Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

IRI - Pesquisa Científica

IBMEC Belo Horizonte
by

Vladimir Feijo

on 11 February 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of IRI - Pesquisa Científica

Prof. Vladimir Pinto Coelho Feijó
vladimir.pcf@gmail.com

Introdução às
Relações Internacionais

Pesquisa Científica
Ciência e Pesquisa
O projeto de pesquisa é o meio básico para a elaboração teórica, metodológica, instrumental e da proposição de agentes humanos para o desenvolvimento e avaliação da pesquisa
.

Constitui-se ainda a forma fundamental para explicitar os materiais e os métodos a serem empregados durante o processo de investigação e os resultados a serem alcançados no final de um período de trabalho, além da habilitação ao apoio financeiro, material e logístico, para a proposição, desenvolvimento e avaliação da pesquisa.
2. Documentação bibliográfica

Organizam-se de acordo com um critério de natureza temática.O fichário de documentação bibliográfica constitui um acervo de informações sobre livros, artigos e demais trabalhos que existem sobre determinados assuntos. A documentação bibliográfica deve ser realizada à medida que o estudante toma contato com os livros. As informações transcritas na ficha de documentação bibliográfica são compostas em níveis cada vez mais aprofundados.A melhor informação para esse tipo de ficha seria aquela que sintetizasse a própria analise temática do texto. Esse tipo de documentação pode ser feito também a respeito de artigos, resenhas, capítulos isolados etc. as informações devem ser seguidas pela indicação, entre parênteses, das paginas a que se referem.

1. Documentação temática

Visa coletar elementos relevantes para o estudo em geral ou para realização de um trabalho em particular, sempre dentro de determinada área. Feita através de um plano sistemático, constituído pelos temas e subtemas da área ou do trabalho em questão. Os elementos a serem transcritos nas fichas de documentação temática não são tirados apenas das leituras particulares, mas também das aulas, conferencias e seminários, juntamente com as idéias pessoais. Citações literais transcritas na ficha virão entre aspas e termina com a indicação abreviada da fonte; se a transcrição contiver somente um a síntese das idéias da passagem citada, mantém-se apenas a indicação da fonte; se forem trancritas idéias pessoais, não é necessário aspas, indicações de fonte, sinais indicativos, pois a ausência desses elementos revela que são idéias elaboradas pelo autor.

A formação filosófica pressupõe dialética e não mecanicamente, a informação filosófica.

Do mesmo modo, alguém se torna grande poeta ou escritor e, como tal, altera com seu gênio, sua língua e sua cultura

Antes, porém, de aí chegar será influenciado por essa cultura e se comunicará através da língua que aprendeu submissamente. Afinal, o homem é um ser culturalmente situado.

Tipos de pesquisa, classificados segundo:

– A área da ciência
– A natureza
– Aos objetivos
– Aos procedimentos
– Ao objeto
– A forma de abordagem
Do ponto de vista da CIÊNCIA e da FILOSOFIA, os processos de justificação das crenças de senso comum afiguram-se muitíssimo superficiais e falíveis, e é frequente tais crenças resistirem mal a um exame crítico mais minucioso, pelo que a sua ampla aceitação não é uma garantia de que sejam verdadeiras.
Alguns filósofos têm discutido a CONTINUIDADE/DESCONTINUIDADE entre o senso comum e a ciência e a filosofia, tendo particular relevância, nessa discussão, o problema da demarcação.
Etimologia: Ciência vem da palavra latina scientia, que significa conhecimento.

Objetivos da Ciência
Melhoria da qualidade de vida intelectual
Melhoria da qualidade de vida material

Não é o objetivo da ciência responder todas as questões.

Funções da Ciência
Novas descobertas
Novos produtos
Melhoria da qualidade de vida
Exercício

