Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Reforma Protestante

Reforma Protestante, Lutero, Calvino, Sínodo de Dort, Calvinismo x Arminianismo
by

Rafael Ferreira

on 1 July 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Reforma Protestante

Jacob
Reforma Protestante?
Arminius
Situação da Igreja Católica Romana
Ulrico Zuínglio (1484-1531) 2ª Reforma
- O reformador escreveu os Sessenta e Sete Artigos – a carta magna da reforma de Zurique – nos quais defendeu a salvação somente pela graça, defendeu o consumo de carne na quaresma e o casamento dos sacerdotes, a autoridade da Escritura e o sacerdócio dos fiéis, bem como atacou o primado do papa e a missa.

- Em 1525, o Conselho Municipal de Zurique adotou o culto em lugar da missa e em geral promoveu mudanças mais radicais do que as efetuadas por Lutero.
- João Wycliff (c. 1330-1384) e os Lolardos:
- Filósofo, Sacerdote Inglês.
- Wycliff atacou as irregularidades do clero, as superstições (relíquias, peregrinações, veneração dos santos), bem como a transubstanciação, o purgatório, o celibato clerical e as pretensões papais.
- 1ª Tradução da Bíblia para o Inglês, totalmente manuscrita.

- João Hus (c 1372-1415) e os irmãos Moravios:
Casamento de uma princesa Checa com um príncipe Inglês. Vários estudantes vêm estudar na Inglaterra e conhecem as ideias de Wycliff.
Condenado pelo Concílio de Constanza(1414-1417) e foi queimado vivo. Esse Concílio também condenou Wycliff pós-morte por heresia e seus ossos foram queimados e jogados num rio.
- Movimento Restaurador
- Primeiramente Religioso, mas com implicações políticas, econômicas, sociais,
culturais e intelectuais.
- Avivamento Espiritual: 2 Crônicas 34
3.
Protestante
Reforma
Resumo:
- O que foi a Reforma Protestante?
- Pré-Reforma
- Pré-Reformadores
- Lutero
- Estopim da Reforma
_ Calvino
- Sínodo de Dort
- Arminianismo x Calvinismo
O que foi a
Liderados por Calvino
Liderados por Lutero
1ª Geração
+
2ª Geração
- Transferência da Sede para sul da França (Avignon) - O Cativeiro babilônico da Igreja - (1309-1377)
- O grande Cisma - 3 Papas
- Grande quantidade de impostos e taxas em troca dos serviços da Igreja
- Contabilidade Religiosa ou “matemática da salvação” (débitos = pecados; créditos = boas obras).
- Ostentação do Papa e do Clero:
Leão X (1513-1521), o papa contemporâneo de Lutero, teria dito quando foi eleito: “Agora que Deus nos deu o papado, vamos desfrutá-lo”
- Princípio do julgamento das coisas pela Bíblia
- Renascimento
- Humanismo
Dois movimentos também auxiliaram:
- Nasceu em 1483 em Eisleben, na Saxônia(leste da Alemanha), filho de Hans e Margaretha Luder
- Na juventude tem uma Experiência numa tempestade, então:
- 1505 | Ingressa no Mosteiro agostiniano de Erfurt
- 1512 | Torna-se professor da Universidade de Wittemberg

- 1519 | Defende João Hus e afirma que papas e concílios podiam errar
- 1520 | Bula Papal Exsurge Domine Lute (= “Levanta-te, Senhor”) que deu a Lutero 60 dias para retratar-se. É queimada em praça pública.
- 1520 | Escreve "A Nobreza Cristã da Nação Alemã" e "O cativeiro Babilônico da Igreja" e "A liberdade do Cristão"
Casa-se com Catarina de Bora
- 1521 | Bula de excomunhão - Decet Pontificem Romanun
- 1521| Vai a Dieta de Worms (Reunião do Parlamento Alemão) Lutero é questionado à se retratar.
Surge então
com questionamentos a respeito dos ensinamentos de Calvino
Aplicações da
O Presbiterianismo
- Com a morte de Maria em 1558, Elizabete reina durante 45 anos.
Protestantismo volta.
- Os puritanos insistem na reforma da genuína Igreja Inglesa.
- Morte de Elizabete em 1603, Tiago VI da Escócia, torna-se Tiago I.
Legado: King James Version.
- Tiago sucedido pelo Seu Filho Carlos I, reinou de 1625 a 1649
- Carlos precisa de mais recursos para a Guerra contra os Escoceses Presbiterianos e convoca a eleição de um Parlamento.

