Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Vida e obras de Nicolau Maquiavel

No description
by

Jonatas Yuri Seratti

on 15 August 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Vida e obras de Nicolau Maquiavel

Nicolau Maquiavelpintura de Santi di Tito, no Palazzo Vecchio
Nasceu emFlorença na Italia, em 3 de maio de 1469.
Tinha grande preferência pelos estudos desde pequeno.
Historiador, diplomata, filósofo, estadista e político italiano no Renascimento.
Aos 29 anos, exerceu o cargo de secretário da República de Florença.
Vida e obra de um gênio
obras
Nicolau Maquiavel
‘Poucos vêem o que somos, mas todos vêem o que aparentamos.’

Criado a partir do seu nome, significa esperteza, astúcia, aleivosia, maldade.


Afirmam que ele foi um dos únicos realistas que verdadeiramente entendiam o mundo político e que teve a coragem de descrevê-lo como ele realmente é.
Vida e obra de um gênio
memorial , forma objetiva maquiavélica.
-segundo estudantes de filosofia, história e política.
Cesare Bórgia, filho do papa Alexandre VI, também conhecido como Rodrigo Bórgia.

Amigo íntimo de Maquiavel
que lhe ofereceu o modelo ideal,
na conduta, para a composição do seu livro.
"O Príncipe" escrito entre 1513 e 1516, com o objetivo de modelar a arte de governar pela força, intimidação e astúcia.
acabamentos
Faleceu em 21 de junho de 1527, Florença, Itália.


paródia
Nessa paródia é enfatizada a teoria de Nicolau Maquiavel. A questão central do pensamento maquiaveliano, no livro "O Príncipe", é como o governante deve conquistar e manter o poder o máximo de tempo. Ele oferece instrumentos para um determinado "herói" no sentido grego para que possa governar de forma autônoma.
obra "O Príncipe"
Pensamento Político de Maquiavel
Defende que o poder, a honra e a glória são bens que devem ser perseguidos e valorizados, ao contrário da ideia restrita de virtude cristã angelical (livre de tentações).
O homem de virtú poderia conseguir bens na terra e deveria lutar por isso, sem ficar almejando recompensas exclusivamente celestiais. A moral não poderia ser um limitador da prática política.
O pensamento político de Maquiavel se apoia no conceito de que a estabilidade da sociedade e do governo precisam ser conseguidos a todo o custo.


A diferença entre Maquiavel e os demais cientistas naturais está no constrangimento imposto por suas ideias. Sua originalidade destaca-se pela forma como lidou com a moral na política, trazendo uma visão independente dos conceitos defendidos pela igreja.
Refêrencias bibliograficas
Acesso em :http://www.investidura.com.br/biblioteca-juridica/resenhas/filosofiadodireito/196030-resenha-sobre-o-livro-o-principe-de-nicolau-maquiavel
Acesso em :http://www.scielo.org/cgi-bin/wxis.exe/applications/scielo-org/iah/?IsisScript=iah/iah.xis&base=article%5Edart.org&nextAction=lnk&lang=p&indexSearch=&exprSearch=MAQUIAVEL
Obrigado pela atenção!
Maquiavel começa o livro com uma dedicatória ao "magnífico Lourenço de Médici", oferecendo-lhe o livro. Depois ele descreve as formas de poder e os dois principais tipos de governo: as monarquias e as repúblicas.
Maquiavel escreve sobre como um príncipe deve proceder ante seus súditos e amigos, depois é explicado ao príncipe como cuidar de suas finanças, para não ser visto como gastador, e levar o povo à pobreza
Não é necessário a um príncipe possuir todas as qualidades, mas é preciso parecer ser piedoso, fiel, humano, íntegro e religioso. Depois explica como o líder deve controlar e o que deve fazer para manter seu povo feliz, mantendo distância dos bajuladores, e controlando seus secretários.
Maquiavel também explica porque os príncipes italianos perderam seus Estados e como fazer para que isso não aconteça
Nos últimos capítulos explica como tomar a Itália e como se manter na linha entre a fortuna e Deus dizendo que os líderes devem adaptar-se ao tempo em que vivem, para manter-se no poder por mais tempo.
O livro retrata a experiência de Maquiavel em analisar as estruturas de um governo, oferecendo ao príncipe Lourenço de Médici uma forma de manter-se permanentemente no poder, sem ser odiado por seu povo.
Full transcript