Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Defesa Pública - Dissertação de Mestrado em Gestão.

Apresentação da Dissertação de Mestrado na UTAD/Vila Real - 04/02/2013 INOVAÇÃO EM UM PRODUTO TÍPICO: A CACHAÇA ARTESANAL CERTIFICADA DE MINAS GERAIS
by

Mariana Barros

on 18 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Defesa Pública - Dissertação de Mestrado em Gestão.

UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO MESTRADO EM GESTÃO
INOVAÇÃO EM UM PRODUTO TÍPICO:
A CACHAÇA ARTESANAL
CERTIFICADA DE MINAS GERAIS

Mestrando: Leonardo Monteiro de Barros Oliveira

Orientador: Prof. Doutor Francisco José Lopes de Sousa Diniz

Objetivo Geral
Entender como um produto típico pode acompanhar os novos ciclos económicos, sem perder sua identidade e tipicidade.
• Pontuar quais são as expectativas que os produtores de cachaça artesanal certificada pelo IMA, têm em relação ao
desenvolvimento do setor
nos cenários de médio e longo prazo;

• Saber se os produtores de cachaça artesanal têm promovido
inovação
em seus produtos, processos produtivos e organizacionais para poder enfrentar as exigências dos novos mercados
;

• Avaliar se a certificação tem beneficiado o produtor de cachaça artesanal. Pontuar e analisar os principais
bens e efeitos
, nos campos sociais, económicos e organizacionais.
Metodologia
Pesquisa descritiva
,
Exploratória
,
Quantitativa
;

Universo: 128 produtores de cachaça artesanal certificados pelo IMA e IMA/INMETRO - responsáveis por 221 cachaças. Base da pesquisa é a lista do IMA de fevereiro de 2012, disponível em:
Método: Inquérito feito por meio da aplicação de um
questionário (survey)
estruturado com
perguntas fechadas
.

Formado por 30 questões
(27 fechadas) e 3 blocos
de questões afirmativas tipo "likert".

V
alidação, Pré-teste e teste.

Método de Amostragem:
Amostragem aleatória por etapas
Justificada pela facilidade em inquirir os elementos, indo dos mais acessíveis aos mais inacessíveis.
Recolha de dados
Contexto
Resultados da Pesquisa
Análise Descritiva
Objetivos Específicos
Contributos
Conclusões
Limites da Investigação
Não generalização dos resultados;

Inexistência de estudos
similares para comparação dos resultados;

A falta de uma
base de dados oficiais
, como número atualizado de produtores, valor exportado, consumo interno, faturamento total, e dados sociais;

A
desconfiança
de alguns produtores durante as entrevistas de campo, os produtores
se recusavam em responder o questionário
e, suspeitavam que a pesquisa estava sendo promovida por alambiques concorrentes.
Trabalho Futuro
http://www.ima.mg.gov.br/certificacao/propriedadesprodutos-certificados
Método de aplicação
Fim =
46 respondentes
de um universo amostral de 128 produtores.
Tratamento estatístico
Excel 2007 e SPSS - v. 20.0

Análise
descritiva.

Análise de
correlação
.

Para exame dos dados Análise
fatorial exploratória
,
Regressão linear múltipla
,
Medida de
tendência central e variabilidade
e, Análise
inferencial.
Gênero:
Masculino 91,3%
Idade:
46 a 55 anos 50,0%
Escolaridade:
Superior Completo 54,3%
Tamanho da propriedade:
71 a 100 hectares
Atividade econômica principal:

Produção de cachaça 28,3% e agricultura 28,3%
Tempo que trabalha com a produção de cachaça artesanal:
6 a 10 anos
Fator motivador para montar o alambique:
diversificar a produção da propriedade 63,0%
Obrigado pela atenção!
carvalho
carvalho
carvalho
WHISKY
VINHO
TEQUILA
amendoin
amburana
jequitibá
bálsamo
carvalho
jatobá
ipê
grápia
etc, etc, etc...
a CACHAÇA é o único destilado que conta com vários tipos de madeira para ser envelhecida.

E cada um lhe dá um sabor diferente.
Resultados da Pesquisa
Análise Descritiva

produziu
cachaça de forma
clandestina ou informal
?
Não 73,9%
, os que
assumiram
produzir e justificaram, o fizeram em razão da pequena produção e dos custos para formalização.

Nível de organização:
45,74% declararam ser micro empresário.

39,1%
produzem mensalmente
entre 3001 e 6000mil litros de cachaça.

47,8%
dos produtores a comercialização da cachaça representa de
21% a 40% do rendimento anual.
Resultados da Pesquisa
Análise Descritiva
Benefícios e malefícios obtidos com a certificação
Resultados da Pesquisa
Análise Descritiva
Expectativas para o negócio no médio e longo prazo
Resultados da Pesquisa
Análise Descritiva
Processos em que o alambique procura inovar
a
CACHAÇA
é a única bebida destilada que conta
com vários tipos de madeira para ser envelhecida.
E cada um lhe dá um sabor diferente.
método
industrial
artesanal
Poucos estudos sobre a tipicidade, tradicionalidade e economia da cachaça artesanal de minas;

Estudar a tipicidade e as vantagens comerciais inerentes à cachaça artesanal certificada de minas;

Usar as estratégias de inovação da cachaça em outros produtos típicos fortalecendo o agronegócio familiar e oportunizando a manutenção dos saberes;

Mensurar os benefícios e malefícios obtidos com a certificação da cachaça;

Aproveitar os grandes eventos esportivos para promover a cachaça - Copa 2014 e Olímpiadas 2016.
Razões do estudo
Minas Gerais conta com
8466 produtores,
é o mais
reconhecido e tradicional
produtor de cachaça artesanal do Brasil. É referência na criação de leis e incentivos para o setor, mesmo assim sofre com com a
grande clandestinidade e informalidade
, que beira os
95% dos produtores
. Gerou em 2008 faturamento aproximado de
513 milhões de euros
.

