Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Safári das Estratégias - A escola cognitiva

Todo o Prezi foi baseado no capítulo VI de Safári de Estratégia. Outras fontes citadas quando necessário. Somente material de apoio.
by

Fernanda Fernandes

on 15 November 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Safári das Estratégias - A escola cognitiva

Chegar ao que o processo da estratégia significa na esfera da
cognição
humana...

Segundo Michaelis do UOL:
Cognição:
cog.ni.ção
sf (lat cognitione) Filos Ato de adquirir um
conhecimento.
A cognição envolve fatores diversos como o
pensamento
, a
linguagem
, a
percepção
, a
memória
, o
raciocínio
etc., que fazem parte do desenvolvimento intelectual.
O viés cognitivo
"... o mundo é
grande
e
complexo
, ao passo que... o cérebro humano e sua capacidade de processamento de informações são
altamente limitados
."
Cognição como
Mapeamento
Processamento de
informações
Conhecimento vem através da

experiência
direta...
Experiência
Saber
Fazer
+

positivista
Processamento e
estruturação
Visão
objetiva
do mundo
Sentidos como meios de
captação de informações
Cognição como
recriação
do mundo
+

subjetiva
interpretação
do mundo
processo de tomada de decisão de
dentro para fora
cognição como
criação
do mundo
+ positivista
+ subjetiva
Confusão
Processamento
de informações
Mapeamento
de estruturas de conhecimento
Cognição estratégica como
construção
Estas tendências podem partir de experiências anteriores, bem como dos diversos
estilos cognitivos
dos estrategistas.
Myers-Briggs
Extroversão (E)
Sentir (S)
Pensar (T)
Julgamento (J)
Introversão (I)
Intuição (N)
Sentir (F)
Percepção (P)
http://www.humanmetrics.com/cgi-win/jtypes2.asp
Altos Executivos
Gerência Média
Gerência Média
Processamento em
dois níveis
:
Para Corner, Kinicki e Keats (1994):
Nível Organizacional
Nível Individual
Informação
Estratégica
Significados
comuns
Construção
Estruturada
Socialização
Decisão
Papéis
Atenção
Codificação
Armazenagem/Recuperação
Ação
Atenção
Codificação
Armazenagem/Recuperação
Ação
Resultados organizacionais
Resultados individuais
estruturas mentais
para organizar o conhecimento
Mapas:
"... navegação através de terreno confuso com algum tipo de modelo representativo."
para Ann Huff (1990), existem dois tipos de mapas:
Esquemas
Trabalha com fatores importantes
para os gerentes implicam
uma série de premissas que
podem comprometer o
julgamento ou uma
decisão.
Outros

Trabalha com a relação que
diferentes fatores podem ter em
diferentes situações de interação.
Estratégia como
realização de conceito
"A maneira como mapas conceituais são criados é vital para a compreensão da formação da estratégia."
estratégia
=
conceito
geração de estratégia
=
realização de conceito
Conceito
que vem de onde?
Sabemos mais do que podemos dizer (Polanyi, 1996)
Julgamento, intuição e criatividade (Simon, 1977)
Organização do conhecimento para rápida identificação (Simon, 1987)
Inspiração: discernimento criativo é uma capacidade de obter instantaneamente a compreensão de toda a estrutura de novas informações (Shimizu, 1980)
Analogias e metáforas:
A Escola do Cognitivo
A Formulação de Estratégia como Processo Mental
Fernanda Fernandes
Ana Beatriz
Henildo Pereira
Iuri Gabriel
Claudionor Costa
Saincler Rebouças
Rafael Lopes
Cognição como
Realização de Conceito
A escola não tem exatamente proposições estratégicas e sim um entendimento de como o processo é formado na mente dos estrategistas:

1. A formação da estratégia é um processo cognitivo que tem
lugar na mente
do estrategista.

2. Estratégias emergem como
perspectivas
na forma de conceitos, mapas, esquemas e molduras, que dão forma à maneira como as pessoas lidam com as informações do ambiente.

