Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Embrapa Soja: 40 anos de pesquisa no Brasil

No description
by

Embrapa Soja

on 22 September 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Embrapa Soja: 40 anos de pesquisa no Brasil

1882
1860
Embrapa Soja: 40 anos de pesquisa no Brasil
Em 2015 a Embrapa Soja completa 40 anos, mas essa história começou há mais tempo do que imaginamos.
Por meio desta linha do tempo, você vai conhecer os principais marcos da cultura da soja no Brasil e como essa história se mantém viva até hoje.

É criado o Ministério da Agricultura.
O primeiro Ministério do Governo Imperial e, também, do Brasil.

1860
1882
1901
1914
Cultivares de soja são introduzidas em estações experimentais ligadas à Escola Superior de Agronomia e Veterinária (Universidade Técnica de Porto Alegre) pelo professor norte-americano, F.C. Craig.
1914
1921
Realizado um plantio de soja na "Estação de Agricultura e Criação", da Secretaria da Agricultura do RS, em Santa Rosa, pelo professor Gentil Coelho Leal e pelo técnico agrícola Floriano Peixoto Machado.

1921
1937
1933
1950
1937
1943
1943
1950

1960
Lançada no mercado a primeira cultivar de soja desenvolvida no Brasil, com o nome de Pioneira.

1962
1960

1962

1965
1966
1965

1966

1971
1972
1973
SÉC XIX
SÉC XX
SÉC XXI
1972

1971

1973

1974
1975
1974

1975

1980
1984
1980

1985
1986
1987
1988
1989
Primeiros cultivos de soja no Brasil
no Recôncavo Baiano por Gustavo
D´Utra, docente da primeira Escola de Agronomia do Brasil.
Primeira Universidade de agronomia do Brasil
1991
1994
1992
1997
1996
1998
1984

1985
1986
1987
1988
1989
1990
1991
1992
1994
1996
1997
1998
2000

2001
2003
2004
2005
2006
2010
2012
2014

2015
1924
1924
1933
1901
Publicado o primeiro estudo sobre soja no RS, pelo professor Guilherme Minssen, do Liceu Rio-Grandense de Agronomia.
Realizados os primeiros cultivos de soja originados das sementes do plantio experimental de 1921, que foram multiplicadas e repassadas para agricultores da região.
Criada, junto ao Ministério da Agricultura, a Diretoria Geral de Pesquisa, substituída em 1934 por três Departamentos Nacionais: Lavouras, Animais e Minerais.
Criado o Centro Nacional de Ensino e Pesquisa Agrícola (CNEPA), responsável pelo ensino superior, pesquisa e experimentação agrícola.
O Ministério da Agricultura se reorganizou novamente: o SNPA e o Departamento Nacional de Produção Animal se fundem, dando lugar ao Departamento de Pesquisa e Experimentação Agropecuária (DPEA).
Novos pesquisadores foram contratados no âmbito do IPEAS, com a consequente criação do Programa ETA-IV-2-IV-Soja, a partir da assinatura de acordo entre o Ministério da Agricultura e o Escritório Técnico de Agricultura Brasil-EUA.
1967
O Departamento de Pesquisa e Experimentação Agropecuária (DPEA) foi renomeado para Escritório de Pesquisa e Experimentação (EPE) e seu escritório transferido do Rio de Janeiro para Brasília.
1967

O Escritório de Pesquisa e Experimentação (EPE) passa a denominar-se Departamento Nacional de Pesquisa e Experimentação Agropecuária (DNPEA).
Promulgada a Lei 5.851/72 que oficializou a criação da Embrapa.
Sistema Plantio Direto (SPD)
O passou a ser utilizado em escala comercial na Fazenda Renânia de Herbert Bartz, em Rolândia/PR.
Pesquisadores de soja dos EUA avaliaram o estado da arte da pesquisa de soja no Brasil, com instalação de Projeto nas dependências do IPAGRO, em Porto Alegre, e área experimental cedida pela Universidade Federal do RS (Estação Experimental de Guaíba). O grupo estabeleceu prioridades de pesquisa e sugeriu ampliação da equipe técnica.
Os estatutos da Embrapa foram aprovados e suas atividades foram iniciadas em 26 de abril de 1973 com a posse da primeira Diretoria. José Irineu Cabral foi o primeiro presidente da Embrapa, junto com os diretores executivos Eliseu Roberto de Andrade Alves, Edmundo da Fontoura Gastal e Roberto Meirelles de Miranda, logo substituído por Almiro Blumenschein.
Foi criado o
Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária

(SNPA)
, que estabelecia como atribuição principal da Embrapa a geração de tecnologia e como atribuição das instituições estaduais a adaptação ou validação dessas tecnologias no âmbito de cada estado. As Universidades priorizariam a geração de conhecimento através de pesquisas de cunho básico em projetos parcialmente financiados pela Embrapa.
Formado
Grupo de Trabalho
(GT) para preparar anteprojeto de implantação do Centro Nacional de Pesquisa de Soja com os seguintes membros:
Amélio Dall’Agnol, Harry Cameron Minor, Antônio Machado Resende, Fernando Irajá Félix de Carvalho, Erlei Melo Reis, Warney Mauro da Costa Val, João Tarcísio Sacilloto Lena e Solon Cordeiro de Araújo .
O relatório do GT foi entregue à Diretoria Executiva da Embrapa em outubro de 1974. A cidade de Londrina (PR) foi escolhida para sediar o Centro Nacional de Pesquisa de Soja.

Em 16 de abril de 1975 foi criado o Centro Nacional de Pesquisa de Soja, hoje, Embrapa Soja.


Criado, na safra 1974/75, o
Manejo Integrado de Pragas (MIP)
. O primeiro teste para avaliação e validação do MIP-Soja foi realizado no Rio Grande do Sul (com o apoio da Fecotrigo) e no Paraná (com o apoio do IAPAR).
Lançado o programa de controle de
perdas na colheita
por meio do copo volumétrico e manual do produtor em parceria com a Emater.
Início do desenvolvimento de cultivares de soja adaptadas às regiões tropicais (soja tropical).
Criado o Programa Nacional de Pesquisa de Girassol
Desenvolvido o inseticida biológico Baculovírus para uso no controle da
Anticarsia gemmatali
s, a principal lagarta da soja na época.
Primeira tentativa de implantação do Sistema de Plantio Direto (SPD) no Brasil, em Matão/SP.
O Ministério da Agricultura estabeleceu um programa de pesquisa de soja no Instituto Agronômico do Sul (IAC, que posteriormente tornou-se IPEAS), em Pelotas (RS), sob a coordenação do engenheiro agrônomo Francisco de Jesus Vernetti.

No início suas instalações estavam alocadas junto com o Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR)

Em 14 de janeiro de 1985, o Centro Nacional de Pesquisa de Soja passou a usar a sigla
Embrapa Soja inicia o Projeto “Desenvolvimento de cultivares de soja adaptadas para o consumo humano
in natura
e para a indústria de alimentos”.
Inaugurado o
campo experimental em Balsas-MA
pertencente à Embrapa Soja até 2011.
Foi publicado o 1º Livro de
Receitas à Base de Soja
, com 140 receitas.

Conduzido estudo visando o controle da queima do broto da soja, causada vírus
Tobacco Streak Virus
, doença endêmica que ocorria nas regiões central e nordeste do Estado do Paraná. Esse vírus foi controlado atrasando a época de semeadura.
Lançada a cultivar
BR-16
que durante 10 anos esteve entre as cultivares mais plantadas sendo indicada desde o Rio Grande do Sul até Minas Gerais.
No dia 04 de novembro de 1988 foi inaugurada a sede própria do
Centro Nacional de Pesquisa de Soja
com ampliação do quadro de empregados.
Início das pesquisas voltadas à resolução de problemas com o Cancro da Haste causada pelo fungo
Diaphorte aspalathi
. O problema foi solucionado com a substituição das cultivares suscetíveis por cultivares resistentes desenvolvidas pelos programas de melhoramento genético brasileiros.
Em outubro de 1989, o CNPSo passou a funcionar nas suas instalações, no Distrito da Warta, em Londrina/PR.
Na safra 1991/1992 ocorreram os primeiros relatos do nematoide de cisto da soja
Heterodera glycines
(NCS), nos municípios de Nova Ponte/MG, Chapadão do Sul/MS e Campo Verde/MT.
A Embrapa Soja iniciou parcerias com o setor privado para o desenvolvimento de cultivares de soja.
Desenvolvido o
zoneamento agroclimático
da soja que indica ao produtor os locais e épocas de menor risco de perdas na lavoura.

