Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

História e Epistemologia de Enfermagem

Teoria do Cuidar - Jean Watson
by

Ana Margarida Jorge

on 29 January 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of História e Epistemologia de Enfermagem

Introdução Objectivos Vida e obra O nosso trabalho insere-se no âmbito da vertente epistemológica da disciplina, mais precisamente nos paradigmas. O paradigma integrado neste trabalho é o da transformação, no qual a teoria do cuidado transpessoal de Jean Watson se enquadra. Vamos desenvolver esta teoria e inseri-la no paradigma da transformação, comparar as definições de Watson dos conceitos deste paradigma e relacioná-los com as da Ordem dos Enfermeiros. Margaret Jean Harman Watson nasceu no ano de 1940 nos EUA
Mestrado em Enfermagem da Saúde Psiquiátrica
Doutoramento em Psicologia e Acompanhamento Educativo.
Desempenhou funções de administração e direcção na faculdade da School of Nursing, da Universidade do Colorado.
Fundou o Watson Caring Science Institute
Um dos membros da American Academy of Nursing.
No ano de 1979 apresentou o seu primeiro livro.
Teoria do Cuidado Transpessoal
“The philosophy and science of caring” Concluímos que Jean Watson teve uma grande influência na prática de cuidados de Enfermagem. A teoria do Cuidado Transpessoal que a mesma definiu é um modelo holístico de ver o doente, no qual tanto o seu ambiente externo (físico) como o interno (não físico) são fundamentais para o seu bem estar-fisico e psicológico. Apesar da escola do Cuidar (sua corrente de pensamento) ter sido posta em prática por várias instituições de saúde, as crenças de Jean Watson não estão a ser, na totalidade, utilizadas pelos profissionais de saúde hoje em dia, nomeadamente pelos enfermeiros. Unidade Curricular História e
Epistemologia de Enfermagem Regente: Isabel Ferraz
Docente Orientadora: Helga Rafael
Discentes:
Ana Margarida Jorge nº5127
Catarina Carica nº5075
Joana Figueiredo nº4915
Maria João Moreira nº5166
Patrícia Martins nº4977 Metaparadigma
de Enfermagem - Vida e obra de Jean Watson ;
- Escola do cuidar (corrente do pensamento) ;
- Teoria do cuidar (ou do cuidado tranpessoal) -neste tópico vão ainda ser referidos os postulados desta mesma teoria ;
- Os conceitos do metaparadigma definidos pela autora e a comparação destes com os da Ordem dos Enfermeiros ;
- Paradigma da tranformação - neste objectivo vai ser explicado este paradigma e referido o porquê da teoria de jean watson se integrar no mesmo. Escola Do Cuidar “A escola do cuidar (...) situa-se no contexto da abertura para o mundo e, portanto, engloba-se no paradigma da transformação.” Jean Watson
"A escola do cuidar explica que as enfermeiras podem melhorar a qualidade dos cuidados que prestam às pessoas, se se abrirem a dimensões como a espiritualidade e a cultura, e se integrarem os conhecimentos ligados a estas dimensões na prestação dos cuidados. Os cuidados de enfermagem visam a promoção da harmonia entre “corpo-alma-espírito”". Lopes Teoria do Cuidado Transpessoal A Teoria do Cuidado Transpessoal apresenta dez factores, que estão na base do cuidado holístico:

