegetação nativa de áreas contínuas extensas;
Assoreamento de rios e reservatórios;
Aparecimento de novas pragas ou aumento das já conhecidas.

Impacto Ambiental:

Risco à sobrevivência de espécies vegetais e animais com a perda de habitat natural devido a expansão agrícola
A perda de solo por quilo de grão de soja produzido pode chegar a 10 quilos;
Pivôs centrais, utilizados de forma não controlada podem provocar grande perda de água no lençol freático, comprometendo o abastecimento futuro de água, inclusive para o consumo humano

Soluções
Levou progresso e desenvolvimento, e acelerou a urbanização da região Centro-Oeste;
Foi responsável pela interiorização da população brasileira;
Impulsionou e interiorizou a agroindústria nacional;
Incentivou avanços do setor industrial agrícola e das pesquisas nas áreas de química, mecânica e genética;
Auxiliou a construção de infra-estruturas (rodovias, ferrovias, hidrovias, hidroelétricas, etc) com o intuito de ampliar as fronteiras de desenvolvimento criando novos pólos de produção de grandes culturas e melhorando o escoamento das safras em geral.

Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
Aplicabilidade da Soja
O óleo de soja é a fonte mais importante de óleos vegetais no mundo todo.
Quase 60% de nossos produtos alimentares contêm ingredientes à base de soja;
Ultimamente, outros usos da soja têm sido revelados no campo da medicina como, no combate ao alcoolismo, em tratamentos de alguns tipos de câncer;
Nas indústrias, têm se utilizado na produção de tintas, colas e protetores solares.

Farelo de Soja
Suplemento para a criação de gado, suínos e aves domésticas;

Alimento de peixe na aquacultura;

Ração de animais domésticos ;

Substituto do leite para bezerros.

Óleo de Soja
Óleo de salada, de cozinha e de fritura;

Produção de maionese, margarina, cremes de adicionar ao café e outros produtos;

Tinta de caneta, biodiesel, tintas de pintura em geral;

Xampus, sabões e detergentes.

Farinha de Soja
Rações animais especiais;

Produção de cereais, pães, biscoitos, massas, produtos finos de carne;

Revestimentos de papel;

Auxiliares de processos de fermentação.

Proteína texturizada de soja: Substituto da carne.

Isolados de soja: Produtos finos de carne e leite
Lecitina
Emulsificador versátil na produção de produtos ricos em gorduras e óleos, como chocolate, margarina e produtos de panificação;

Agente estabilizador em banhas;

Agente umectante para cosméticos
Grãos Inteiros de Soja
Produção de leite de soja, sobremesas de soja, iogurte de soja, sorvete de soja, tofu, tempeh, missô e molho de soja.

Casca da Soja
Forragem grossa;

Fonte de fibras dietéticas de cereais matinais e de certos lanches prontos.

MANARA, Katia. rasil deve ultrapassar EUA na produção de soja, garantindo 50% do mercado mundial. Federação das Indústrias de São Paulo. 2012. Disponível em <http://www.fiesp.com.br/noticias/brasil-deve-ultrapassar-eua-na-producao-de-soja-garantindo-50-do-mercado-mundial>

CONAB, Conjuntura da Soja. Disponível em <http://www.agricultura.gov.br/arq_editor/file/camaras_setoriais/Soja/18RO/App_Conab_conjuntura.pdf>

FIESP,. Safra Mundial de Soja 2012/2013. Disponivel em <http://www.fiesp.com.br/indices-pesquisas-e-publicacoes/safra-mundial-de-soja/>

EMBRAPA. Soja em Números: Safra 2010/2011. Disponível em <http://www.cnpso.embrapa.br/index.php?cod_pai=1&op_page=294>

AGRIC. Cultivo da Soja no Brasil. Disponível em <http://www.agric.com.br/producoes/cultivo_da_soja.html>

BARRETO, Clarissa de Araújo. Os Impactos socioambientais do cultivo da soja no Brasil. Anais do Encontro da ANPPAS. 2005

FBCI, Food Biotech Communication Initiative. Soja: pequenos grãos com múltipla utilidade. Disponível em<http://www.cib.org.br/pdf/fbci09port.pdf>. Acesso em 03 de novembro de 2013

PAULA, S.R; FAVARET FILHO, P. Panorama do complexo da soja. Ed. BNDES. 1998

APROSOJA BRASIL, Associação Brasileira dos Produtores de Soja. <http://aprosojabrasil.com.br>

Projeções do Agronegócio : Brasil 2012/2013 a 2022/2023 / Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Assessoria de Gestão Estratégica. – Brasília : Mapa/ACS, 2013

DALL’AGNOL, Amélio et al. Realidade e Perspectivas do Brasil na Produção de Alimentos e Agroenergia, com Ênfase na Soja. Circular Técnica nº 59. Embrapa Soja, Londrina – PR. Set. 2008.

G1, Portal de Notícias. Com alta do dólar, custo de produção de soja aumenta cerca de 20% no RS. <Disponível em http://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/campo-e-lavoura/noticia/2013/08/com-alta-do-dolar-custo-de-producao-de-soja-aumenta-cerca-de-20-no-rs.html>

GRAZIANO, J. R. Manual Técnico das Culturas – CATI, 2ª ed., Graça D’Auria, 1997, p. 457 - 516.


REFERÊNCIAS
VÍDEOS
Soja: os caminhos da supersafra

Vantagem da produção de soja brasileira é perdida na logística de transporte
Processo da Soja
Oléo de soja
Outros óleos vegetais ( óleo de algodão, óleo de girassol, óleo de milho, óleo de arroz, óleo de coco, óleo de palma, azeite )
Farelo de soja
Farelo de algodão, Bagaço de Cana e Uréia, Grãos integrais, Tremoço branco, Farelo de aveia, farelo de canola
Farinha de soja
Farinha de arroz, Farinha de mandioca
Possíveis substitutos da soja
Óleo de Palma: grande substituto do óleo de soja.

Pinhão Manso: poderá substituir a Soja na fabricação do Biodiesel

Tremoço branco: substituir o farelo de soja na composição da ração de bovinos.

Problemas Ambientais
Benefícios para a Saúde
Prevenção de doenças cardiovasculares;
Tratamento de disfunções como hipertensão, hipercolesteronemia e osteoporose;
Diminui as taxas de LDL, regularizando o colesterol do organismo;
Auxilia na manutenção da estrutura óssea;
A fibra contida na soja reduz a velocidade de absorção da glicose, auxiliando no controle da diabetes;
A soja á rica em proteínas, minerais (cálcio, ferro, fósforo e outros) e em vitaminas do complexo B, essenciais ao bom funcionamento do organismo.

Problemas Ambientais
Uso Inadequado na Alimentação
Interferência na absorção de minerais (exemplos: ferro e zinco);

Acúmulo de cálculos renais e alergias;

Formação de nódulos no pâncreas;

Disfunções da tireóide;

Inibição de síntese de hormônios.
Full transcript