Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Apresentação projeto

No description
by

Tatiana Rossini

on 17 January 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Apresentação projeto

Timeline 2013 2009 2010 2011 2012 Proposta Metodológica 0 + - = 9 8 7 1 2 3 4 5 6 c Como os recursos educacionais abertos científicos juntamente com os potenciais da Web 2.0 podem contribuir para a formação de professores-autores para a docência e aprendizagem colaborativa na essência da cibercultura? Objetivo Geral e específicos Objetivo geral: Investigar a construção, a reapropriação, o compartilhamento e a categorização de recursos educacionais abertos científicos no repositório comum de conhecimento pelos professores da Faculdade de Educação da UERJ.

Objetivos da pesquisa:
(a)Compreender os diversos processos que envolvem a construção de materiais educacionais científicos pelos professores na cibercultura;
(b)Construir e definir colaborativamente o repositório comum de conhecimento com os recursos educacionais abertos produzidos pelos professores;
(c)Estruturar processos dinâmicos que garantam a sustentabilidade e a qualidade de recursos educacionais abertos científicos produzidos por professores, alunos e a comunidade acadêmica em geral no repositório comum de conhecimento. Posição espistemológica a) Pesquisa-formação multirreferencial (Ardoíno & Macedo) partindo do princípio que os saberes precisam ser articulados e vivenciados na pluralidade de suas construções e instituições, em uma visão crítica e construtiva;

b) Dialogismo de Bakhtin (2003) - multiplicidade de pontos de vistas, polifonia, ênfase no papel do sujeito, autoria.

c) Negociação de Bhabha (2011) - narrativas dos sujeitos Referencial teórico Paradigma da complexidade (Morin, 2008)
Multirreferencialidade (Ardoíno, 2008)
Pesquisa-formação (Macedo, 2008) &
(JOSSO, 2008)
Autoria (Pretto, 2012) & (Bakhtin, 2003)
Teoria dos cotidianos (Certeau, 2004) &
(Alves, 2004) O que é REA? Recursos Educacionais Abertos: desafios
para a formação de professor-autor Resultados Esperados Problema Com atividades que promovam a pesquisa, a produção e o compartilhamento de REA no âmbito institucional e para a comunidade globalizada, poderemos contribuir para a divulgação e a consolidação de práticas educacionais colaborativas para além dos muros das escolas, promovendo a formação de sujeitos-autores capazes de colaborar na construção de materiais digitais de qualidade. Podem ser conteúdos de aprendizagem de cursos abertos, interfaces de apoio ao desenvolvimento, à utilização, ao reuso, à busca, à organização e à autoria de conteúdos, bem como, sistemas de gerenciamento de aprendizagem e recursos de implementação que abrangem licenças para a disseminação da informação (HYLÉN, 2005).

Os REA possibilitam a ampliação do acesso ao conhecimento e também fazem uso de licenças abertas– as mais utilizadas são as da Creative Commons – que são incorporadas para garantir o seu reuso e a sua disseminação sem ter que pedir permissão ao autor ou pagar o uso de direitos autorais. As licenças Creative Commons são as mais utilizadas para licenciamento de diversos tipos de conteúdos abertos, pois facilitam a sua reapropriação, garantindo a propriedade intelectual e criativa do autor. Os REA podem ser construídos em aplicativos preferencialmente gratuitos e disponibilizados em interfaces da Web 2.0, como por exemplo, Flickr, YouTube e Moodle.
Full transcript