Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Psicologia do Esporte - Equipe, Coesão de Grupo e Liderança

No description
by

Jeniffer Razzano

on 15 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Psicologia do Esporte - Equipe, Coesão de Grupo e Liderança

Como evitar ou diminuir a Ociosidade Social?
Monitoramento
Reconhecimento
Comunicação
Encontros individuais
Revezamento
Divisão em subgrupos
Estudo:
Efeito Ringlemann X Ingham
Não basta apenas punir sobre ociosidade social, a comunicação deve ser clara, assim além de diminuir a ociosidade social, deve-se aumentar a afetividade entre os membros e a
coesão do grupo.

Equipe é qualquer grupo de pessoas que devem interagir entre si para realizar objetivos comuns
Psicologia do Esporte
Equipe, Coesão de Grupo
e Liderança

DESENVOLVENDO UM CLIMA EFETIVO DE EQUIPE
Desempenho individuais e coletivos no esporte:
"Uma boa equipe é mais do que a soma de suas partes"
Modelo Steiner:
Produtividade real = Produtividade potencial – perdas devido a processos de grupos falhos

Produtividade potencial = melhor desempenho possível da equipe
Processos de grupos falhos = falhas entre as interações complexas que transformariam os recursos individuais em desempenho coletivo
Produtividade real = desempenho final alcançado pela equipe
Perdas devido a processos de grupos falhos
MOTIVAÇÃO
- quando o indivíduo não se esforça 100% do que poderia
COORDENAÇÃO
- falta de ajustamento entre os companheiros da equipe
Além das qualidades individuais, é necessário que cada um antecipe a ação do outro para regular suas próprias ações.
COESÃO x DESEMPENHO
DIRETRIZES AOS MEMBROS:
Coesão de Grupo
LIDERANÇA
Segundo BARROW (1977) liderança é o processo comportamental de influenciar indivíduos e grupos na direção de metas estabelecidas.
No esporte: tomar decisões, motivar os participantes, dar feedback, estabelecer relações interpessoais e dirigir o grupo e a equipe com confiança.
Como se escolhe um líder
- Determinados

- Emergentes
Funções do Líder:
- assegurar que as demandas da organização sejam satisfeitas na medida em que o grupo alcance seus objetivos


- assegurar que as necessidades dos membros do grupo sejam satisfeitas
Estudos da Liderança:
- Abordagem Traço
- Abordagem Comportamental
- Abordagem Interacional
Abordagem Interacional:

1. Modelo de liderança de mediação cognitiva - Smith Smoll (1989)
Comportamento do Técnico
Resposta avaliativa do atleta
Modelo Multidimensional de Liderança - Chelladurai (1978)
Pesquisas sobre o modelo Multidimensional de Liderança:
- Comportamento instrutivo (treinamento)
- Comportamento democrático
- Comportamento autocrático
- Comportamento motivacional de apoio social
- Comportamento motivacional de feedback positivo
Escala de Liderança Esportiva
A Liderança Efetiva
Qualidades do líder
Líderes bem sucedido parecem ter muitas qualidades em comum, como:
Integridade
Flexibilidade
Lealdade
Confiança
Responsabilidade
Franqueza
Preparação
Desenvoltura
Autodisciplina
Paciência
Estilos de liderança:
Democráticos e Autocráticos
Cinco estilos principais de tomada de decisão:
- Estilo Autocrático
- Estilo Autocrático / Consultivo
- Estilo Consultivo Individual
- Estivo Consultivo Grupal
- Estilo Grupal
Fatores situacionais
Se o esporte é coletivo ou individual
Se o esporte é co-participativo
Qual o tamanho da equipe
Qual a disponibilidade de tempo para preparação
Qual a tradição de liderança do grupo
Qualidades dos Seguidores:
As características dos seguidores são importantes para a efetividade do líder
FIM
Formação: momento de estruturação do grupo e de familiarização entre seus membros

Agitação: expressão das diferenças

Normalização: é estabelecida a identidade grupal

Atuação: momento de realização da tarefa que pressupõe a existência da equipe.

