Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

As teorias pedagógicas Modernas no debate contemporâneo

No description
by

Simone B.

on 20 March 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of As teorias pedagógicas Modernas no debate contemporâneo

As teorias pedagógicas Modernas no debate contemporâneo
Profa. Simone Becher
Como vai funcionar a aula
Introdução
Qual a tarefa da Pedagogia?
Fomação Humana
Espaço/tempo
Qual o objeto de estudo da Pedagogia?
EDUCAÇÃO
Realidade em mundança
Heterogêneo
Homogêneo
Globalização
Individuação
Multiplicidade: Cultural; das relações; dos sujeitos
O que faz a pedagogia neste contexto
A pedagogia vai tentar pensar o fenômeno da formação humana em meio a esse "caos" de necessidades e vontades.
A Pedagogia em um mundo em mudança
TOMADA DE DECISÃO
Opções pedagógicas:


Objetivos
Modos de ensinar
Modos de aprender
Contexto cultural
Contexto institucional
Pensar e atuar no campo da educação, enquanto atividade social prática de humanização das pessoas, implica responsabilidade social e ética de dizer não apenas o porquê fazer, mas o quê e como fazer. Isso envolve necessariamente uma tomada de posição pela pedagogia (Libâneo, 2005, p.16).

Referências

LIBÂNEO, J.C. As teorias pedagógicas modernas revisitadas pelo debate contemporâneo na educação. In:LIBANEO, J.C.; SANTOS, A.(Orgs.).
Educação na era do conhecimento em rede e Transdisciplinaridade. Campinas/SP: Editora Alinea, 2005.
O que a Pedagogia quer saber?
Fatores socioculturais e institucionais
Em que condicões as pessoas aprendem melhor???
Será que contribui para a melhoria da educação?
Eliminar a organização escolar em séries?
Promoção automática?
Integração de alunos especiais?
Avaliações mais flexíveis?
Escola é apenas um espaço de socialização?
"
Um posicionamento pedagógico requer uma investigação das condições escolares atuais de formação das subjetividades e identidades para verificar onde estão as reais explicações do sentimento de fracasso, de mediocridade, de incompetência, que vai tomando conta do alunado (LIBÂNEO, 2005, p.17).
Para que serve a ESCOLA?
Para preparar os sujeitos para sobreviver nesta sociedade
O que afinal de de contas as pessoas precisam saber??
Ciência;
Cultura;
Ate;
Sobre as coisas;
Resolver dilemas;
Ter autonomia;
Ter responsabilidade;
Saber seus direitos
Saber seus deveres;
Construir sua dignidade;
Autoimagem positiva;
Se apropriar das ciências e tecnologia
3 COISAS PRA QUEM QUER AJUDAR
"(...) práticas pedagógicas implicam necessariamente decisões e ações que envolvem o destino humano das pessoas,
requerendo projetos que explicitem direção de sentido da ação" (LIBÂNEO, 2005, p. 17)
Dar direção e sentido na prática pedagógica (valores, política, moral, ideológica)
Parar de colocar a culpa no sistema e focar na DIDÁTICA > Instrumentos, Métodos, Reflexão, Ação.
Estar aberto para outros campos do saber.
PARA QUE AFINAL EDUCAMOS????
ATIVIDADE
Elaborar um pequeno texto com suas reflexões sobre o que discutimos até agora.
15 min.
- Guerra;
- Método baseado no livro:
Como Gertrudes ensina suas crianças
;
- Do simples ao ma complexo.
- Estado natural; Social; Moral.

"A vida educa. Mas a vida que educa não é uma questão de palavras, e sim de ação. É atividade."
Johann Heinrich Pestalozzi
- Educação é diferente de
treinamento
,

pois um envolve pensamento, no que o primeiro não.
- Além de ensinar a razão, era de importância central para ele que fosse desenvolvido o caráter e o ensino das máximas morais. Kant era um grande apoiador do ensino público e aprender ao fazer

- Disciplina, a cultura, a civilidade e a moralidade.

- Criador do primeiro jardim de infância;
a educação deve basear-se na evolução natural das atividades da criança.
o objetivo do ensino é sempre extrair mais do homem do que colocar mais e mais dentro dele.
A criança não deve ser iniciada em nenhum novo assunto enquanto não estiver madura para ele.
o verdadeiro desenvolvimento advém de atividades espontâneas.
na educação inicial da criança o brinquedo é um processo essencial.
os currículos das escolas devem basear-se nas atividades e interesses de cada fase da vida da criança.
- Psicologia;
- Pai do ensino tradicional que temos hoje;
- Ensino receptivo > professor fala e aluno ouve. Sem diálogo.

Educação centrada no desenvolvimento da capacidade de raciocínio e espírito crítico do aluno.
A educação deve servir para resolver situações da vida
Pragmatismo
"A educação tem por objetivo suscitar e desenvolver na criança estados físicos e morais que são requeridos pela sociedade política no seu conjunto"

"A sociedade e cada meio social particular determinam o ideal que a educação realiza".
Forte influência das correntes modernas hoje nas escolas brasileiras
"Uma herança comum dessas teorias, vista pleos críticos como negativa, é que em nome da razão e da ciência, se abafam o sentimento, a imaginação, a subjetividade, e, até, a liberdade, à medida que a razão institui-se como instrumento de dominação sobre os seres humanos" (LIBÂNEO, 2005. p 21).
Fragmentação do conhecimento
perda de significação

ATIVIDADE
Escreva suas impressões acerca das características da educação na modernidade e seus reflexos na Escola hoje.
15 min.
1 Parte:


2 Parte:



Exposição dialogada + atividade
Exposição dialogada+ atividade
Primeira no Brasil. Há repetição de exercícios com exigência de memorização.
Paulo Freire, essa tendência vincula a educação à luta e organização de classe do oprimido. Onde, para esse, o saber mais importante é a de que ele é oprimido, ou seja, ter uma consciência da realidade em que vive. Além da busca pela transformação social, a condição de se libertar através da elaboração da consciência crítica passo a passo com sua organização de classe. Centraliza-se na discussão de temas sociais e políticos; o professor coordena atividades e atua juntamente com os alunos.
Procura a transformação da personalidade num sentido libertário e autogestionário. Parte do pressuposto de que somente o vivido pelo educando é incorporado e utilizado em situações novas, por isso o saber sistematizado só terá relevância se for possível seu uso prático. Enfoca a livre expressão, o contexto cultural, a educação estética. Os conteúdos, apesar de disponibilizados, não são exigidos pelos alunos e o professor é tido como um conselheiro à disposição do aluno.
Skinner > behaviorista. Neste método de ensino o aluno é visto como depositário passivo dos conhecimentos, que devem ser acumulados na mente através de associações. O professor é quem deposita os conhecimentos, pois ele é visto como um especialista na aplicação de manuais; sendo sua prática extremamente controlada. Articula-se diretamente com o sistema produtivo, com o objetivo de aperfeiçoar a ordem social vigente, que é o capitalismo, formando mão de obra especializada para o mercado de trabalho.
Tendência que apareceu no Brasil nos fins dos anos 70, acentua a prioridade de focar os conteúdos no seu confronto com as realidades sociais, é necessário enfatizar o conhecimento histórico. Prepara o aluno para o mundo adulto, com participação organizada e ativa na democratização da sociedade; por meio da aquisição de conteúdos e da socialização. É o mediador entre conteúdos e alunos. O ensino/aprendizagem tem como centro o aluno. Os conhecimentos são construídos pela experiência pessoal e subjetiva.
Full transcript