Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Contratando Métodos Ágeis: Que tipo de contratos usar?

No description
by

Rafael Rodrigues

on 14 August 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Contratando Métodos Ágeis: Que tipo de contratos usar?

Contratando Métodos Ágeis:
Rafael M. L. de Sá Rodrigues
Cenário
Principais características dos contratos
Pesquisa realizada (dot voting)
+ form Google
Comparação com base nas características
Money for Nothing
Concluindo...
Ainda há resistência, mas percebe-se avanço
Contratos distorcem comportamento!
rafaelsarodrigues@gmail.com
Os resultados
Últimas Décadas (90's - 00's)
Metodologias Tradicionais de Desenvolvimento
BDUF
[Chaos Report, 1995]
Início da utilização dos métodos ágeis
Escopo fechado: custo e prazo acabariam variando!
Se escopo, custo e prazo não puderem variar, o que acontece com a qualidade?
Preço fixo
Contratos Tradicionais para Metodologias Tradicionais: Escopo fechado
O Problema dos Contratos Tradicionais
Contrato Tradicional + Métodos Ágeis??
Métodos Ágeis?
Legal, vamos usar!
Mas e o
contrato?
É o tradicional,
mas não importa!
O manifesto diz que
colaboração > contratos!
Porém...
Forma de trabalho diferente do que tá no contrato
Cliente distante
Entregas pouco frequentes
Pouco valor agregado
Dificuldade de pedir mudanças
Uso de práticas ágeis que independem de contrato
Ex: Pair Programming, Daily Meetings, etc.
Resistências à mudança de contrato
Ninguém quer ser o pivô
da mudança cultural!
Medo do novo
Riscos
Desconhecimento
Desconfiança
A metodologia evoluiu...
mas os contratos não acompanharam.
Contratos Tradicionais
escopo fechado
Contratos Ágeis
escopo flexível
Que tipo de contrato usar?
T&M
Lucro fixo
Cláusula de bônus
e penalidade
Preço fixo inicialmente acordado com o cliente
Muito usado em contratos que seguem a legislação brasileira (APF)
Escopo e prazo também são fixos
Baixo risco para o cliente (teoricamente)
Ilusão!
Lose-lose
produto diferente do que queria
insatisfação
atrito de relacionamento
custos futuros com mudanças
risco de perda de margem de lucro
redução de testes/qualidade
Cliente
Fornecedor
Necessária confiança no fornecedor
Comporta-se bem com escopo flexível
Risco compartilhado
No início, ambas as partes fixam o lucro do fornecedor, fixam o escopo e estipulam uma data alvo
Terminou antes
da data alvo
Terminou depois
da data alvo
Fornecedor recebe todo o lucro
Cliente deixa de pagar os custos do projeto
Win-win
Fornecedor recebe o lucro
Cliente só paga os custos do projeto depois da data alvo
Lose-lose
Mudanças difíceis!
Escopo e prazo fixos, custo variável
Cláusula bônus e penalidade (em função da data de entrega)
Fornecedor recebe bônus se entregar antes...
mas recebe menos a cada dia que atrasar
Importante: definição de
DONE

Pacote de horas (paga antes)
Horas trabalhadas no mês (paga depois)
Custo máximo definido
Contrata-se horas de recurso
Horas mensais podem variar (custo variando)
Não saber exatamente quanto falta
Risco de se estender indefinidamente (bom pro fornecedor)
Alto risco para o cliente
Money for Nothing,
Change for Free
No Cure, no Pay
Progressivo
Objetivo de Custo
Preço Fixo por Unidades
de Trabalho
Preço Fixo Ágil e
T&M Ágil
Objetivo: Identificar as características mais relevantes em um contrato para orientar uma comparação entre os modelos de contratos!
Prazo e custo fixados
Divide-se macro escopo inicial em iterações para um período longo (ex: 1 ano), com tamanho fixo (em story points)
Ao longo das sprints, é feita a priorização e detalhamento das user stories
Flexibilidade para mudanças, desde que dentro do tamanho total fixado
Preço Fixo Ágil
T&M Ágil
= tradicional, mas escopo flexível
Definir teto de custo
Burndown
e
cumulative flow chart:
visibilidade
Jeff Sutherland, 2008
As partes acordam prazo final e tamanho estimado
Story Points, visão alto nível dos requisitos
Change for Free
Mudanças à vontade, desde que não exceda o tamanho estimado
Money for Nothing
Tentar sempre encerrar o projeto o mais rápido possível, e fornecedor recebe o lucro restante
Cliente
Fornecedor
Usuário Final
Vantagens!
Recebe antes
Gasta menos