A cachaça é o destilado
mais consumido no Brasil
:
CONSUMO
A cachaça é o 3° Destilado
mais consumido no mundo.
cachaça 86%
conhaque 5%
whisky 4%
vodka 2%
gim, rum, bourbon, etc. 4%
(CBRC, 2008).
Estudos
mais
aprofundados sobre a inovação
, para compreender melhor qual é a percepção que os produtores têm da inovação;

Pesquisar sobre a
visão de futuro
do setor, e quais ações são feitas para
estimular
o sentido de
empreender
dos produtores de cachaça artesanal.

Efetuar ensaios de uma possível
fusão
entre os programas de
certificação do IMA
e do sistema de qualidade
AMPAQ
e mensurar quais as
vantagens e desvantagens
dessa união.

Averiguar por
quais motivos
os produtores de cachaça
não investem
em
promoção e marketing
dos seus produtos.

Investigar como seria a estratégia para implementar as
certificações geográficas
,
DOP e IGP
, e identificar quais os contributos seriam obtidos com a delimitação do mercado.

E ainda, investigar os benefícios das “
cadeias produtivas
”, “
regulamentação do setor”
e o “
potencial das madeiras nativas
” para o envelhecimento da bebida.

Estudos futuros empregando
os mesmos objetivos e questionários
desta pesquisa podem ser aplicados
em outros produtos artesanais certificados
. Estas replicações seriam importantes para testar e melhorar a generalização dos resultados do estudo atual.
Presencial, email, rede social, telefone, correio e site da pesquisa.

16
produtores
face a face
;
70
enviados por
meio eletrônico
;
42
contactatos por
telefone
,
carta
ou
fax
apenas
1
produtor
sem
nenhum
contato
.

Momentos cronológicos diferentes das
entrevistas
face a face.
Duraram de
15min à 4 horas
, essenciais para melhorar a
compreensão da temática.


Observou-se
muita desconfiança
dos produtores;
Enviados
7 correios
-
retornou
apenas
1
Defesa de Dissertação de Mestrado
Contexto
O que é a cachaça artesanal certificada de Minas Gerais?
Contexto
Metodologia
Metodologia
No geral a certificação foi benéfica.
Das
14 afirmativas:

8
apresentaram
benefícios

4
não concordaram e nem discordaram

2
discordaram
Predominância de Otimismo
Das
10 afirmativas
:
6
afirmativas crescimento de +25%
1
afirmativa crescimento de +50%
3
afirmativas , sem crescimento e sem redução.
Das
21 afirmativas:
13
afirmativas os produtores disseram que não buscam inovar
8
afirmativas buscam inovar
ANÁLISE FATORIAL EXPLORATÓRIA

BENEFÍCIOS E MALEFÍCIOS OBTIDOS APÓS A CERTIFICAÇÃO

1° Fator “Qualidade e competitividade” do instrumento de medida
“Benefícios e malefícios obtidos após a certificação”
Resultados da Pesquisa
Resultados da Pesquisa
ANÁLISE FATORIAL EXPLORATÓRIA

Fator “Certificação e Processos internos” do instrumento de medida “Benefícios e malefícios obtidos após a certificação”
Resultados da Pesquisa
ANÁLISE FATORIAL EXPLORATÓRIA
Resultados da Pesquisa
ANÁLISE INFERENCIAL

Faixa etária
Resultados da Pesquisa
ANÁLISE INFERENCIAL

Escolaridade
Como um produto típico pode acompanhar os novos ciclos económicos , sem perder a sua identidade e tipicidade?
R: As ferramentas são a certificação e inovação, e os diferenciais o conhecimento tácito e o saber fazer.
O produto cachaça artesanal vive uma
nova fase
da sua vida.

A demanda agora
exige
uma cachaça
tradicional e de qualidade

A certificação trouxe,
qualidade, credibilidade e competitividade
.

Grande resistência
em implantar inovações no produto e em alguns processos produtivos e organizacionais. Isso pode afetar o negócio no médio e longo prazo.
"Inovação é factor fundamental"

Legislação que defina produtor
artesanal e industrial
.

A cachaça certificada
é
realmente um produto
inovador
.

Os produtores devem ousar na publicidade, e apostar na promoção "produto e território".
Dificuldade de obter
dados e informações
e, que tornam a
pesquisa inédita
.

Os
resultados positivos
da pesquisa podem servir como
fator decisivo
para os produtores de cachaça que
desejam certificar
a sua produção.

Os
resultados negativos
da pesquisa podem servir aos produtores certificados para que
revejam a suas estratégias
de atuação. (E passem a inovar no produto, processos produtivos e organizacionais)
.

Utilizar o "
benchmarking
" da cachaça artesanal certificada,
em outros produtos
tipícos e tradicionais que tenham potencial económico. Fortalecendo o agronegócio familiar.

Concluiu-se que a cachaça artesanal certificada
é mais competitiva
. A qualidade, os ganhos económicos e a mão de obra
melhoraram com a certificação
.

Enriquecimento
intelectual do pesquisador.

Intenção em tornar-se um produtor de cachaça
no futuro.
Full transcript