- Parlamento convoca a Assembléia de Westminster.

- Pedem socorro a Escócia. Assinam documento comprometendo-se a defender a Igreja Presbiteriana escocesa e reformar a Igreja Anglicana.

- Robert Baillie, um dos representantes escoceses, descreveu um dos dias de jejum e oração:
Assembléia de Westminster
Ensinos de Calvino
Reforma Inglesa
1º de Julho de 1643.
5 anos e meio.
1163 reuniões.
Reforma
Pré-Reforma
2.
Pré-Reformadores
3.
Martinho Lutero
4.
Estopim da Reforma
- A compra do Arcebispado de Mainz(Alberto de Brandemburgo - Família Hohenzollern)
- A venda das indulgências. João Tetzel.
- As Noventa e Cinco teses(31.10.1517) Convida a comunidade acadêmica para um debate sobre as indulgências
Os Reformadores Radicais(Anabatistas)
Igrejas vistas como congregações voluntárias separadas do Estado; batismo de adultos por imersão; afastamento do mundo; fraternidade e igualdade; pacifismo; proibição do porte de armas, cargos públicos e juramentos. Atos 2;
- A partir de 1524 passaram a condenar tanto Zuínglio quanto as autoridades municipais, alegando que a sua obra de reforma não estava sendo profunda o suficiente.
Por causa de sua insistência no batismo de adultos, foram apelidados de “anabatistas”
- Confissão de Fé de Schleitheim: Ideal de restauração da igreja primitiva;
5.
João Calvino
- 1509 - Calvino nasce em Noyon, no nordeste da frança
- 1523 - Estuda Humanidades e Teologia em Paris
- 1528 - Estudou direito em Orléans e Bourges
- 1531 - Retorna a Paris e retoma seus estudos humanísticos.
- 1533* - Converte-se ao Protestantismo e tem de fugir de Paris. Começa a escrever sua obra Magna
- 1536 - Lançamento das Institutas
- 1536 - Deseja ir para Estrasburgo: Guilherme Fareu convence-o a ficar em Genebra
- 1538 - Devido a Conflitos com as autoridades, ambos são expulsos, mas depois retornam
- 1538 - 3 bons anos em Estrasburgo:
- 1541 De volta a Genebra escreve as Ordenanças Eclesiásticas. Quatro categorias de oficiais:
pastores, encarregados da pregação e dos sacramentos;
doutores para o estudo e ensino da Bíblia;
presbíteros, com funções disciplinares;
e diáconos, encarregados da beneficência
- 1559 - Torna-se cidadão de Genebra, funda a Academia e pública e a última edição das Institutas
- Falece em 27 de Maio 1564
- Pastoreia uma igreja de refugiados franceses
- Participa de conferências com o reformador Martin Butzer
- Leciona na academia de João Sturm
- Casa-se com Idelette de Bure
- Escreve diversas obras
- A soberania de Deus na Criação, providência e Redenção
- Estudo sério e criterioso das Escrituras
Comentário sobre os livros do Novo Testamento e alguns do Antigo
- Importância da educação, para os pastores e os crentes em geral (Harvard, Yale, Princeton)
- Governo representativo através de presbíteros e concílios.
- Instou o conselho municipal de Genebra a afiançar empréstimos a baixos juros para os pobres. Genebra foi o primeiro lugar na Europa a ter leis especiais que proibiam: jogar detritos e lixo nas ruas; fazer fogo ou usar fogão num cômodo sem chaminé; ter uma casa com sacadas ou escadas sem que as mesmas tivessem grades de proteção; alugar uma casa sem o conhecimento da polícia; sendo comerciante, cobrar além do preço permitido ou roubar no peso e, também, estocar mercadorias para fazê-la faltar no mercado e assim encarecê-la (e isso se estendia aos produtores).
- "... visto que toda verdade procede de Deus, se algum ímpio disser algo verdadeiro, não devemos rejeitá-lo, porquanto o mesmo procede de Deus. Além disso, visto que todas as coisas procedem de Deus, que mal haveria em empregar, para sua glória, tudo quanto pode ser corretamente usado dessa forma?"
- Henrique VIII deseja casar-se novamente e pede autorização ao Papa.
- Ato de Supremacia rompe com Roma e passa a ser chefe da Igreja Inglesa
- Sobe ao trono seu filho adolescente, Eduardo VI. Morreu prematuramente
- Assume Maria Tudor, filha de Henrique VIII com Catarina de Aragão, primeira esposa. Maria, a Sanguinária
- Vários pastores fogem para Genebra, e encontrando Calvino no auge criam a Igreja Presbiteriana
1.
Reforma Inglesa
2.
"
"
Que se me convençam mediante testemunho das Escrituras e claros argumentos da razão, porque não acredito nem no Papa nem nos concílios já que está provado amiúde que estão errados, contradizendo-se a si mesmos - pelos textos da Sagrada Escritura que citei, estou submetido a minha consciência e unido à palavra de Deus. Por isto, não posso nem quero retratar-me de nada, porque fazer algo contra a consciência não é seguro nem saudável.