Lucro antecipado
Time liberado p/ outros projetos
Funcionalidades + importantes
Mais enxuto
Software antecipado
Desvantagens?
Comercial tem mais trabalho para manter time alocado
Tom Gilb, 2007
“A maioria dos fracassos dos projetos foi totalmente paga. Nós não apenas pagamos bem pelo fracasso, e sim quanto maior o fracasso (em termos de tamanho e duração do projeto), mais as pessoas são pagas!”
Pagar somente quando os resultados
são comprovadamente entregues
Cliente não paga se não estiver satisfeito...
...mas não fica com o produto
Fundamental: ter bem definidos os critérios de aceitação.
Cláusula: cada vez que o cliente recusar o produto, o preço aumenta.
Pagamento em T&M, só é liberado depois de 30 dias de validação no ambiente do cliente. Se tiver bug, pagamento fica retido até o fix.
Define-se um valor por PF ou Story Point
Recomendado PF nesse caso por facilitar estimar mudanças
Paga-se por unidade entregue, testada e aprovada em cada iteração.
Critérios de aceitação
Renova ou cancela
o contrato a cada iteração
Necessidade de mostrar valor agregado o tempo todo
Qualquer forma de pagamento (preço fixo, T&M, por unidade de trabalho...)
Constante envolvimento do cliente
E também mostrar que ainda há valor a ser agregado nas próximas iterações
Modelo mais comum em contratos guarda-chuva
Distribuição igualitária dos riscos
Define-se um escopo genérico
Define-se um objetivo de custo, um objetivo de lucro e uma duração para o projeto
Divide-se em iterações (objetivos por iteração)
Todos os detalhes e resultados são compartilhados com o cliente - transparência é fundamental
gasto da iteração < objetivo de custo
gasto da iteração > objetivo de custo
cliente e fornecedor
dividem lucro extra
cliente e fornecedor dividem o prejuízo
Cuidado com mudanças que afetam o objetivo de custo
% de uso de funcionalidades
(Chaos Report, 2002)
Mudanças
Tradicional de Preço Fixo
Obrigado!
Rafael M. L. de Sá Rodrigues
rafaelsarodrigues@gmail.com
Agradecimento especial
Rodrigo de Toledo
fb.com/portalmelhoria
rrodrigues@promovesolucoes.com
Difíceis e caras
Fáceis e gratuitas
Baixíssimo
Constante
Pouco popular
Muito popular
Ilusório
Teoricamente baixo
Baixo
Não há
Muito alta
Alto
Baixo
Comum APF
Comum Story Points
Vantajoso para ambos
Não é explícito
Flexível
Fixa / Multas
Costuma haver
Popularidade
Risco para cliente
Método de estimativa
Vigência do contrato
Risco para fornecedor
Garantia
Vantagem para usuário final
Precificação
Envolvimento do cliente
1. O Problema
2. Contratos Tradicionais
3. Contratos Ágeis
4. Pesquisa de Características
5. Comparação
Muitos modelos: escolha o que mais se adeque a sua realidade
Customize sempre que possível!
Inclua características que facilitem a adoção de práticas ágeis
Manifesto Ágil
> custo, atraso, < qualidade...
não ser pago, perder margem, atrasos de pagamento, modificação de processo...
receber antecipado, receber as funcionalidades mais importantes, mais usabilidade...
Function points, Planning Poker, T-Shirt Sizing, Story Points...
Só no início e fim do projeto? Semanalmente? Por iteração?
Preço Fixo, T&M, unidade de trabalho...
Fácil ou difícil encerrar o contrato antes do prazo final?
Fácil ou difícil?
Garante o funcionamento por quanto tempo após a entrega?
Muito ou pouco usado no mercado?
Time & Materials
Total
de respondentes: 32
Selecionados cautelosamente
Todos tem conhecimento da área de TI e contratação
prezi: http://goo.gl/t1IQi3
revisão sistemática de literatura!
Full transcript