1. Formação de um sistema de valores humanista-altruísta;
2. Instalação da fé/esperança;
3. Cultivo da sensibilidade para consigo e com os outros;
4. Desenvolvimento de uma relação de auxílio/confiança;
5. Promoção e aceitação da expressão de sentimentos positivos e negativos;
6. Uso sistemático do método científico de resolução de problemas para a tomada de decisões;
7. Promoção do ensino – aprendizagem interpessoais;
8. Provisão de um ambiente mental, físico, sociocultural e espiritual protector, correctivo e de apoio;
9. Auxílio na satisfação das necessidades humanas;
10. Permissão de forças fenomenológico-existenciais. Teoria do Cuidado Transpessoal Maior importância da preservação da saúde e procura de meios para proteger e melhorar a dignidade, humanidade, integridade e harmonia interior de uma pessoa;
Comportamento mais altruísta, social e espiritual;
Pessoa vista de forma holística, como um todo;
A saúde passa a ser definida como o equilíbrio entre mente, corpo e espírito, contrariando o conceito de saúde ser somente a ausência de doença;
Importância do amor, da fé, da compaixão, da comunidade e da consciência. Surgiu em 1975, representando o início do conhecimento das ciências de enfermagem, e que teve como principais objectivos a globalização e o respeito pelo ser humano.
De acordo com este paradigma, os fenómenos são únicos, embora se encontrem em interacção com o tudo o que os rodeia. Conceitos de Metaparadigma
por Jean Watson e Ordem dos Enfermeiros Paradigma da Transformação Pessoa Ambiente Saúde Cuidados de Enfermagem Tanto Watson como a Ordem dos Enfermeiros consideram o equilíbrio entre o bem-estar físico, social, espiritual e cultural importantes e que a saúde não se foca apenas nos aspectos fisiológicos. A pessoa procura estabelecer este equilíbrio e harmonia durante o seu dia-a-dia, conforme a situação que lhe é apresentada (família, emprego, papel social). Podemos então concluir que a definição de saúde de Jean Watson está considerada na definição de saúde dada pela Ordem dos Enfermeiros. Tanto Watson como a Ordem dos Enfermeiros considera a pessoa como um ser multidimensional, em que as suas várias dimensões (espiritual, psicológica, socio-cultural, biológia) têm de ser tidas em conta durante o processo de tratamento.
Podemos então concluir que a definição deste conceito está considerada na da Ordem dos Enfermeiros. Ambos consideram a existência de um ambiente externo (físico), na qual a pessoa é influenciada pelos factores físicos, humanos, políticos, económicos, culturais e organizacionais do meio em que está inserida. No entanto, Jean Watson considera ainda a existência de um ambiente interno (não físico), no qual a pessoa é influenciada pelos factores emocionais, as crenças, os valores e os costumes (consciência). Podemos então concluir que a definição de Jean Watson não se encontra totalmente considerada na da Ordem dos Enfermeiros. Ambas as definições defendem o holismo, onde o importante é o todo, e não só a doença em si (holismo). Os cuidados estabelecem-se através da relação entre o enfermeiro e a pessoa ou o grupo de pessoas. Podemos então concluir que a definição de Jean Watson consta na definição da Ordem dos Enfermeiros. Relação entre Jean Watson e o Paradigma da Transformação “ Em vez de um enfermeiro ministrar analiticamente um tratamento a um doente, quer-se que o técnico de saúde saiba comunicar, interagir, conhecer para então depois proporcionar o cuidado necessário. O objectivo é a cura global do paciente e a satisfação do prestador de ajuda”. “Saber responder às necessidades de cada doente, recorrer a um complexo altamente criativo para encontrar as melhores soluções” “(…) uma visão do Homem como pessoa de valor para ser apreciada, respeitada, educada, compreendida e assistida; (…) pessoa com um eu inteiramente funcional e integrado. O Homem é mais do que apenas a soma das suas partes.” Teoria do Cuidar
Jean Watson Conclusão Discussão Bibliografia - Watson, J. (2002). Enfermagem: Ciência Humana e cuidar uma teoria de enfermagem. (J. Enes, Trad.). Loures: Lusociência. (Nursing – Human Science and Human Care. A Theory of Nusing 1999)

- Watson, J. (2002). Enfermagem Pós-moderna e futura – um novo Paradigma da Enfermagem. (J. M. M. Enes, Trad.). (p.105 – 118). Loures: Lusociência. (Postmodern nursin and beyond 1999)

- Lopes, M. J. (2001). Concepções de Enfermagem e Desenvolvimento Sócio-Moral (2ª Ed.). (p.59-60) Lisboa: APA Enfermeiros

- Bonhomme, G. (2012). Como aplicar Jean Watsons enfermagem teoria em enfermagem. Acedido em 2013/01/9 Disponível em http://www.borobarmy.com/como-aplicar-jean-watsons-enfermagem-teoria-em-enfermagem.html
Full transcript