Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Sistema ABO

No description
by

Fernanda Honda

on 27 June 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Sistema ABO

Sistema ABO
A Descoberta
Transfusões:
Animal → Homem
Homem → Homem

Aglutinação nos vasos sanguíneos
Choque, icterícia e hemoglobinúria
Quais transfusões podem ocorrer com sucesso
Determinação da classificação ABO
Diversos indivíduos


Separação do sangue (células / soro)


Testes


Divisão dos indivíduos em grupos
Genética
1 par de alelos = materno + paterno
Aglutininas = anti-A e anti-B
Aglutinogênios = A e B
Anticorpos
Antígenos (Glicoproteínas)
A
B
C
O
AB
Decastello
e Sturli
Por que já apresentamos anticorpos?
Hipótese mais aceita: bactérias da microbiota indígena possuem carboidratos similares

Coevolução das bactérias

Seleção negativa: exclui o que reage com o
self

Tolerância oral: se o antígeno é
self
, tolera-se a microbiota
História das
Transfusões
Aspectos
Moleculares
Alelos
Modelo: IA

IB ͢͢= diferença em 7 do 1062 nucleotídeos
IA2 ͢͢= deleção de C na região 5' (alonga a ORF)
= elongação da proteína (Pro156Leu)
i ͢͢= supressão de um G - trunca enzima
Importância Clínica
Tipagem Sanguínea
Eritroblastose Fetal
Importância científica
Microarray
Referências
1. Landsteiner K. NOBEL LECTURES, PHYSIOLOGY OR MEDICINE 1930,
ON INDIVIDUAL DIFFERENCES IN HUMAN BLOOD
, DECEMBER 11, 1930. Nobel Lectures. 1995;1(4).
2. Storry J, Olsson M. The ABO blood group system revisited: a review and update. Immunohematology. 2009;25(2):48--59.
3. Barreiro R. Imagens de Fundo. 2014.
4. Batissoco A, Novaretti M. Molecular aspects of ABO blood group system. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia. 2003;25(1):47--58.
5. LANDSTEINER K. Uber Agglutinationserscheinungen Normalen Menschlichen Blutes (On agglutination phenomena of normal human blood). Landmarks in Medical Genetics: Classic Papers with Commentaries. 2004;51:112.
6. Nobelprize.org. Karl Landsteiner - Biographical [Internet]. 2014 [14 June 2014]. Available from: http://www.nobelprize.org/nobel_prizes/medicine/laureates/1930/landsteiner-bio.html
7. Seltsam A, Hallensleben M, Kollmann A, Blasczyk R. The nature of diversity and diversification at the ABO locus. Blood. 2003;102(8):3035--3042.
8. Yazer M, Palcic M. The importance of disordered loops in ABO glycosyltransferases. Transfusion medicine reviews. 2005;19(3):210--216.
9. D FARHUD D, Yeganeh M. A Brief History of Human Blood Groups. Iranian journal of public health. 2013;42(1):1.
Eiji Yamassaki de Almeida
Fernanda Miki Honda
Luiza Maria Parise Morales
Melissa Ribeiro
Patrizia Dardi
Prêmio Nobel 1930: Karl Landsteiner
1º: Teste de paternidade e Medicina forense
Gene
Enzimas glicosiltransferases
Epítopos de Oligossacarídeos
(Antígeno)
7 éxons
o

determina o domínio catalítico
Alelos: IA, IB, i
Codominância de IA e IB
Aspectos
Moleculares
α1͢-3-N-acetil-galactosamina transferase
UDP- Gal

α1͢ 3-N-acetil -galactosil transferase
UDP- GlcNAc - NAG!!


Aspectos
Moleculares
Antígeno H: carboidrato produzido pela ação da enzima α-2-L-fucosiltransferase

Locus FUT1 (cromossomo 19)
-geneticamente independente do locus ABO
-tipo O

Açúcares
azul: N-acetilglicosamina
cinza: N-acetil galactosamina
branco: Fucose
preto: Galactose
Representação gráfica mostrando os alelos comumente listados no banco de dados dbRBC

Frequências variam na população
Anticorpos
Reatividade de anti-H: O>A2>B>A2B>A1>A1B.

