Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Web 2.0

Trabalho de Informática - UIT 1º B
by

Breno Augusto

on 9 March 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Web 2.0

Curiosidades Web 2.0 0 + - = 9 8 7 1 2 3 4 5 6 c Surgimento Conceitos Vídeos Integrantes Ágatha Christie
Alessandra Freitas
Ana Luiza Rocha
Antonio Mariano
Alex Rodrigues
Breno Augusto Internet no Brasil Impacto na Sociedade Em 2004 foi realizado uma conferência criada pela empresa americana O’Reilly Media que possuía a participação das empresas que haviam sobrevivido ao estouro da bolha. Essa conferência teve como objetivo lançar a segunda geração da Internet, a WEB 2.0. No período de 1995-2000, ocorreu a formação da Bolha da Internet, que foi uma supervalorização acompanhada de altas nas ações das empresas de tecnologia da informação e comunicação (TIC) baseadas na Internet. A partir de 1990 a Internet começou a alcançar dimensões mais populares com o surgimento da World Wide Web (WWW) inventada pelo inglês Tim Bernes-Lee. A partir de 1970, a Internet começou a ser usada por cientistas e também para fins acadêmicos. O computador surgiu inicialmente devido à necessidade de fazer contas. Depois, ele sofreu transformações e foi usado como arma militar durante a Guerra Fria (Eniac). Hoje em dia já é praticamente impossível imaginarmos nossas vidas sem a Internet!
Mas será que o mundo virtual sempre foi assim como o conhecemos? Surgimento A Web 2.0 acabou emplacando no mercado por ser um meio mais dinâmico que possibilitava a inclusão de conteúdos e maior interatividade entre os usuários da Web. Porém, ao longo do ano 1999 e início de 2000, devido a um súbito e grande aumento nas taxas de juros, a economia começou a perder velocidade e deu-se o “estouro da bola” em 10 de março de 2000. Com o surgimento da WWW, nasceu também a WEB 1.0, um meio mais informativo e sem interatividade, mas que representava uma grande evolução devido à possibilidade de incorporar sons, dados e imagens. A Web 2.0 é simples A Web 2.0 é uma plataforma A Web 2.0 se conceitua no âmbito essencialmente online. Desta forma, atividades que antes eram feitas de forma offline, com o auxílio de tradicionais programas vendidos em lojas especializadas, passam a ser feitas de forma online, com o uso de ferramentas gratuitas e abertas a todos os usuários. "Web 2.0 é a mudança para uma internet como plataforma, e um entendimento das regras para obter sucesso nesta nova plataforma. Entre outras, a regra mais importante é desenvolver aplicativos que aproveitem os efeitos de rede para se tornarem melhores quanto mais são usados pelas pessoas, aproveitando a inteligência coletiva“
Tim O'Reilly A Web está em nossas mãos A Web 2.0 é participativa A web 2.0 é social A Web 2.0 é funcionalidade


