Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Ciclo Vital da Família

No description
by

Daiani Padilha

on 28 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Ciclo Vital da Família

A união de famílias no casamento: Formação do casal
Tornar-se um casal é uma das tarefas mais complexas e difíceis do ciclo de vida familiar.
• É a união de dois complexos sistemas familiares

Famílias com filhos adolescentes
Fronteiras mais permeáveis;
Abertura a novos valores e ideais
Experimentação adolescente;
Ajustes entre as gerações
Lançando os filhos e seguindo em frente: O ninho vazio
Objetivo: aceitação da flutuação de entradas e saídas no sistema familiar; reajustamentos no subsistema conjugal;



Famílias no estágio tardio da vida
- Flexibilidade
– Ajustes à aposentadoria
– Esvaziamento natural
– Tensão especial no casamento, o qual até então estava equilibrado em esferas diferentes
– Insegurança, medo (ou realidade) da dependência financeira
– Perda de amigos, de parentes e do cônjuge
– Noção da finitude da própria vida
– Condição de avós: interesse pela vida, relacionamento intenso sem o compromisso com a paternidade/
maternidade.
– Dificuldades de alguns em modificar o status dentro e fora da família


Daiani Barros Machado Padilha
Carine Budzyn
Profa. Daniela Levandowski
Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre
Curso de Psicologia
Disciplina de Psicologia do Desenvolvimento I
Ciclo de Vida da Família
Ciclo de vida da família:

– Saindo de casa: O jovem adulto solteiro
– Formação do casal
– Nascimento dos filhos
– Família com filhos pequenos
– Família com filhos adolescentes
– Saída dos filhos de casa
– Família no estágio final

Qual das fases do ciclo de vida da família do modelo americano não é mencionada no modelo brasileiro?

a) Família com filhos adolescentes
b) Família no estágio final
c) Saindo de casa: o jovem adulto
Cerveny e Berthoud
(1997)

1. Fase de aquisição
2. Fase adolescente
3. Fase madura
4. Fase última
Estabelecer objetivos de vida pessoais
Tornar-se "EU" antes de um novo "NÓS"
Escolher sua "bagagem" emocional


• Família: Menos hierárquica


Problemas:

Saindo de Casa: Jovens Solteiros
Dependência
Afastamento
Qual é o princípio -chave do processo de transição emocional de jovens ao sair de casa?

a) Preparar-se para uma união amorosa
b) Aceitar as responsabilidades financeiras e emocionais
c) Realizar o que não lhe era permitido quando adolescente
Objetivos:
– Independência emocional da família de origem
– Envolvimento emocional no novo sistema
– Diferenciação da pessoa em relação a sua família de origem

Tarefas:
Família:
aceitação do esposo(a) como membro da família; reequilibrar o relacionamento aceitando a privacidade do jovem casal.
Jovem casal:
Novos acordos entre si, com os pais, irmãos, amigos, família ampliada.


Percebemos que o casal principal do filme tem um fator em comum que favorece a formação de um novo casal que é:

a) a condição sócio-econômica
b) a proximidade entre suas famílias de origem
c) a cultura
Famílias com filhos pequenos
Objetivos:
– Transformação da unidade familiar de dois para três ou mais membros
– Expansão do sistema de comunicação e dos limites da família
– Vida doméstica x Vida profissional

Tarefas:


– Criar espaço para a(s) criança(s);
– Equilíbrio entre o exercício da maternidade e da paternidade e a preservação e o resgate da conjugalidade
– Todos os membros da família avançam um grau no sistema de relacionamentos;
– Inserção maior do mundo externo na família, bem como de membros desta no mundo que os cerca;
– Reavaliar e adaptar padrões das famílias de origem.