Subgrupos A1 e A2 :
-Diferenciados sorologicamente com o uso do reagente lectina anti-A1

Ambientes de contato diferentes, respostas diferentes
Importância Clínica
Tipagem Sanguínea
Métodos de biologia molecular são passíveis de erros
Maior segurança nas transfusões;

Maior oferta de sangue
Aspectos
Moleculares
Lúmen
do
Golgi
Presentes em diversas células do organismo


diferenças nos fenótipos devem-se a diferenças na atividade enzimática


Regiões catalíticas
-N- terminal: reconhece substrato doador de açúcar
-C- terminal: reconhece substrato aceptor de açúcar
Aspectos
Moleculares
Superfície de Bactérias
Cromossomo 9
1492 - Papa Inocêncio VIII
1665 - Transfusões entre animais - Richard Lower;
1667 - Transfusão Heteróloga, por Jean Baptiste Denis (Prof. filosofia e matemática + médico do Rei Luiz XIV) em Antoine Mauroy;

Século XIX - transfusões poderiam ser benéficas
1818 - Transfusão Homologa em Humanos, por James Blundell - hemorragia pós-parto
Importância científica
Conceito de Compatibilidade


Transfusões errôneas

Transplantes sólidos


Landsteiner
- relação sangue X dieta
Sites: www.musculosbonitos.com
www.maefazmeushake.com etc
Principais causas de morte em Transfusões
Contaminação bacteriana
TRALI (Lesão Pulmonar Aguda Associada a Transfusão).
Transfusões errôneas

- transfusão de 30ml de sangue incompatível pode resultar em reação fatal.

Nenhuma evidência comprova
efetivamente esta relação :(
(Cusack et al, 2013)
Genótipo
Fenótipo
A1 e O1 - deleção de guanina, altera leitura;
A2 - apresenta deleção de citosina;
Falso O - ausência de substrato H
Incompatibilidade do sangue da mãe com o sangue do feto em mulheres multíparas:

fator Rh
Grupos ABO

provoca aglutinação do sangue fetal - Ac IgG
10. Landsteiner K, Levine P. Further observations on individual differences of human blood. Experimental Biology and Medicine. 1927;24(9):941--942.
11. Nobelprize.org. Karl Landsteiner - Facts [Internet]. 2014 [20 June 2014]. Available from: http://www.nobelprize.org/nobel_prizes/medicine/laureates/1930/landsteiner-facts.html
12. Hoskins L. Ecological studies of intestinal bacteria. Relation between the specificity of fecal ABO blood group antigen-degrading enzymes from enteric bacteria and the ABO blood group of the human host. Journal of Clinical Investigation. 1969;48(4):664.
13. Cusack L, De Buck E, Compernolle V, Vandekerckhove P. Blood type diets lack supporting evidence: a systematic review. The American journal of clinical nutrition. 2013;98(1):99--104.
14. Anthro.palomar.edu. Modern Human Variation: Distribution of Blood Types [Internet]. 2014 [22 June 2014]. Available from: http://anthro.palomar.edu/vary/vary_3.htm
15. Liu Q, Sulzenbacher G, Yuan H, Bennett E, Pietz G, Saunders K et al. Bacterial glycosidases for the production of universal red blood cells. Nature biotechnology. 2007;25(4):454--464.
16. Kaneno R. IMUNOLOGIA DOS TRANSPLANTES [Internet]. 1st ed. Depto Microbiologia e Imunologia IBB - UNESP; 2014 [21 June 2014]. Available from: http://www.ibb.unesp.br/Home/Departamentos/MicrobiologiaeImunologia/transplantes_texto.pdf
17. Prosangue.sp.gov.br. Fundaçãoo Pró-Sangue [Internet]. 2014 [16 June 2014]. Available from: http://www.prosangue.sp.gov.br/artigos/estudantes
Frequência do alelo A na população mundial
Antígenos sanguíneos expressos em células endoteliais

Ativação do complemento
Rejeição Hiperaguda
Além do MHC
21% da população
Escandinávia, aborígenes australianos
Frequência do alelo B na população mundial
- o mais raro: 16%
- Ásia Central e África
Frequência do alelo O na população mundial
- O mais comum: 63%
- Ameríndios: quase exclusivamente O
detecção correta dos genótipos
Exoglicosidases
Sangue Universal
Quando mais semelhantes os indivíduos, maior a compatibilidade
Agglutination phenomena in normal human blood - 1901
Auxilio em decisões clínicas
Se existe sangue O, qual a utilidade do sangue universal?
Possível uso de exoglicosidases para modificação de outros antígenos - menor rejeição em transplantes?
The ABO blood group system revisited: a review and update - 2009
Bacterial glycosidases for the production of universal red blood cells - 2007
Glicosiltransferases normais
Glicosiltransferases com atividade ou especificidade alterada
O: enzimas com (normal) ou sem (incomuns) a mutação 261delG
Grupo
Agradecimentos:
Prof.a:
Alessandra Pontillo

Monitora:
Nátalli Zanete
Populações pequenas: cruzamentos próximos aumentam chances de passagem de alelo recessivo
Expressão alterada de antígenos
Mutação: enzima não ativa
Sem mutação: adição errada
Full transcript