TEMA

PROBLEMA

OBJETIVOS:
tanto o GERAL como os ESPECIFICOS

HIPÓTESE
- Revisão bibliográfica

[...]
6- OBJETIVOS: tanto o GERAL como os ESPECIFICOS, são elaborados de forma a indicarem, a determinarem o que se quer fazer, o que se quer pesquisar e que meta se quer alcançar num trabalho de pesquisa.
7- REVISÃO BIBLIOGRAFICA: tem como sinônimo Marco Teórico ou Revisão de Literatura. É aqui que se faz saber, se mostra o trabalho realizado na etapa de levantamento bibliográfico, o que já foi apresentado sobre o assunto por outros autores. Esta etapa constitui-se no exame de trabalhos já realizados e que estão relacionados ao tema proposto na pesquisa que se pretende executar.
8- METODOLOGIA: é a parte onde se explicita COMO, COM O QUE e ONDE será realizado o trabalho de pesquisa. Que instrumentos e técnicas serão utilizadas, quem ou o que será participante na pesquisa e, qual é o universo, o local da pesquisa.
9- REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS: é um rol, em ordem alfabética, de todas as fontes de informação, e das literaturas abordadas para subsidiar na elaboração do projeto de pesquisa e, devem estar de acordo com as normas da ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TECNICAS ABNT- que são exigidas em todo trabalho de caráter cientifico.

3. Documentação Geral

É aquela que organiza e guarda documentos úteis retirados de fontes perecíveis. Trata-se de passar para pastas, documentos cuja conservação seja julgada importante. É sob a forma de documentação geral que os estudantes deveriam guardar as apostilas, o texto roteiros dos seminários, os trabalhos didáticos, os textos de conferência etc. para esse tipo de documentação são utilizadas as folhas tamanho oficio, sobre as quais são colados os recortes, deixando-se margens suficientes para os títulos e demais referencias bibliográfica, como nome do jornal ou revista de onde foram tiradas as datas e a pagina.

Assim sendo, a posse de informação completa de sua área de especialização é razoável nas áreas afins,assim como certa cultura geral é uma exigência para qualquer estudante universitário, cujos objetivos signifiquem algo mais que um diploma.

Essa informação só se pode adquirir através da documentação realizada criteriosamente. O didatismo tem criado uma série de vícios que se arraigaram na vida escolar dos estudantes desde a escola primaria, esterilizando os resultados do ensino.

A anotação é uma prática indispensável. Tudo o que é útil deve ser guardado: em fichas, cadernos.

Etapas de uma pesquisa
Classificação Quanto aos Objetivos

• Pesquisa exploratória
– Proporcionar maior familiaridade com o problema
– Levantamento bibliográfico ou entrevistas
– Pesquisa bibliográfica ou estudo de caso

• Pesquisa descritiva
– Fatos são observados, registrados, analisados, classificados e interpretados, sem interferência do pesquisador
– Uso de técnicas padronizadas de coleta de dados (questionário e observação sistemática)

• Pesquisa explicativa
– Identificar fatores determinantes para a ocorrência dos fenômenos
– Ciências naturais – método experimental; ciências sociais – método observacional
– “A pesquisa é uma atividade voltada para a solução de problemas, através do emprego de processos científicos.”

– “Pesquisa científica é um conjunto de procedimentos sistemáticos, baseados no raciocínio lógico, que tem por objetivo encontrar soluções para os problemas propostos mediante o emprego de métodos científicos.”

“Pesquisa”
– É um conjunto de abordagens, técnicas e processos utilizados pela ciência para formular e resolver problemas de aquisição objetiva do conhecimento, de uma maneira sistemática.
– “Pesquisar, significa, de forma bem simples, procurar respostas para indagações propostas.”
– “Pesquisa científica é a realização concreta de uma investigação planejada, desenvolvida e redigida de acordo com as normas da metodologia consagradas pela ciência.”

“Metodologia Científica”

Método Indutivo
(Gallileu e Bacon, séc. XVII)
Descoberta de princípios gerais a partir de conhecimentos específicos (particulares)
Micro -> Macro (conceito)

Método Dedutivo
(Descartes, séc. XVII)
Aplicação de princípios gerais a casos específicos(particulares)
Macro -> Micro (conceito)

Método Hipotético-dedutivo
A partir da hipóteses formuladas, deduz-se a solução do problema
“Ciência”

O conjunto mais alargado de crenças que uma comunidade tem por verdadeiras e partilha durante um certo período de tempo.

