Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

VENCENDO EM TEMPO DE CRISE.

TV Terceiro Anjo
by

Claudimar José Abreu

on 9 May 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of VENCENDO EM TEMPO DE CRISE.

VENCENDO EM TEMPOS DE CRISE
"Observe a formiga, preguiçoso, reflita nos caminhos dela e seja sábio! Ela não tem nem chefe, nem supervisor, nem governante, e ainda assim armazena as suas provisões no verão e na época da colheita ajunta o seu alimento."
Provérbios 6:6-8




Reforma significa
reorganização
, mudança de
idéias e teorias, hábitos e práticas
. A reforma não produzirá os bons frutos da justiça a menos que esteja ligada a um
reavivamento do Espírito
. Reavivamento e reforma devem fazer a obra que lhes é designada, e para fazerem essa obra têm de
se unir
.

Serviço Cristão p. 31.3

Texto básico: Hebreus 13:5
Economizar sempre foi muito importante! Todos os casais que economizam uma porcentagem do que ganham, não apenas têm uma reserva que pode servir em casos de emergência, como também desfrutam da satisfação de terem uma vida controlada financeiramente. Afinal, existe algo mais sufocante do que dever a alguém e não ter dinheiro para pagar? Por isso, todo casal que quer viver com tranquilidade, deve economizar e, de preferência, fazer depósitos regulares na conta bancária.




Tem muita gente que acha que o cristão não deve economizar, pois, ao fazer isso, demonstra que não está confiando em Deus para suprir suas necessidades no futuro. No entanto, não é isso que vemos na Bíblia, pois ela mostra que devemos ser bons administradores do nosso dinheiro. O bom administrador enxerga o futuro de um modo realista. Ele sabe que tudo pode mudar lá na frente, para pior ou para melhor. Por isso, é sábio planejar o futuro com a intenção de suprir as necessidades da família, do próprio negócio ou outras coisas. Existem muitas razões porque devemos economizar, e uma delas é explicada por Jesus nesta história:



"Qual de vocês, se quiser construir uma torre, primeiro não se assenta e calcula o preço, para ver se tem dinheiro suficiente para completá-la? Pois, se lançar o alicerce e não for capaz de terminá-la, todos os que a virem rirão dele, dizendo: Este homem começou a construir e não foi capaz de terminar"
Lucas 14:28-30 (Nova Versão Internacional)

Muitos casais planejam construir ou comprar uma casa no futuro, um carro melhor, começar um novo negócio, ajudar as pessoas... Enfim, economizar dinheiro para realizar planos não é pecado. Pelo contrário, é um modo inteligente de usar o dinheiro. Eu não sei como você lida com o dinheiro no seu casamento, mas vocês dois devem entrar em um acordo sobre qual porcentagem irão economizar, e o fundamental é que separem esta quantia regularmente. Muitos consultores financeiros sugerem que se economize 10% da sua renda líquida e guarde na poupança. Vocês podem escolher economizar mais ou menos que isso, mas se vocês guardarem apenas o que sobra no final do mês, dificilmente vocês conseguirão juntar dinheiro. Economizar com frequência é mais importante do que o valor a ser separado.


Uma das melhores razões para economizar dinheiro é porque podemos enfrentar tempos difíceis no futuro. Nós sabemos que o Brasil está em uma fase muito delicada e a crise já chegou para a maioria das pessoas, por isso, poupar dinheiro é questão de prudência.

"O faraó também deve estabelecer supervisores para recolher um quinto da colheita do Egito durante os sete anos de fartura. Eles deverão recolher o que puderem nos anos bons que virão e fazer estoques de trigo que, sob o controle do faraó, serão armazenados nas cidades. Esse estoque servirá de reserva para os sete anos de fome que virão sobre o Egito, para que a terra não seja arrasada pela fome."
Gênesis 41:34-36 (Nova Versão Internacional)

Faraó gostou tanto do plano de José que o colocou como administrador dessa operação. Por causa disso, Deus usou José para preservar não apenas a vida dos egípcios, como também de sua própria família.




