Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Sociedade e Religião na América Portuguesa

No description
by

Thamires Santos

on 15 April 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Sociedade e Religião na América Portuguesa

Sociedade e Religião na América Portuguesa
Família Colonial
- Família patriarcal:
- Família composta pelo chefe, sua esposa, filhos, netos e núcleos secundários;
- O patriarca cuidava dos negócios e mantinha a "honra familiar";

- Família nuclear:
- Formada pelo núcleo principal (pai, esposa e filhos legítimos);
- O chefe da família não tinha poder além do núcleo;

Obs:.
Apesar dos modelos, as famílias variavam nos diversos locais;
Tribunal da Inquisição
-
Tribunal do Santo Ofício
: impedir o avanço do protestantismo, combater as ideias contrárias aos dogmas e manifestações "pagãs";

- Visitações na Bahia e em Pernambuco (1591);

- Punições: flagelações, penitências públicas, multas, confisco, degredo, prisão, trabalho forçado, execução.
Tráfico Negreiro, Escravos e Resistência
- Depois que se descobriu a América, in- tensificou-se o comércio escravo, sem qualquer limite quanto à crueldade praticada, visava-se somente o lucro que se obteria com a venda de homens, mulheres e crianças vindas direto da África para as Américas.

- Os castigos eram frequentes, sendo o chicote a punição mais utilizada no Brasil colônia.

Religiosidade Popular
- Fusão de elementos culturais africanos, católicos, indígenas e judeus;

-
Irmandades leigas
: grupos religiosos formados e comandados por "leigos" (confrades) - assistência espiritual e funerária (brancos, negros, mestiços) - garantia de sepultamento digno.
Evangelização
- Ligação da Igreja com o Estado;

- Catequese dos indígenas (missões jesuítas, fraciscanas e carmelitas);
Os "Desclassificados"
- Grupo de pessoas situadas entre a população escrava e a elite (grupo diverso);

- Escravos libertos, mulatos mamelucos, índios "civilizados" e brancos pobres;

- Fluidez, instabilidade, trabalho esporádico = funções complementares à produção.
A Mulher na Sociedade
- Muitas eram enclausuradas, desprezadas, espancadas e vigiadas por maridos e pais.

- Algumas romperam uniões indesejáveis, desenvolvendo maneiras própias de viver.

- Resistência: rituais "mágicos", feitiçaria, curas, "simpatias".


Arraiais, Vilas e Cidades
A "Brecha Camponesa"
- Tinham variadas funções, dependendo
da área em que se encontravam:
Área açucareira: contato entre portugueses
e latifundiários, reunia moradores nas missas, embarcar o açucar.
Interior da colônia: expansão da pecuária,
realização de feiras.
Região das minas: arraiais, livres de leis e impossível de cobrar impostos.
- Concessão de pequenos lotes de terra aos escravos não-domésticos para uma produção agrícola voltada para o mercado interno.

- No geral, plantavam mandioca, milho, café, batata, banana e também hortaliças.
ÁLVARO TRINDADE N° 04
BRUNA FERNANDA N° 15
IGOR FERRAZ Nº 23
LARA MONTESI N° 27
LARISSA CORRÊA N° 28
LUANA OSTERGREN N° 29
RUTHE NEMESIO N° 36
THAMIRES SANTOS N° 37
VINÍCIUS BARCELOS N° 39
2º ETIM
Full transcript