O senso comum é um "saber" que resulta da experiência de vida individual e colectiva. Os hábitos e costumes, as tradições e rituais, os "ditos" e provérbios, as opiniões populares, etc., são habitualmente referidos como manifestações do senso comum. A sua aprendizagem é uma condição necessária para a socialização de cada membro da comunidade, funcionando como um mecanismo regulador do seu pensamento e da sua AÇÃO.
“Itens do Projeto”
1- INTRODUÇÃO: esta deve ser a ultima etapa do projeto a ser elaborada, pois esta se constitui de um resumo bem sucinto de todo o projeto, de modo a identificar o contexto, o todo, no qual, o problema, a questão, é apresentado permitindo uma visão geral do tema proposto.
2- TEMA: a escolha do TEMA, a proposta que vai ser problematizada, trabalhada na pesquisa e, que deve estar relacionada, vinculada, ao interesse, ao gosto e ao prazer, pelo assunto que se pretende trabalhar.
3- Levantamento bibliográfico, ou seja, a busca, a pesquisa, de fontes, literaturas que forneçam conteúdos
apropriados, relacionados e coerentes, com o que se pretenda trabalhar na pesquisa.
4- PROBLEMA: deve estar relacionado, vinculado ao TEMA escolhido, proposto,criado pelo pesquisador, o qual, deve ser elaborado e expresso em forma de uma indagação ou uma afirmação.
5- JUSTIFICATIVA: é elaborada de forma a exaltar, a justificar, a relevância do tema escolhido, mostra sua habilidade em convencer de que a pesquisa que se pretende é essencial, fundamental, para se buscar respostas ás indagações do problema.

Documentação como Método de Estudo Pessoal

Os métodos acadêmicos tradicionais baseados na assimilação, passiva, já não fornecem nenhum resultado eficaz.

O estudante tem de se convencer de que sua aprendizagem é uma tarefa eminentemente pessoal.

Saber constitui-se pela capacidade de reflexão no interior de determinada área do conhecimento. A reflexão, no entanto, exige o domínio de uma série de informações.

O ato de filosofar, por exemplo, reclama um pensar por conta própria que é atingido mediante o pensamento de outras pessoas.
Classificação Quanto a Forma de Abordagem

• Pesquisa quantitativa
– Traduz em números as opiniões e informações para serem classificadas e analisadas
– Utilizam-se técnicas estatísticas

• Pesquisa qualitativa
– É descritiva
– As informações obtidas não podem ser quantificáveis
– Os dados obtidos são analisados indutivamente
– A interpretação dos fenômenos e a atribuição de significados são básicas no processo de pesquisa qualitativa
Classificação Quanto ao Objeto

• Pesquisa de campo:
– É a observação dos fatos tal como ocorrem. Não permite isolar e controlar as variáveis, mas perceber e estudar as relações estabelecidas.

• Experimental:
– Objetiva criar condições para interferir no aparecimento ou na modificação dos fatos, para poder explicar o que ocorre com fenômenos correlacionados.

• Bibliográfica:
– Recupera o conhecimento científico acumulado sobre um problema.

Classificação Quanto a Área

• Exploratória:
– Seu objetivo é a caracterização inicial do problema, sua classificação e de sua definição. Constitui o primeiro estágio de toda pesquisa científica.

• Teórica:
– Tem como objetivo ampliar generalizações, definir leis mais amplas, estruturar sistemas e modelos teóricos, relacionar e enfeixar hipóteses.

• Aplicada:
– Tem como objetivo investigar, comprovar ou rejeitar hipóteses sugeridas pelos modelos teóricos

Finalidades de uma pesquisa


Pesquisa pura (básica)
: satisfação do desejo de adquirir conhecimentos, sem que haja uma aplicação prática prevista


Pesquisa aplicada
: os conhecimentos adquiridos são utilizados para aplicação prática voltados para a solução de problemas concretos da vida moderna

“Metodologia Científica”

– É um conjunto de abordagens, técnicas e processos utilizados pela ciência para formular e resolver problemas de aquisição objetiva do conhecimento, de uma maneira sistemática.

“Ciência”
s.f.
Conjunto organizado de conhecimentos relativos a certas categorias de fatos ou fenômenos
. (Toda ciência, para definir-se como tal, deve necessariamente recortar, no real, seu
objeto próprio
, assim como
definir as bases de uma metodologia específica
: ciências físicas e naturais.)
Conjunto de conhecimentos humanos a respeito da natureza, da sociedade e do pensamento, adquiridos através do desvendamento das leis objetivas que regem os fenômenos e sua explicação: o progresso da ciência.
Ciência pura, ciência praticada independentemente de qualquer preocupação de aplicação técnica.

Lei
Dados

Informações

Conhecimento
Teoria
Full transcript