De acordo com a tradição, Lutero, então, disse as seguintes palavras:

"Não posso fazer outra coisa, esta é a minha posição. Que Deus me ajude!"
“Depois que o Dr. Twisse deu início com uma breve oração, o Sr. Marshall orou longamente por duas horas, confessando mui piedosamente os pecados dos membros da Assembléia...
Depois disso, o Sr. Arrowsmith pregou por uma hora, e então foi cantado um salmo. Em seguida, o Sr. Vines orou por quase duas horas,
o Sr. Palmer pregou por uma hora e o Sr. Seaman orou por quase duas horas; em seguida, foi cantado um salmo. Depois disso,
o Sr. Henderson os levou a uma breve e suave reflexão sobre as faltas confessadas e outras faltas vistas na Assembléia, para serem corrigidas.
O Dr. Twisse encerrou com breve oração e bênção. Deus estava presente de modo tão claro nesse exercício devocional que nós certamente esperamos uma bênção tanto sobre os assuntos da Assembléia quanto sobre todo o reino”.
(a) Diretório do Culto Público: concluído em dezembro de 1644 e aprovado pelo parlamento no mês seguinte.
Tomou o lugar do Livro de Oração Comum. Também foi preparado o Saltério: uma versão métrica dos Salmos para uso no culto (novembro de 1645).
(b) Forma de Governo Eclesiástico: concluída em 1644 e aprovada pelo parlamento em 1648. Instituiu a forma de governo presbiteriana em lugar da episcopal, com seus bispos e arcebispos.
(c) Confissão de Fé: concluída em dezembro de 1646 e sancionada pelo parlamento em março de 1648.
(d) Catecismo Maior e Breve Catecismo: concluídos no final de 1647 e aprovados pelo parlamento em março de 1648.
Resultado da Assembléia de Westminster
=
- Nasceu em 1560 e estudou em Leiden e Genebra na gestão de Teodoro Beza, sucessor de Calvino.
- Em 1602 surgiu uma vaga na famosa Universidade de Leiden.
- Morreu em 1609 de tuberculose, influenciou vários jovens com suas idéias e dúvidas.
- Em 1617, após o crescimento das idéias Arminianas e seu uso até mesmo para incitar rebeliões, Maurício de Nassau, convocou para 1 de novembro de 1618 o Sínodo de Dort.
- Holanda
- 56 ministros e presbíteros regentes das igrejas holandesas, 5 professores de teologia e 26 teólogos estrangeiros
2 motivos para chamar estrangeiros:
- Garantir isenção.
- Remonstrantes alegavam que as demais igrejas compartilhavam das suas ideias.
- 13 remonstrantes foram convocados mas foram expulsos após comportamente considerado evasivo, mentiroso e desrespeitoso.
Cânones de Dort promulgado em 6 de maio de 1619 após 154 reuniões.
"Prometo, diante de Deus em quem creio e a quem adoro, que está presente neste lugar, e que é o Perscrutador de nossos corações, que durante o curso dos trabalhos deste Sínodo, que examinará não só os cinco pontos e as diferenças resultantes deles mas também qualquer outra doutrina, não utilizarei nenhum escrito humano, mas apenas e tão somente a Palavra de Deus, que é a infalível regra de fé. E durante todas estas discussões, buscarei apenas a glória de Deus, a paz da Igreja, e especialmente a preservação da pureza da doutrina. Assim, que me ajude Jesus Cristo, meu Salvador! Rogo para que ele me assista por meio do seu Espírito Santo!"
Arminianismo
Calvinismo
F
A
C
T
S
x
reed By Grace
tonement for All
onditional Election
otal Depravity
ecurity In Christ
T
U
L
I
P
otal Depravity
nconditional Election
imited Atonement
rresistible Grace
erseverance of the Saints
2 Crônicas 34
1 Tinha Josias oito anos de idade quando começou a reinar e reinou trinta e um anos em Jerusalém.
2 Fez o que era reto perante o SENHOR, andou em todo o caminho de Davi, seu pai, e não se desviou nem para a direita nem para a esquerda.
3 Porque, no oitavo ano de seu reinado, sendo ainda moço, começou a buscar o Deus de Davi, seu pai; e, no duodécimo ano, começou a purificar a Judá e a Jerusalém dos altos, dos postes-ídolos e das imagens de escultura e de fundição.
4 Na presença dele, derribaram os altares dos baalins; ele despedaçou os altares do incenso que estavam acima deles; os postes-ídolos e as imagens de escultura e de fundição, quebrou-os, reduziu-os a pó e o aspergiu sobre as sepulturas dos que lhes tinham sacrificado.

