Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Perturbação de Hiperatividade e Défice de Atenção (PHDA

No description
by

Joana Sousa

on 2 January 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Perturbação de Hiperatividade e Défice de Atenção (PHDA

Estrutura
Conceito
Etiologia
Incidência e prevalência
Características
Avaliação
Estratégias de intervenção
Tipo de estudo
Procedimentos
Caracterização do contexto e dos sujeitos
Quadro clínico

Etiologia

Estratégias
de
intervenção
Caracteríticas dos
sujeitos
Incidência
Perturbação de Hiperatividade e Défice de Atenção (PHDA)
UNIDADE CURRICULAR:
ESCOLA INCLUSIVA - PEDAGOGIA DIFERENCIADA
DOCENTE:
ANA PAULA GOMES
DISCENTES:
ALEXANDRA MOREIRA, e JOANA SOUSA,

PARTE I - ENQUADRAMENTO TEÓRICO
PARTE II – ESTUDO EMPÍRICO
Síntese reflexiva

Bibliografia

Anexos
Fatores:
Genéticos
Orgânicos
Ambientais
Sociais
Neuro químicos
Estruturais/funcionais
5 - 9 %
2/3 rapazes
1/3 raparigas
Estudo
de
caso

Quadro clínico
Bibliografia
BARKLEY, R. A. (2002), Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade(TDAH): guia completo e autorizado para os pais, professores e profissionais da saúde.

PAPALIA, Diane E., SALLY Wendkos Olds, RUTH Duskin Feldman, (2001), O Mundo da Criança, McGraw-Hill, 8ª Ed.

PARKER, H. C. (2003), Desordem por défice de atenção e hiperatividade. Porto: Porto Editora.

SOSIN, D., & SOSIN, M. (2006) Compreender a desordem por défice de atenção e hiperatividade. Porto: Porto Editora.

SPRINTHALLl, Norman A.; SPRINTHALL, Richard (1998), Psicologia Educacional – Uma abordagem desenvolvimentista, Lisboa, McGraw Hill.

Taylor E, Döpfner M, Sergeant J, Asherson P, Banaschewski T, Buitelaar J, et al (2004) European clinical guidelines for hyperkinetic disorder - first upgrade. Eur Child Adolesc Psychiatry, pp. 7-30

YIN, R. K. (1994) . Pesqui sa Estudo de Caso - Desenho e Métodos (2a ed.). Porto Alegre: Bookman.
Full transcript