Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

o iluminismo e a escola fisiocrata

No description
by

pedro aguero

on 27 June 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of o iluminismo e a escola fisiocrata

O conceito histórico do Iluminismo:
Consumption
O Iluminismo surge em uma época de grandes transformações tecnológicas, com a invenção do tear mecânico, da máquina a vapor, entre outras. É o período que marca o fim da transição entre feudalismo e capitalismo.
The Product
A teoria do Iluminismo:
O Iluminismo
Organização:
CONCEITO DE FISIOCRACIA
Turgot:
Resources
na esfera política:
A fisiocracia é considerada a primeira escola da economia científica criada no século XVIII.
É uma teoria econômica que surgiu para se opor ao mercantilismo,apresentando-se como fruto de uma relação iluminista.
A fisiocracia é uma teoria que se baseia na ideia de que a riqueza é proveniente da terra e da agricultura.
FISIOCRACIA
e
A escola
fisiocrata

teoricos da fisiocracia
Nascido em 1727, Paris, foi um economista cuja obra é considerada um elo entre a fisiocracia e a escola britânica de economia clássica ; um grande admirador dos encilopédistas e pensadores iluministas que formaram a primeira escola de economia científica,se tornou adepto de fisiocracia,
Quesnay:
foi também um economista que se destacou como principal figura da escola fistocrata. Nascido em 1694,Méré,ele viveu em uma França que passava pela Reforma de Colbert,aquele país já estava há duzentos anos de luta contra a rival Inglaterra.Quesnay era filho de agricultores e, devido à situação em que viveu, sendo fruto de sua época, era adepto da Fisiocracia.
GORNAY:
Foi um economista nascido em 1712,Saint-Malo,fez várias viagens profissionais pela Europa, aproveitando para fazer estudos sobre o comércio. Nomeado em 1751 intendente de comércio, percorreu com esse título diversas províncias da França, observando e combatendo abusos.Estava ligado à escola dos fisiocratas porém ao contrário de alguns,dava mais importância à indústria
O ILUMINISMO
O Iluminismo foi um movimento cultural realizado pela elite intelectual europeia que procurou mobilizar o poder da razão a fim de reformar a sociedade e o conhecimento herdado da tradição medieval e foi contra os abusos da igreja e do estado.
O Iluminismo foi despertado por filósofos tais como: Baruch Spinoza, John Locke, Pierre Bayle e Isaac Newton.Apoiaram e fomentaram figuras do Iluminismo e até mesmo tentaram aplicar as suas ideias de governo.
O centro do Iluminismo foi a França e pode-se ver vestígios de seu modo governamental até os dias atuais.
Este trabalho foi realizado por alunos do Colégio Marista Goiânia a partir de estudos baseados em livros e fontes da internet.Foi um grande esforço fazer este trabalho porem, valeu apena pelo trabalho em grupo e pelo conhecimento adquiridos baseados em estudos para a formação deste trabalho.
fontes:
Wikipedia, Brasil Escola, Enciclopedia ,aridesa.com e not1.com.br.
integrantes:
Pedro Aguero, Anna Luisa,Gabriel Mendez, Ana Carolina e Letícia
Dentre as principais características do pensamento fisiocrático, é importante mencionar: Ordem natural – conceito introduzido pelos fisiocratas, em que a economia funcionava por uma ordem natural inerente.
De acordo com essa premissa, as atividades humanas deveriam ser mantidas em harmonia com as leis naturais;“Laissez faire, laissez passer” determinava que os governos não deveriam interferir nas atividades humanas ; Ênfase na agricultura –era consenso entre os fisiocratas que a indústria, comércio e manufatura estavam subordinadas à agricultura e Reforma tributária – sendo a agricultura a atividade nuclear no desenvolvimento do modelo fisiocrata, os seguidores de tal doutrina econômica acreditavam que países como a França deveriam unificar a série de impostos existentes, transformando-o num único imposto, a ser cobrado da atividade agrícola, tendo como foco principal os grandes donos de terra.
Deus e religião
no Iluminismo
No entanto, se o homem não tem sua liberdade assegurada, a razão acaba sendo tolhida por entraves como o da crença religiosa ou pela imposição de governos que oprimem o indivíduo.
A racionalização dos hábitos era uma das grandes ideias defendidas pelo Iluminismo.
As instituições religiosas eram sistematicamente atacadas por esses pensadores. A intromissão da Igreja nos assuntos econômicos e políticos era um tipo de hábito nocivo ao desenvolvimento e ao progresso da sociedade. Até mesmo o pensamento dogmático religioso era colocado como uma barreira entre Deus e o homem.nspirados pelas leis fixadas nas ciências naturais, os iluministas também defendiam a existência de verdades absolutas.
O homem, em seu estado originário, possuía um conjunto de valores que fazia dele naturalmente afeito à bondade e igualdade. Seriam as falhas cometidas no desenvolvimento das sociedades que teria afastado o indivíduo destas suas características originais.
Por isso, instituições políticas preocupadas com a liberdade deveriam dar lugar às injustiças promovidas pelo Estado Absolutista.
o Iluminismo nas esferas políticas, geográficas e econômicas
Para os filósofos iluministas, o homem era naturalmente bom, porém, era corrompido pela sociedade com o passar do tempo.
Eles acreditavam que se todos fizessem parte de uma sociedade justa, com direitos iguais a todos, a felicidade comum seria alcançada.
Por esta razão, eles eram contra as imposições de caráter religioso, contra as práticas mercantilistas, contrários ao absolutismo do rei, além dos privilégios dados a nobreza e ao clero.