No modelo familiar brasileiro descrito por Cerveny & Berthoud(1997), as duas fases anteriores fundem-se em uma só que se chama:

a) Fase de nova família
b) Fase de aquisição
c) Fase de configuração familiar

Fase de Aquisição

União do casal até a entrada dos filhos na adolescência
Definição de um modelo próprio de família
Aquisição da parentalidade e dos objetivos comuns
Qualidade de vida como maior desejo dos casais
Maior número de aquisições está nessa fase

Nesta fase, além da adolescência dos filhos, há novas mudanças a serem consideradas pelos pais, EXCETO:

a) Lidar com sua entrada na terceira idade
b) Reviver sua própria adolescência
c) Incluir em suas responsabilidades o cuidado de seus próprios pais
Na maioria das famílias existe uma tendência de todos adolescerem, o que faz com que os genitores revivam a própria adolescência
A hierarquia na família fica dissolvida entre pais e filhos
As regras da primeira fase já não dão conta do bom funcionamento da família
Necessidade de maior abertura ao diálogo entre pais e filhos
Flexibilização e normas de conduta

Fase da família adolescente
• Tarefas:
– Renegociar o sistema conjugal como díade
– Negociar relacionamento com os filhos como
adultos
– Expandir os relacionamentos familiares para incluir parentes por afinidades e netos
– Rever as oportunidades do mundo externo fora da família (tempo, espaço, dinheiro) e resolver relacionamentos com pais que estão envelhecendo;

Qual a principal diferença nesta fase entre o modelo familiar americano e brasileiro?
É a mais longa do ciclo vital
Saída dos filhos de casa
Entrada dos agregados e netos
Início de perdas e de cuidados com a geração anterior
Preparo para a aposentadoria
Cuidado com o corpo tendo em vista o envelhecimento
Fase da “casa cheia”

Fase Madura
Inicia-se quando o casal volta a ficar sozinho
Será uma fase de colheita se o casal tiver a chance de manter um bom padrão de vida, ter cuidados, lazer, etc.
A viuvez é o fenômeno mais esperado e mais dificil dessa última fase

Fase Última
1) Em que tipo de configuração familiar o Modelo de Ciclo de Vida Familiar se embasa? (cite o nome e seus componentes).

Funções da Família
Assegurar a sobrevivência biológica e o desenvolvimento psicológico e social dos descendentes;
Transmissão de valores éticos, estéticos, religiosos e culturais;
Ser o “porto seguro” diante de situações críticas;
Transmitir à descendência experiências individuais e coletivas;
Facilitar intercâmbio de informações com o meio externo.
A família Gromberg – Alex, Rebecca, Asher e Eli – ilustra o modelo tradicional de família nuclear. São modelos familiares observados na atualidade:

a) Família patriarcal e recomposta
b) Família monoparental e transgênero
c) Família Ampliada e Homossexual

Qual destes aspectos não que contribuiu para a ocorrência de mudanças nos padrões de ciclo de vida familiar?

a) Mudança no papel feminino
b) Maior índice de natalidade
c) Casais vivendo juntos sem casar

Índice de natalidade menor;
Expectativa de vida mais longa;
Mudança do papel feminino;
Crescente índice de divórcio e recasamento;
Adoção por progenitores solteiros;
Casais vivendo junto sem casar e tendo filhos sem casar;
Entre outros.

4) Como as autoras Carter e McGoldrick (1995), entendem o sistema familiar? Para elas, este engloba:

a) O casal
b) A família nuclear
c) Três gerações da família

Asher, o filho mais velho de Alex e Rebecca, consome substâncias psicoativas. Essa situação representa para família:

a) Um estressor vertical
b) Um estressor horizontal predizível
c) Um estressor horizontal impredizível

Fluxo de ansiedade na família.
Eixo vertical
: padrões de relacionamento e funcionamento transmitidos transgeracionalmente.
Ex.: atitudes, experiências, tabus, rótulos, questões opressivas familiares, etc.
Eixo horizontal
: questões desenvolvimentais, referentes tanto a eventos previsíveis, como a imprevisíveis.
Ex.: Previsíveis - casamento, nascimento dos filhos, entrada dos filhos na escola; Imprevisíveis - morte prematura, nascimento de criança deficiente, guerra, acidentes em geral.
Contexto social, econômico e político.

Eventos Estressores
Full transcript