Normalmente ninguém fica pensando nas dificuldades que poderão enfrentar no futuro, principalmente nós que cremos em Deus e somos otimistas. Mas todos nós já ouvimos histórias tristes de pessoas que eram bem sucedidas e de repente perderam tudo e até se endividaram. Todos os dias as pessoas ficam doentes, sofrem acidentes, perdem emprego e por isso, economizar dinheiro é tão importante. Provérbios 21:20 diz: "Na casa do sábio há comida e azeite armazenados, mas o tolo devora tudo o que pode."



Muitas pessoas são "gastadoras" e ficam muito incomodadas quando veem os amigos deixando de comprar aquilo que queriam, para economizar. E os que achavam que era sofrer à toa, já que tinham o valor em mãos para gastar e não o faziam. Mas logo que o dinheiro acaba dos gastadores, os outros, por terem economizado e saberem esperar o tempo certo, faziam negócios bons e tinham muito mais tranquilidade do que os que não se controlavam.

Em Provérbios 6:6-8 está escrito: "Observe a formiga, preguiçoso, reflita nos caminhos dela e seja sábio! Ela não tem nem chefe, nem supervisor, nem governante, e ainda assim armazena as suas provisões no verão e na época da colheita ajunta o seu alimento."

E existe uma frase que diz: "A melhor hora para economizar é quando você tem dinheiro no bolso."


Infelizmente, em nosso país nós não temos aulas de educação financeira nas escolas e também geralmente não aprendemos em casa, como podemos economizar. Não é à toa que, mais da metade do Brasil está endividado e as pessoas não param de consumir. A mídia investe pesado e mostra propagandas o tempo todo dizendo que, para sermos felizes, devemos ter o último modelo de celular, o carro do ano, a roupa em promoção etc. Precisamos ter muita sabedoria e refletir bastante se realmente precisamos dessas coisas.


É triste saber que hoje as pessoas não querem economizar porque não têm um propósito bem definido e a longo prazo. A maioria delas não pensa em investir e só querem comprar coisas fúteis, que duram curto prazo e que não geram nenhum retorno. Não estou dizendo que não podemos comprar aquilo que desejamos, mas devemos refletir bastante se realmente precisamos de tudo o que queremos, e aprender a esperar o tempo certo de gastarmos o dinheiro que ganhamos com tanto esforço.


Certa vez um professor de matemática perguntou ao seu aluno:
“Se o seu pai tivesse economizado R$ 50,00 por semana durante o ano todo, o que ele teria agora?”
O estudante respondeu:
“Ah professor. Meu pai teria um Iphone novo e andaria só com roupa de marca!”
Não era essa a resposta que o professor esperava, mas certamente era a maneira de pensar do garoto e do seu pai.


Todos os dias nós gastamos dinheiro: compramos alimentos, produtos, abastecemos o carro, pagamos as contas e despesas, sustentamos nossa família, abençoamos a igreja e ajudamos os mais necessitados, etc. O dinheiro é algo importante para todos e apesar de muitos pensarem o contrário, Deus se importa com a nossa vida financeira! Para você ter uma ideia, a Bíblia fala mais de dinheiro do que muitos temas que acreditamos serem vitais para uma vida cristã abençoada. Howard Dayton, em seu livro "O Seu Dinheiro" diz que, na Bíblia, há mais de 2.300 versículos sobre dinheiro, bens e posses.

O grande problema que envolve o dinheiro, contudo, é o tamanho da importância que nós damos a ele. E Deus nos faz um alerta importante sobre isso. "Se as vossas riquezas aumentam, não ponhais nelas o coração" (Salmos 62:10). A falta de sabedoria para lidar com o dinheiro pode causar grandes danos, inclusive no casamento. Para se ter uma ideia da gravidade desse problema, uma pesquisa feita pela Kansas State University coloca as finanças no topo das causas do fim de um casamento, à frente das traições, filhos, ciúmes, humilhações e até agressões físicas. Se temos seguido por esse triste caminho, existe quatro passos para controlarmos esse problema:

2) Não amem o dinheiro

Façam as seguintes perguntas para si mesmos: "Qual é a importância do dinheiro para nós? (não só o dinheiro, mas também as coisas que ele pode comprar) O dinheiro e as coisas materiais estão sendo prioridade em nossas vidas? O dinheiro está sendo maior do que o nosso amor?" A Bíblia alerta: "O amor ao dinheiro é raiz de todos os males" (1 Tm 6:10), ou seja, quando amamos o dinheiro, surgem todos os tipos de coisas ruins e problemas em nossas vidas.