1. Papéis a desempenhar em grupo:

conjunto de comportamentos requeridos ou esperados para uma determinada posição, definidos de maneira formal ou informal.
Características Estruturais
2. Normas de grupo:
nível de desempenho, uma padrão de comportamento ou mesmo uma crença - métodos adicionais (Zander).
- Apoio pela Escuta
- Apoio Emocional
- Apoio de Desafio Emocional
- Apoio de Confirmação da Realidade
- Apoio de Reconhecimento da Tarefa
- Apoio de Desafio da Tarefa
- Apoio de Assistência Pessoal
Similaridade
Proximidade
Justiça
Diferenciação
Apoio Social:
Avaliação do Clima de Equipe
Percepção do atleta do comportamento do técnico
Pesquisas sobre o modelo Multidimensional de Liderança:
- Idade e maturidade
- Gênero
- Nacionalidade
- Tipo de esporte
- Características psicológicas
Antecedências da Liderança
Pesquisas sobre o modelo Multidimensional de Liderança:
- Satisfação
- Coesão
- Desempenho
- Motivação intrínseca
Consequências da Liderança - quando a liderança promove...
Justiça
O campo total de forças que agem para que os membros permaneçam em um grupo”
Como as perdas devido a processos falhos interferem no grupo?
OCIOSIDADE SOCIAL
x
ENGENHARIA SOCIAL
Má Motivação
(Festinger, Schacter e Back - 1950)
Atuação de duas forças distintas :
A atratividade do grupo: refere-se ao desejo do indivíduo por interações interpessoais com outros membros do grupo e um desejo de envolver-se nas atividades do grupo.
O controle dos meios, refere-se aos benefícios que um membro pode obter por estar vinculado ao grupo.
Entre os anos 50 e 70 muitas outras definições de coesão de grupo foram colocadas, mas todas sempre partem do princípio de que a coesão engloba dimensões básicas sociais e relacionadas à tarefa.
COESÃO RELACIONADA À TAREFA
reflete o nível que um grupo trabalha junto para alcançar um mesmo objetivo.
Carron (1982) refinou a definição de coesão, propondo que: “coesão é um processo dinâmico que se reflete na tendência de um grupo unir-se e permanecer unido na busca de suas metas e objetivos
COESÃO SOCIAL
reflete o quanto os membros de uma equipe demonstram que gostam de estarem juntos.
Fatores Ambientais:
Fatores Pessoais:
Fatores de Liderança:
Fatores de Equipe:
MODELO CONCEITUAL DE COESÃO
Carron também desenvolveu um modelo conceitual como uma estrutura para estudar sistematicamente a coesão no esporte e no exercício.
Descreve quatro antecedentes importantes que afetam o desenvolvimento da coesão em situações esportivas e de exercícios:
São os mais gerais e remotos, referem-se às forças normativas que mantém m grupo unido.
referem-se às características individuais dos membros do grupo, tais como o motivo da participação.
incluem estilo e comportamentos de liderança que os profissionais exibem e o relacionamento que estabelecem com seus grupos.
referem-se a característica da tarefa (esportes individuais x esportes coletivos), normas de produtividade do grupo, desejo pelo sucesso também exibem altos níveis de coesão.
Avaliando a Coesão
Medidas desenvolvidas para determinar a relação entre coeão e desempenho através da Coesão:
Questionário de Ambiente Grupal (Group Environment Questionaire – GEQ): diferença entre o individuo e o grupo e entre interesses relacionados à tarefas sociais (Windmeyer, Brawley e Carron, 1985). Utilizado com sucesso em vários estudos investigando coesão de grupo no esporte bem como em academias de ginástica.
Sociograma é um instrumento para medir a coesão social. Ele revela a afiliação e a atração entre membros do grupo, incluindo a presença ou a ausência de “panelinhas”, percepções dos membros acerca da união do grupo, escolhas de amizades dentro do grupo, o grau em que os atletas percebem sentimentos interpessoais da mesma forma, isolamento social de membros individuais do grupo e grau de atração do grupo.
Tipo de Medição
Demandas da Tarefa
Direção da Causalidade
Inconsistências encontradas podem ser melhor entendidas considerando 3 fatores:
Comunicação efetiva;
Papéis individuais;
Desenvolver orgulho;
Metas desafiadoras;
Identidade do grupo;
Evitar as “panelinhas”;
Evitar a rotatividade;
Conhecer o clima da equipe;
Encontros periódicos;
Saber algo pessoal.
DIRETRIZES AOS TÉCNICOS:
Conhecer os membros;
Ajudá-los;
Reforço positivo;
Ser responsável;
Comunicação aberta e honesta;
Resolução imediata de conflitos;
100% de esforço.
Full transcript