Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Revoluções Industriais - Ivan Pistelli

No description
by

Ivan Pistelli

on 24 December 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Revoluções Industriais - Ivan Pistelli

Revoluções
Industriais Reino Unido França Alemanha Estados Unidos Primeira Revolução Industrial A Primeira Revolução Industrial ocorreu entre o séc. XVIII e o séc. XIX no Reino Unido. A fonte de energia utilizada na época era o carvão mineiral. A tecnologia na época eram as máquinas a vapor, um grande salto tecnológico na época.
A Doutrina economica na época era o liberalismo econômico. Holanda Rússia Essa revolução ficou caracterizada por duas importantes invenções que propunham uma reviravolta no setor produtivo e de transportes: a ciência descobriu a utilidade do carvão como meio de fonte de energia e a partir daí desenvolveram simultaneamente a máquina a vapor e a locomotiva. Essa grande transformação no setor de transporte, com as locomotivas à vapor, ajudou ao transporte de matérias primas. A indústria têxtil passou a utilizar essa nova tecnologia para a produção de tecidos, que antes era feito de modo artesanal. Com essa nova tecnologia, consequentemente, hove um aumento populacional e o surgimento de uma nova classe social (operariado ou proletariado). Além do desemprego, aumento da violência, pobreza e a exploração do trabalho infantil. Ocorreram as primeiras manifestações do proletariado por melhores condições de trabalho e maiores salários. Essas organizações dos trabalhadores, posteriormente, deram origem aos sindicatos A doutrina que melhor correspondia aos anseios da burguesia no séc. XVIII era o liberalismo econômico, que defendia a liberdade individual, a livre iniciativa e o direito a propriedade privada, como os princípios para assegurar o progresso.
Os economistas do final do século XVIII, eram contrários a intervenção do Estado na economia. Para eles o Estado deveria apenas dar condições para que o mercado seguisse de forma natural seu curso. O liberalismo teve fim em 1929, com a Grande Depressão, a quebra da Bolsa de Nova York, provocando falências bancarias e muito desemprego. Segunda Revolução Industrial A Segunda Revolução Industrial ocorreu entre a metade do séc. XIX ao início do séc. XX na Inglaterra, França, EUA, Japão, Reino Unido, etc, que utilizaram carvão mineiral, petróleo e energia elétrica como fontes de energia. As novas tecnologias disponíveis na época eram os carros, os trens, aviões e o telefone. Na primeira metade do séc XX, diante das constantes crises geradas por esse sistema econônmico (liberalismo), muitos economistas começaram a defender a intervenção do Estado na economia. O economista Jonh Keynes sintetizou essas ideias propondo uma intervençnao estatal que conduzisse ao incremento da produçnao, dos investimentos públicos e dos empregos. Essas ideias foram conhecidas como keynesianismo. Terceira Revolução Industrial A Terceira Revolução Industrial iniciou-se em meados do séc. XX e está ocorrendo até agora nas grandes potências mundiais (Canadá, Rússia, Italia, China, Japão, EUA, Brasil, etc). A fonte de energia é de petróleo, elétrica, nuclear, solar, eólica, hidroelétrica, etc. A principal tecnologia é o desenvolvimento da robótica, da informática e da biotecnologia. O keynesianismo durou até os anos de 1980. Atualmente, a doutrina econômica é o neoliberalismo (incentivo ao investimento e ao projeto econômico. Atividades economicas e financeiras reduzidas ao mínimo). A Segunda Revolução Industrial caracterizou-se também pela produção em série (produtos padronizados em grande quantidade) e a divisão de produção (cada trabalhador realizava apenas uma tarefa). A produção passou a ser planejada e controlada nos escritórios, havendo a separação do trabalho intelectual do manual. Esse método de produção ficou conhecido como Regime Fordista. A utilização da eletricidade e do petróleo como combustível trouxe novos progressos. No ciclo do petróleo, na primeira metade do século XX, a industria automobilística tomou impulso. Carros, trens elétricos e aviões possibilitaram transportes mais rápidos e eficientes. A partir de 1850, os países europeus foram pouco a pouco aderindo ao livre-comércio e estabeleceram o chamado padrão-ouro, que foi um sistema no qual todos os países cotavam a sua moeda em ouro, e se comprometiam a trocá-la pelo metal a qualquer momento. Este método facilitou muito o intercâmbio comercial, pois era como se houvesse uma única moeda no mundo: o ouro, uma vez que todas as moedas poderiam ser trocadas livremente por elas.
Full transcript