Foram lançadas as cultivares Embrapa 48 e BR 36 específicas para consumo humano por meio do Projeto de Soja na alimentação.

Adoção e implementação da metodologia do Treino & Visita.
Desenvolvidas as primeiras cultivares de soja resistentes aos nematoides de cisto (
Heterodeta glycines
).
Início dos acordos de cooperação técnica com o Japão, por meio do Japan International Research Center for Agriculture (JIRCAS) para o desenvolvimento de cultivares em grandes projetos como para
tolerância à seca
e consumo humano.
A cooperação evolui e passa a contar com as instituições: JICA (Japan International Cooperation Agency), o JST (Japan Science and Technology Agency) e a University of Tokyo, no projeto conjunto SATREPS (Science and Technology Research Partnership for Sustainable Development).


O Centro Nacional de Pesqui assumiu assinatura atual:
Mudanças no sistema de produção começaram a fortalecer o cultivo de duas safras por ano devido ao desenvolvimento de cultivares de soja e de milho e algodão mais precoces.
Constatada a presença da ferrugem-asiática causada pelo fungo
Phakopsora pachyrhizi
, a doença mais agressiva da cultura no Brasil.

Inaugurado o bosque que recebe anualmente o plantio de novas mudas pelos empregados que completam 2 anos de casa na Unidade e objetiva despertar a consciência ambiental.
Criado o
Consórcio Antiferrugem
sob a coordenação da Embrapa Soja e o apoio financeiro da indústria química e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.
Montagem do banco de dados que possibilita a utilização do DRIS (Sistema Integrado de Diagnose e Recomendação) para análise do estado nutricional da cultura.
Realizada a 1ª Jornada Acadêmica da Embrapa Soja dirigida aos estagiários e bolsistas com o objetivo de proporcionar a apresentação de trabalhos desenvolvidos na Unidade seguindo os moldes de um evento científico.
Regulamentação do Vazio Sanitário nos Estados de Goiás, Tocantins e Mato Grosso. O Vazio Sanitário foi proposto pela Embrapa Soja durante reunião do Consórcio Anti-ferrugem em 2005. Hoje o Vazio Sanitário está regulamentado em 11 Estados e no Distrito Federal.
Inauguração do Espaço de Educação Ambiental da Embrapa Soja (EEA) voltado para interação com a natureza, aprendizado de valores ambientais e vivência da história das propriedades rurais de Londrina e região.
Lançamento do Programa Soja Livre para ampliação da oferta de variedade de soja convencional com alta tecnologia, qualidade, produtividade e características agronômicas adaptadas às necessidades dos sojicultores.
Inauguração do
Núcleo Tecnológico de Sementes e Grãos
da Embrapa Soja com uma área construída de 700 m2 e com estrutura para realização de treinamentos teórico-práticos, laboratórios e câmaras climatizadas.
Lançada a Tecnologia de coinoculação da soja e do feijoeiro com
Azospirillum
, uma bactéria conhecida no Brasil por sua ação promotora de crescimento em gramíneas.
Primeira sede do ministério da agricultura
Criação do Serviço Nacional de Pesquisas
Agronômicas (SNPA) e da Universidade Rural do Brasil, resultantes da reestruturação do CNEPA.
Lagarta Branca
O choque entre dois aviões no aeroporto de Imperatriz/MA, provocou a morte de quatro pesquisadores da Embrapa Soja: Irineu Alcides Bays, João Batista Palhano, Luiz Antonio Geraldo Pereira e Edilson Bassoli de Oliveira.

