Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Atuação do Psicólogo em Políticas Públicas - Redução de Dano

No description
by

Alexandre Cardoso

on 5 June 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Atuação do Psicólogo em Políticas Públicas - Redução de Dano

Aliança de Redução de Danos

CREPOP
Atuar em Políticas Públicas é um desafio, já que há uma relação direta com a Rede e uma dependência financeira e burocrática com o Governo.

O que são Políticas Públicas
Políticas públicas são conjuntos de programas, ações e atividades desenvolvidas pelo Estado diretamente ou indiretamente, com a participação de entes públicos ou privados, que visam assegurar determinado direito de cidadania, de forma difusa ou para determinado seguimento social, cultural, étnico ou econômico.
Atuação do Psicologo
Nos serviços de álcool e outras drogas os psicólogos atuam com atendimento individual, psicoterapia de grupo, reunião de equipe, estudo de caso, grupo de acolhimento, oficinas terapêuticas, trabalho de capacitação, trabalho de prevenção. [...] Assim, nos serviços desta área os psicólogos também realizam atendimento à família e trabalho com grupo de família de adolescentes.
(Pesquisa CREPOP/CFP, 2009)
Referências
Atuação do Psicólogo em Políticas Públicas - Redução de Danos
THANK YOU!
Alexandre Cardoso/ Ananda Botto/ Maria Paula Nogueira/ Raiza Vasconcelos
Perfil da Entrevistada
O que é Redução de Danos
Serviços de referência
Violação de direitos
Conclusão
Contexto
Redução de danos é um conjunto de políticas e práticas cujo objetivo é reduzir os danos associados ao uso de drogas psicoativas em pessoas que não podem ou não querem parar de usar drogas.
Por definição, redução de danos foca na prevenção aos danos, ao invés da prevenção do uso de drogas; bem como foca em pessoas que seguem usando drogas.

O que é redução de danos?
Uma posição oficial da Associação Internacional de
Redução de Danos (IHRA) Disponível em: http://www.ihra.net/files/2010/06/01/Briefing_what_is_HR_Portuguese.pdf <acesso em 04/06/2015>
As políticas públicas correspondem a direitos assegurados constitucionalmente ou que se afirmam graças ao reconhecimento por parte da sociedade e/ou pelos poderes públicos enquanto novos direitos das pessoas, comunidades, coisas ou outros bens materiais ou imateriais.
http://www.meioambiente.pr.gov.br/arquivos/File/coea/pncpr/O_que_sao_PoliticasPublicas.pdf <Acesso em: 01/06/2015>
Nome: Natália Gonçalves

Idade: 23

Tempo de graduação: 1 ano, pela UNIFACS

Abordagem: Ainda não definida, tem mais proximidade com a Psicanálise e Analítica

Experiência: AIESEC, Aliança de Redução de Danos, CETAD, Grupo de Trabalho em Redução de Danos, Ponto de Cidadania






O papel do psicólogo na política de redução de danos é levar o paciente a responsabilizar-se pela sua vida e pelas escolhas que faz. É preciso ressaltar que nem todos do grupo demonstraram compreensão sobre a redução de danos enquanto estratégia que perpassa toda a Política. Uma psicóloga, por exemplo, argumentou que não é o caso de o CAPSAD trabalhar nesse sentido, assumindo ações preventivas, por ter um viés clínico. (Pesquisa CREPOP/CFP, 2009)
* Lei nº 11.343/2006
Equipe do Ponto de Cidadania:
Redutor de danos
Estagiários de Psicologia
Psicóloga(o)
Enfermeira
Assistente Social
Residentes
Técnicos
"O psicólogo tem que estar disponível para o outro; Ouvir, olhar. A noção da clínica ampliada é fundamental."
Público acolhido:
Usuários de substâncias psicoativas
em situação de vulnerabilidade social.
Documento de Referências Técnicas para a Atuação de Psicólogas (os) em Políticas Públicas de Álcool e Outras Drogas – VERSÃO PRELIMINAR PARA CONSULTA PÚBLICA. Disponível em: http://www.crp11.org.br/consulta_1.pdf < Acesso em 01/06/2015>
Ponto
de
Cidadania

"tirar o lugar de estigma e mudar o olhar para o humano e para as possibilidade."
CETAD
Ponto de Cidadania

Projeto "Corra pro Abraço"
Falta de documentação

Dificuldade de acesso à saúde e educação

Falta de moradia

Violência
"A atuação acontece com a retirada dos preconceitos do que é a vida normal, por que se está trabalhando com população de rua."
As pessoas em situação de vulnerabilidade associada ao uso de spas, têm os direitos duplamente violados, por causa do próprio preconceito em relação a essas duas características.
CAPS ad
"O estágio no CETAD fertilizou e abriu meus olhos para o meu atual estágio, no Ponto de Cidadania."
"Políticas Públicas: SUS e demais serviços; Os humanos é que fazem ser possível."
"A RD articula a rede"
O CREPOP, Centro de Referência Técnica em Psicologia e Políticas Públicas do Sistema Conselhos de Psicologia, surgiu em 2006, como desdobramento do Banco Social de Psicologia com objetivo de consolidar a produção de referências para atuação dos psicólogos em Políticas Públicas, por meio de pesquisas coordenadas em âmbito local e nacional.

"Os serviços não estão dando conta. Tem humanos que dificultam e outros que facilitam"
"Se tem desejo, invista na disponibilidade de escutar e olhar o outro. Veja a atuação como uma possibilidade de troca e tenha sensibilidade."
A Política de Redução de Danos oferece um campo rico para a experiência profissional do psicólogo.


Objetivos específicos:

Promover a interlocução da Psicologia com espaços de formulação, gestão e execução em políticas públicas;
Publicação de referências para a atuação do psicólogo no campo das políticas públicas.
Objetivo Geral

Ampliar a atuação do psicólogo na esfera pública, colaborando para a expansão da Psicologia na sociedade e para a promoção dos Direitos Humanos.
As demandas de uma população em extrema vulnerabilidade são delicadas e se configuram como um desafio. O psicólogo deve estar atento aos limites, mas também às possibilidades da sua atuação.
Full transcript