...
13 Todos os levitas peritos em instrumentos músicos eram superintendentes dos carregadores e dirigiam a todos os que faziam a obra, em qualquer sorte de trabalho. Outros levitas eram escrivães, oficiais e porteiros.
14 Quando se tirava o dinheiro que se havia trazido à Casa do SENHOR, Hilquias, o sacerdote, achou o Livro da Lei do SENHOR, dada por intermédio de Moisés.
15 Então, disse Hilquias ao escrivão Safã: Achei o Livro da Lei na Casa do SENHOR.
16 Hilquias entregou o livro a Safã. Então, Safã levou o livro ao rei e lhe deu relatório, dizendo: Tudo quanto se encomendou a teus servos, eles o fazem.
17 Contaram o dinheiro que se achou na Casa do SENHOR e o entregaram nas mãos dos que dirigem a obra e dos que a executam.
18 Relatou mais o escrivão ao rei, dizendo: O sacerdote Hilquias me entregou um livro. Safã leu nele diante do rei.
19 Tendo o rei ouvido as palavras da lei, rasgou as suas vestes.
21 Ide e consultai o SENHOR por mim e pelos restantes em Israel e Judá, acerca das palavras deste livro que se achou; porque grande é o furor do SENHOR, que se derramou sobre nós, porquanto nossos pais não guardaram as palavras do SENHOR, para fazerem tudo quanto está escrito neste livro.
24 Assim diz o SENHOR: Eis que trarei males sobre este lugar e sobre os seus moradores, a saber, todas as maldições escritas no livro que leram diante do rei de Judá.
25 Visto que me deixaram e queimaram incenso a outros deuses, para me provocarem à ira com todas as obras das suas mãos, o meu furor está derramado sobre este lugar e não se apagará.
26 Porém ao rei de Judá, que vos enviou a consultar o SENHOR, assim lhe direis: Assim diz o SENHOR, o Deus de Israel, acerca das palavras que ouviste:
27 Porquanto o teu coração se enterneceu, e te humilhaste perante Deus, quando ouviste as suas ameaças contra este lugar e contra os seus moradores, e te humilhaste perante mim, e rasgaste as tuas vestes, e choraste perante mim, também eu te ouvi, diz o SENHOR.
30 O rei subiu à Casa do SENHOR, e todos os homens de Judá, todos os moradores de Jerusalém, os sacerdotes, os levitas e todo o povo, desde o menor até ao maior; e leu diante deles todas as palavras do Livro da Aliança que fora encontrado na Casa do SENHOR.
6.
Jacob Arminius
7.
A. A Reforma Resgatou o Conceito do Pecado – Rm 3.10-23