Os burgueses foram os principais interessados nesta filosofia, pois, apesar do dinheiro que possuíam, eles não tinham poder em questões políticas devido a sua forma participação limitada.
Naquele período, o Antigo Regime ainda vigorava na França, e, nesta forma de governo, o rei detinha todos os poderes. Uma outra forma de impedimento aos burgueses eram as práticas mercantilistas, onde, o governo interferia ainda nas questões econômicas.
na esfera econômica:
Os pensadores iluministas que se ocuparam de questões econômicas deram origem a duas grandes correntes de pensamento.
A primeira delas foi a fisiocracia, que obteve grande circulação nos fins do século XVIII.
Uma outra teoria mais amplamente desenvolvida foi o “liberalismo”, que até hoje influencia fundamentos do pensamento econômico contemporâneo.
A fisiocracia foi responsável pela crítica ao vigente sistema econômico mercantilista.
Segundo suas ideias, o pensamento fisiocrata criticava a lógica de exploração e acúmulo de metais preciosos defendida pelo mercantilismo.
De acordo com a fisiocracia, as práticas mercantilistas não promoveriam o desenvolvimento das riquezas de uma nação.
A única real fonte de riqueza estaria vinculada à terra.
As demais atividades econômicas (a manufatura e comércio) seriam mera consequência da riqueza produzida das atividades agrícolas.
na esfera social:
A valorização da ciência prática é característica do movimento, pois suas ideias valeriam na medida em que delas decorressem ações e providências capazes de alterar a realidade dos povos.
Do ideário iluminista fazem parte, por exemplo: o desenvolvimento das ciências naturais, o combate à escravidão, à fome, o anticlericalismo e o anticolonialismo, foram influências iluministas que vigoram até hoje em nossa sociedade.
O Iluminismo exerceu vasta influência sobre a vida política e intelectual da maior parte dos países ocidentais.
A época do Iluminismo foi marcada por transformações políticas tais como a criação e consolidação de estados-nação, a expansão de direitos civis, e a redução da influência de instituições hierárquicas como a nobreza e a igreja.
De acordo com essa premissa, as atividades humanas deveriam ser mantidas em harmonia com as leis naturais;“Laissez faire, laissez passer” determinava que os governos não deveriam interferir nas atividades humanas ; Ênfase na agricultura –era consenso entre os fisiocratas que a indústria, comércio e manufatura estavam subordinadas à agricultura e Reforma tributária – sendo a agricultura a atividade nuclear no desenvolvimento do modelo fisiocrata, os seguidores de tal doutrina econômica acreditavam que países como a França deveriam unificar a série de impostos existentes, transformando-o num único imposto, a ser cobrado da atividade agrícola, tendo como foco principal os grandes donos de terra.
Full transcript