3. Para a ala do
pensamento positivista
(objetiva) a informação flui através de
filtros
antes de serem decodificadas pelos mapas cognitivos enquanto a ala
subjetivista
, as interpreta pela
percepção
.

4. As estratégias demandam um
esforço intelectual
para serem compreendidas e realizadas e quando são realizadas ficam aquém do esperado e se tornam
inflexíveis
quando
não são mais viáveis
.
A Escola
Cognitiva
:
Premissas
Cognição como
construção
Realidade?!
Baseada em nossas molduras psicológicas
Gregory Bateson
O mundo
“lá fora”
não motiva o comportamento
“aqui dentro”
.
Se fosse assim, como explicaríamos estratégias que mudam o mundo?
O que está dentro da mente humana não é uma reprodução do mundo externo.
As informações que fluem por aqueles filtros, decodificadas por aqueles mapas cognitivos interagem com a cognição e são por ela moldadas.

Uma teoria de brincadeira e fantasia.
4 - Uma estrutura é metacomunicativa
As estruturas psicológicas ...
Ambiente Representado
Competição e cognição
Os gerentes são administradores de informações.
São gerenciadores de informações dizendo assim o que é necessário e o que não é.
O que acontece muito em grandes empresas é grandes gerentes são as chamadas distorções de informações que nada mais é que a
informação errada
.
Sumário :
Introdução
Cognição como
Confusão
Cognição como
Processamento de Informações
Cognição como
Mapeamento
Cognição como
Realização de Conceito
Cognição como
Construção
Premissas
da escola cognitiva
"É preciso acreditar para ver"
(Anônimo)
Cognição como confusão
Precisamos sondar a mente do estrategista.

Este é o trabalho da escola cognitiva
: chegar ao que este processo significa na esfera da cognição humana, utilizando, em especial, o campo da psicologia cognitiva.
A Formulação de Estratégia como
Processo Mental
Os estrategistas são, em grande parte,
autodidatas
..
Herbert Simon (1947, 1957).
Cientista político, passou parte da carreira na escola de Administração e no departamento de Psicologia da Carnegie Mellon University e que, em 1978, recebeu o Prêmio Nobel de Economia.
Tendências de Julgamento na tomada de decisão:
4.
Cálculo de resultado único:
"Algumas evidências sugerem que, uma vez que a alienação é considerada uma maneira de lidar com uma unidade que está indo mal, ela pode tornar-se rapidamente a única alternativa considerada...”
1.
Raciocínio por analogia:

"candidato à aquisição era visto pela gerência como 'a terceira perna do banco', dando suporte às altas taxas de retorno da empresa”.

2.
Ilusão de controle:

"Os responsáveis pelas decisões podem superestimar o ponto até onde os resultados de uma aquisição estão sob seu controle pessoal e supor que podem fazer a empresa ser bem-sucedida, caso surjam problemas"
3.
Aumento do comprometimento
:
"envolve investimentos continuados e crescentes em face de resultados de desempenho fracos e decrescentes"
A abordagem do Processamento de Informação estuda as diferenças do individualismo de desempenho intelectual, na resolução de problemas e de pensamentos, assim como, as diferenças nas operações de memória, assim, a medida mais precisa de inteligência é o modo como às pessoas armazenam informação na memória e a utilizam para resolver problemas intelectuais.
Cognição como
processamento de informação
O processo de informação utiliza a analogia do computador, sendo assim, não está em causa à inteligência prática ou o seu desenvolvimento cognitivo ao longo dos anos, mas sim o processo de aquisição de conhecimentos (Cognição).
1.
Tenta correlacionar o desempenho nos testes de inteligência como correlatos cognitivos simples, como por exemplo, os tempos de procura de memória;

2.
Estuda as componentes cognitivas mais complexas, como por exemplo, as tarefas propostas pelos testes de Inteligência estandardizados;