3) Não façam do dinheiro o seu patrão, mas o seu empregado.
Em outras palavras, entendam que o dinheiro veio para servi-los, e por isso não deve ser supervalorizado. O objetivo principal de vocês deve ser agradar a Deus, obedecendo a Sua Palavra. Se vocês erraram ao lidar com dinheiro, peçam perdão e voltem-se para Cristo. Somente quando Ele é a base de sua família, é que vocês são felizes e prósperos de verdade. "Buscai em primeiro lugar o reino de Deus, e todas estas coisas vos serão acrescentadas."
(Lucas 12:31)



4º) Tomem medidas práticas para se livrarem das dívidas

Façam um planilha de controle financeiro e a cumpra à risca. Evitem novas dívidas; cortem os cartões de créditos se preciso ou guarde-os, se vocês têm dificuldades em controlar-se. E acima de tudo, tenham transparência um com o outro sobre tudo o que forem gastar. Sejam realistas e levem a sério a questão financeira, pois ela pode ser uma bênção ou trazer muita dor de cabeça. Decidam viver o que a Bíblia diz: "Conservem-se livres do amor ao dinheiro e contentem-se com o que vocês têm, porque Deus mesmo disse: "Nunca o deixarei, nunca o abandonarei."
(Hebreus 13:5)

Deus deseja a felicidade e prosperidade de todos os Seus filhos, portanto tenha em mente a necessidade de sua dependência ao Senhor, de sua cooperação e colaboração no avançamento da Sua Causa. Coloque alvos e prioridades em sua vida. Trabalhe para que você e sua família sejam instrumentos nas mãos de Jesus, sendo homens e mulheres para honra e glória de Deus!



No Antigo Testamento, vemos a história de José, que foi preso injustamente e depois foi levado ao palácio de Faraó para interpretar os sonhos do rei do Egito. Esses sonhos que Deus capacitou a José para interpretar, significavam que haveria um tempo de sete anos de fartura, seguidos de sete anos de fome. Então Deus deu uma orientação a José para fazer um planejamento financeiro. Veja:
1) Reconheçam que têm um problema e busquem uma solução.
Não adianta um ficar jogando a culpa no outro. Se vocês estão discutindo por causa de dinheiro, é hora de se unirem e orarem juntos para que Deus abençoe a vida financeira de vocês. Coloquem essa questão diante Dele, porque Deus não quer que o dinheiro atrapalhe sua família; Ele quer ajudá-los a ter controle sobre o dinheiro. Jesus disse: "Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta. Pois todo o que pede, recebe; o que busca, encontra; e àquele que bate, a porta será aberta."
(Lucas 11:9,10)
Se alguém que diariamente comunga com Deus se desvia do caminho, se por um momento deixa de olhar firmemente para Jesus, não é porque peque deliberamente; pois quando percebe seu erro, dá meia-volta e fixa os olhos em Jesus; e o fato de haver errado não o torna menos querido ao coração de Deus. Sabe que tem comunhão com o Salvador; e quando é repreendido por seu erro em alguma questão de julgamento, não anda mal-humorado, nem se queixa de Deus, mas transforma seu erro em uma vitória.
Ellen G. White em
E Recebereis Poder (Meditações Matinais, 1999), pág. 134.
VENCENDO EM TEMPOS DE CRISE
"Não se deixem dominar pelo amor ao dinheiro e fiquem satisfeitos com o que vocês têm, pois Deus disse: Eu nunca os deixarei e jamais os abandonarei."
Depois de ter gasto tudo, houve uma grande fome em toda aquela região, e ele começou a passar necessidade.
Lucas 15:14
"Você é bem-vindo em minha casa..." Juízes 19:20
Full transcript