- Transparência e verdade;
- Vários emissores, vários receptores;
- Possibilidade de interação entre os usuários do meio;
- Várias fontes de opinião = mais confiança. Algumas áreas de influência O conceito para o termo Web 2.0 foi criado por Tim O’Reilly, em 2003. O Universo 2.0 São considerados as grandes destaques da web 2.0 serviços como Wikipedia, Digg, YouTube, eBay, del.icio.us e Google Earth. O termo Web 2.0 também é utilizado para classificar sites que seguem tendências de design mais 'limpo' e 'leve', utilizam tecnologias recentes como Ajax, CSS e XML, e adotam um ciclo de produto batizado de 'beta perpétuo', ou seja, estão sempre em fase de testes e introduzindo novas funções.  As características web 2.0 são: Graças a Internet que o fluxo de informações tem se tornado cada vez mais e mais rápido, hoje em dia, se há ocorrência de algo com deveras importância em qualquer parte do planeta, em questão de minutos podemos já estar sabendo de praticamente todas as informações , tudo graças a internet. Qualquer cidadão com acesso a internet pode se tornar um importante informante para toda a sociedade global. Ao mesmo tempo em que há vários sites de comunicações também temos sites onde podemos comprar, assim não é mais necessário sair de casa para adquirir algum utensílio para trabalho ou lazer. As redes sócias se tornaram um dos maiores exemplos do desenvolvimento da web 2.0. Quem nos dias de hoje consegue passar um dia inteiro sem ao menos dar um ultima verificada no seu FaceBook, Twitter, dentre vários outros meio de interação digital que existem. Um dos exemplos foi a ocupação da Rocinha por forças de segurança, em novembro do ano passado, divulgado em tempo real por moradores através do Twitter, a página pulou de 80 para 3.184 seguidores um dia após a retomada da comunidade. Vivemos a era das plataformas colaborativas elas permitem que o público expresse a sua opinião, as pessoas passam de receptores para também emissores de mensagem. Com as redes sociais o usuário ao mesmo tempo é leitor e produtor de conteúdo. As pessoas passaram a escrever e divulgar suas notícias em um novo modelo de mídia que fica explícito no poder assumido por blogs e microblogs. A Web 2.0 chegou trazendo inúmeras transformações ao mercado digital, gerando possibilidades inovadoras, dentre elas fortalecer as comunicações e com isso gerar significativas mudanças nas mídias tradicionais. Por que a Web mudou a forma de organizar a informação?
Interferência no Ensino Escolar
Mercado Empresarial Melhor organização do conteúdo
Acessibilidade Muito tem se discutido a respeito dos impactos sociais que trazem este novo meio de compartilhamento de informações.Com tanta acessibilidade a rede, estamos todos interligados.Dados estatísticos comprovam, e atestam que a cada vez mais as pessoas se tornam dependentes dos sistemas da rede.da grande transformação da comunicação nos últimos anos; do compartilhamento de informações em todos os níveis;da democratização do conhecimento.
Na Educação, a questão mais premente já não se refere ao beneficio ou malefício do uso dos conhecidos sites de relacionamento ou dos conhecimentos produzidos pela Web 2.0; Nem tão pouco sobre a conveniência (ou não) da utilização destas ferramentas mas, sim, do tipo de uso que faremos das mesmas, uma vez que essa inserção vem se colocando como inevitável, em um prazo bem menor do que o previsto. Pensar em novas formas de ver o Ensino e a Cultura como um todo, que englobe presencial e virtual, são assuntos atuais, e a tendência é que a quantidade dessas discussões aumente e se intensifique na medida em que começa a ser impossível pensar em produção de conhecimento sem uma prévia pesquisa na Internet.
Em contrapartida, surge um novo mercado de trabalho com o aparecimento das novas mídias sociais.O interesse de empresas em busca de marketing serem inseridas nestes meios, demanda profissionais por sua vez, precisam ser muito dinâmicos, é uma área que muda rápida e constantemente. Precisa pesquisar novas ferramentas e estar antenado com as tendências que surgem todos os dias.A imagem a baixo, demonstra como a publicidade se faz presente em sites mais acessados. A web 2.0 também muda a arquitetura das informações.Já que o conteúdo é feito pelo usuário e deve ser de fácil acesso,Por que não deixar o próprio usuário fazer a atualização?Daí surge a folksonomia (substituindo a Taxonomia), onde, ao invés de grandes categorias e subcategorias, a organização é feita por palavras não só podendo por uma página dentro de uma categoria, porém dentro de várias tags. Web 2.0 é a Web como plataforma. Você pode acessar as aplicações independente de Sistema Operacional e navegador ou hardware e de qualquer lugar que esteja.
As novas tendências não somente optimizam os sites para os buscadores e usuários (visitantes), como também facilitam nas atualizações pelos desenvolvedores.
Full transcript