Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Eletroencefalograma

No description

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Eletroencefalograma

Eletroencefalograma
Encéfalo
É o centro do sistema nervoso em todos os animais vertebrados, e em muitos invertebrados e é localizado na cabeça protegido pelo crânio, próximo aos aparatos sensoriais primários: visão, audição, equilíbrio, paladar, e olfato.
Composto entre outras estruturas pelo cérebro, cerebelo, mesencéfalo, bulbo raquidiano e tronco encefálo - contém cerca de 86 bilhões de neurônios, ligados por mais de 10.000 conexões sinápticas cada
Eletroencefalograma
O eletroencefalograma ou EEG é um exame complementar que avalia a atividade cerebral,
suas variações e alterações. É realizado através de eletrodos aplicados ao couro
cabeludo do paciente, em locais predefinidos do crânio para conseguir estudar a maior
porção da superfície cerebral
Quando está indicado?
Suspeitas de alterações da atividade elétrica cerebral e dos ritmos cerebrais fisiológicos.
Epilepsia ou suspeita clínica dessa doença.
Pacientes com alteração da consciência.
Avaliação diagnóstica de pacientes com outras doenças neurológicas (ex: infecciosas, degenerativas) e psiquiátricas.
Como é feito
Inicialmente, coloca-se eletrodos em posições pré-definidas ou respeitando o Sistema internacional 10-20 sobre o couro cabeludo do paciente;
Um amplificador aumenta a intensidade dos potenciais elétricos que serão plotados em um gráfico analógico ou digital, dependendo do equipamento.
As alterações dos padrões da normalidade permitem ao médico fazer a correlação clínica com os achados do EEG
Uma mesma alteração eletroencefalográfica pode indicar diferentes enfermidades, apesar da regularidade de associação de alguns sinais, como por exemplo os que indicam as alterações de consciência do "coma"
Existem Contraindicações?
Absolutas: por se tratar de exame não invasivo, não há contraindicações absolutas para sua realização.
Relativas: seborreia excessiva, infecção de pele no couro cabeludo e pediculose.
Ondas
A interpretação do EEG baseia-se na associação dos referidos freqüências de onda aos estado fisiológicos naturais do ciclo de sono, sonhos e vigília e a detecção de grafo-elementos anormais associados por sua vez à patologias específicas e alterações do metabolismo do encéfalo.
Novas formas de interpretação foram propostas a partir dos estudo de Norbert Wiener sobre comunicação e controle no animal e na máquina inclusive com modelos de análise matemática (aplicação da transformação rápida de Fourier) do espectro de ondas cerebrais.
A eletroencefalografia digital que permite a realização de análises quantitativa e topográfica ou mapeamento cerebral com distribuição do espectro do EEG ou considerando ambas as formas de variação vem se difundindo confirmam várias características consagradas pela eletrencefalografia analógica
O período é o tempo(T) de um ciclo completo de uma oscilação de uma onda. A frequência (F) é período dividido por uma unidade de tempo (exemplo: um segundo), e é expressa em hertz.
Quando ondas são expressas matematicamente, a frequência angular (ômega; radianos por segundo) é
constantemente usada, relacionada com frequência f.
A partir de seu ciclo no eletroencefalograma distingue basicamente
quatro tipos de onda:
Beta: 14 - 30 /seg.
Alfa: 08 - 13 /seg.
Theta: 04 - 07 /seg.
Delta: 0,5 - 03 /seg.
Análise Espectral
É o método de definir a composição química da substancia através do seu espectro. Tal como as impressões digitais das pessoas, os espectros de linhas têm características individuais. Devido às características individuais dos espectros, pode definir-se a composição química do corpo.
Academicas: Bárbara Isabela Souza de Oliveira;
Gabriella Moser;
Kathiusa Gaudêncio.
Física Aplicada - Biomedicina A.
Mapeamento Cerebral
A interpretação pessoal dos traçados é muito difícil quando o número de canais é grande ou a natureza da anomalia é complexa. Daí a necessidade de acoplar ao processo os requintes da informática. Com isso foi possível a elaboração de um mapeamento cerebral eletricamente determinado.
A informática, através de softwares próprios e de cálculos matemáticos complexos tem sido usada para realizar mapeamentos cerebrais coloridos. Este tipo de exame é chamado de EEG Quantitativo, em contra-partida da avaliação qualitativa da eletroencefalografia tradicional.

EEG Quantitativo
EEG Quantitativo proporciona uma avaliação mais precisa da atividade cerebral, dando uma visão gráfica mais acurada da localização de alterações elétricas. A informática também proporciona animações dinâmicas das imagens cerebrais, facilitando o estudo da função cerebral e do cérebro em ação.

Atualmente as principais indicações do EEG Quantitativo é determinar localização precisa de tumores cerebrais, bem como a localização precisa de doenças focais do cérebro, incluindo entre elas a epilepsia, as alterações vasculares e derrames.

Em psiquiatria, o EEG Quantitativo tem sido usado para estabelecer diferenças entre vários diagnósticos, tais como a hiperatividade e os distúrbios da atenção em crianças, as demências senis ou não, a atrofia cerebral, a esquizofrenia, e até alguns casos de depressão. Em neurologia o EEG Quantitativo, além dos focos epilépticos, é útil na monitoração da abstinência de drogas, em infecções do cérebro, nos estados de coma, de narcolepsia e no acompanhamento pós-operatório de pacientes que foram submetidos à cirurgia cerebral.
O futuro do EEG Quantitativo será proporcional ao futuro acoplamento de métodos digitais de análise de sinais e de processamento de imagens pelos computadores futuros.
A topografia cerebral oferecida pelo EEG foi possível devido ao grande número de eletrodos colocados na cabeça e da resolutividade dos computadores. O mapeamento cerebral colorido gerado pelos computadores e pelas impressoras coloridas avalia a quantidade da atividade elétrica de uma determinada região através das diversas tonalidades de cor. Nesse método as cores roxa e preta representam baixa amplitude das ondas elétricas, enquanto o vermelho e o amarelo podem representar amplitudes maiores.
Full transcript