CNPSo
Acervo Embrapa Soja
Acervo Embrapa Soja
Bosque Verde Vivo - Acervo Embrapa Soja
Acervo: Embrapa Soja
Crédito R.R Rufino
Universidades Rural do Brasil
Créditos, R.R.Rufino
Créditos, Pedro Crusiol
Crédito, Dulce Mazer
Créditos, Cláudio Nonaca
Acervo Embrapa Soja
CTNBio libera comercialmente a tecnologia Cultivance para cultivo no Brasil. É a primeira soja geneticamente modificada desenvolvida pela Embrapa e Basf no País.
1801 a 1900
1901 a 2000
2001 a 2015
Crédito Revista Globo Rural
Crédito José Renato Bouças Farias
Lançadas as primeiras cultivares de soja da Embrapa com a tecnologia Intacta (BtRR2) que reúne a resistência ao glifosato e proteção a algumas espécies de lagartas.
Desenvolvido o diagnóstico completo para a semente de soja
(DIACOM)
que avalia os principais parâmetros de qualidade de semente.
Início das pesquisas com
trigo
para o Estado do Paraná.
Crédito Jovenil Silva
16 de abril de 2015:
40 anos de Embrapa Soja
Concurso para contratação dos primeiros empregados
para área administrativa da Embrapa Soja
Créditos, Thiago Ienco
1979
1979

1977
1977

Crédito R.R Rufino
Acervo Embrapa Soja
Acervo Embrapa Soja
Realizada a
1ª Reunião de Pesquisa

de Soja
1ª Publicação da Embrapa Soja
Acervo Embrapa Soja
Lançamento de 13 cultivares de soja transgênica desenvolvidas pela Embrapa.
Cooperação Brasil - Japão
O Primeiro Ministério
Os Primeiros Cultivos de Soja
Primeiro Estudo sobre Soja
Cultivares de Soja em Estações Experimentais
Plantio de Soja
Sementes de Soja Multiplicadas e Repassadas aos Agricultores
Criação de Novos Departamentos
Criação do CNEPA
Criação do SNPA
Estabelecimento de Novos Programas de Soja
Soja Pioneira
DPEA
A pesquisa com soja ganhou força
Plantio Direto
EPE
DNPEA
Pesquisas
Início das Atividades da Embrapa
Escolha de Londrina
Perdas na Colheita
Soja Tropical
Girassol
Baculovírus
Cancro da Haste
Início das atividades nas novas instalações
Rede de Parcerias
T&V
Soja RR
Jornada Acadêmica
DRIS
Vazio Sanitário
Cultivance
Criação do Centro Nacional de Pesquisa de Soja

Instalações no Iapar
1º Concurso
Homenagem
Balsas- MA
EEA
Soja Livre
Coinoculação da Soja
Genética Embrapa
SNPA
Controle da queima
BR-16
Inaugurada Nova Sede
Acervo Embrapa Soja
Nematoide de cisto
Trigo
DIACOM
Zoneamento Agroclimático
Alimentos à base de soja
Cultivares e nematoide
Sistemas de produção
Ferrugem
Bosque Verde Vivo
Livro
Elaboração do livro sobre a história da Embrapa Soja
Conte um fato marcante da nossa história e ajude a construir essa linha do tempo!
A União Europeia junta-se a outros mercados mundiais e libera comercialmente a tecnologia Cultivance. Agora a Embrapa e a Basf se preparam para o lançamento no mercado global.
Cultivance no mundo
Crédito Angela Borges - Blog
Crédito Junqueira Ayres
Autor desconhecido
Técnica de plantio direto
Crédito R.R.Rufino
Empregados utilizando o pano de batida
Materiais que compõem o programa de controle de perdas na colheita
Créditos Norman Neumaier
Crédito Daniel Sosa Goméz
Placa de homenagem localizada em Balsas/MA
Autor desconhecido
Entrada da nova sede em 1988
Vista aérea das instalações da Embrapa Soja
Análise DIACOM
Trigo em campo experimental
Ilustração do zoneamento climático por mês
Receitas desenvolvidas com as cultivares específicas para consumo humano
Registro do primeiro T&V realizado

Crédito R.R Rufino
Quantificação de nutrientes em folhas de soja
Full transcript