B. A Reforma Pregou a Doutrina da Justificação Somente pela Fé – Gl 3.10-14

C. A Reforma Resgatou o Conceito da Autoridade Vital da Palavra de Deus – 2 Pe 1.16-21

D. A Reforma Redescobriu na Palavra a Doutrina do Sacerdócio Individual do Crente – Hb 10.19-21

E. A Reforma Apresentou, de Forma Clara e Inequívoca, o Conceito da Soberania de Deus — Salmo 24
Conclusão
Bibliografia
15 antes, santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração, estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós,
16 fazendo-o, todavia, com mansidão e temor, com boa consciência, de modo que, naquilo em que falam contra vós outros, fiquem envergonhados os que difamam o vosso bom procedimento em Cristo,
1 Pedro 3:15-16
- Holandês Erasmo de Roterdã (1466-1536), “o príncipe dos humanistas”
- edição crítica do Novo Testamento grego com uma tradução latina
"Deus amaldiçoe teu descanso e a tranquilidade que buscas para estudar, se diante de uma necessidade tão grande te retiras e te negas a prestar socorro e ajuda"
Guilherme Farel à Calvino:
http://noticias.gospelmais.com.br/universidades-como-harvard-yale-e-princeton-foram-fundadas-por-evangelicos.html
http://historiologiaprotestante.blogspot.com.br/2013/10/reflexoes-sobre-reforma-protestante.html
http://diarioreformado.com/serie-os-reformadores-joao-wycliffe/
http://www.ipsantoamaro.com.br/artigos/por-ocasiao-dos-495-anos-da-reforma-protestante.html
http://tempora-mores.blogspot.com.br/2012/10/por-ocasiao-dos-495-anos-da-reforma.html
http://www.historialivre.com/moderna/lutero.htm
http://berakash.blogspot.com.br/2013/04/a-reforma-protestante-divisoes-causas-e.html
http://www.iprb.org.br/artigos/textos/art51_100/art79.htm
https://www.algosobre.com.br/historia/o-grande-cisma-do-ocidente-e-o-concilio-de-constanca.html
http://www.mackenzie.br/6973.html
http://www.mackenzie.br/6962.html
http://www.mackenzie.br/7060.html
http://www.mackenzie.br/7121.html
http://www.mackenzie.br/10993.html
http://www.mackenzie.br/7017.html
http://www.ministeriofiel.com.br/artigos/detalhes/641/Agostinho_de_Hipona_quem_foi_e_como_contribuiu_para_o_correto_entendimento_das_doutrinas_cristas
http://www.monergismo.com/textos/credos/sinodo_dort_witt.htm
http://bereianos.blogspot.com.br/2014/02/o-sinodo-de-dort.html#.VmBvrHarRaQ
http://portuguese.thirdmill.org/files/portuguese/5946~9_18_01_4-24-51_PM~solano5.htm
(John Wycliff)
https://www.youtube.com/watch?v=RKjP8YlEwS8_ (John Huss - Heróis da Fé)
https://www.youtube.com/watch?v=evgqI666IdA_ (Martinho Lutero)
"Devemos reconhecer a Reforma como um movimento operado por homens falíveis, mas poderosamente utilizados pelo Espírito Santo de Deus para resgatar suas verdades e preservar a sua igreja. Não devemos endeusar os reformadores nem a Reforma, mas não podemos deixá-la esquecida e nem deixar de proclamar a sua mensagem, que reflete o ensinamento da Palavra de Deus aos dias de hoje. A natureza humana continua a mesma, submersa em pecado. Os problemas e situações tendem a repetir-se, até no seio da igreja. O Deus da Reforma fala ao mundo hoje, com a mesma mensagem eterna. Devemos, em oração e temor, ter a coragem de proclamá-la à nossa igreja. " Solano Portela Neto
"foram descobrindo que estiveram redescobrindo o que Agostinho já tinha descoberto e que eles tinham esquecido"
Lutero e Calvino...
Martin Lloyd-Jones, Rememorando a Reforma, p 8.
Full transcript