3.
Relaciona o sucesso ou o insucesso com as diferenças intelectuais de cada indivíduo na aquisição de distintas estratégias cognitivas.
Esta abordagem ramifica-se em três linhas distintas:
O japonês Shimizu chamou o discernimento de
“sensibilidade intuitiva”
a capacidade de obter instantaneamente a compreensão de toda estrutura de novas informações. Portanto precisamos entender como os estrategistas conseguem sintetizar varias quantidades de informações intangíveis em novas perspectivas. Neste caso então a psicologia cognitiva pode ser menos útil do que a filosofia, ainda temos um longo caminho para compreender os processos mentais da formulação de estratégia como realização de conceito. Apesar de a pesquisa ser recente podemos dizer que
a escola cognitiva embora seja a mais importante potencialmente das 10, pode muito bem ser a menos importante em termos práticos.
Os gerentes são tanto produtores quanto usuários de mapas, a maneira pela qual eles criam seus mapas cognitivos é vital para nossa compreensão da formulação de estratégia.

Uma estratégia é um conceito assim utilizando uma antiga expressão da psicologia cognitiva, a geração de estratégia é “realização de conceito’’.

A psicologia cognitiva não tem sido muito útil talvez o problema esteja na metodologia de pesquisa – os relatos verbais feitos pelos responsáveis pelas decisões ao mesmo tempo em que estes tomam as decisões. Os processos mentais que seja realmente interessante relacionado ao desenvolvimento de estratégias podem estar no subconsciente.
Cognição como
Realização de Conceito
Edwin Land estava na cidade de Santa Fé em 1943 passeando com sua filha Jennifer, quando ele tirou uma fotografia de sua filha ela perguntou porque ela não podia ver a foto na hora, Edwin em menos de duas horas mentalizou uma solução das pessoas verem a foto na hora que fosse tirada, muito entusiasmado ligou para um amigo e descreveu com detalhes uma câmera que daria uma foto imediatamente. Edwin Land foi o inventor da
Câmera Polaroid.
Cognição como
Realização de Conceito
1 - São exclusivas
2 - São inclusivas
3 - Estão relacionadas àquilo que chamamos de premissas
O "ambiente" é construído?
Ambiente Objetivo
Ambiente Percebido
Cognição? Cognitivo?
A Escola Cognitiva
Crítica, contribuição e contexto
A psicologia cognitiva ainda precisa resolver como se formam os conceitos na mente de um estrategista. Seria útil saber como a
mente distorce
, e também como é
capaz de integrar
diversidade de informações complexas.

A formação de estratégia também é um processo mental e os estrategistas variam e seus estilos cognitivos. É a primeira das cinco escolas até agora vistas a reconhecer que existe um ambiente interessante lá fora.

Os estrategistas não colhem estratégias de uma árvore de oportunidades ambientais, nem seguem passivamente as condições prefixadas. Em vez disso, eles são feridos por um mundo desagradável que é demasiado complicado para ser plenamente compreendido.

Os bons estrategistas são criativos, o que significa que eles constroem seu mundo em suas cabeças coletivas e fazem com que ele aconteça, decretam-no.

Acima de tudo, a escola cognitiva diz-nos que precisamos compreender a mente humana, assim como o cérebro humano, para compreender a formação de estratégia.
Fim ...
Referência:
Safári de estratégia: um roteiro pela selva do planejamento estratégico (Cap. 6 - A Escola Cognitiva)
.
Henry Mintzberg, Bruce Ahlstrand, Joseph Lampel
– 2. ed. - Porto Alegre: Bookman, 201 O.
"Crescemos numa cultura em que aceitamos determinadas afirmações como verdadeiras, embora elas possam não ser. Por exemplo, acreditamos que, quanto mais informações tivermos, mais precisas serão as decisões. As evidências empíricas não apoiam essa crença. Em vez disso, o maior número de informações simplesmente parece aumentar nossa confiança de que estamos certos, sem melhorar necessariamente a precisão de nossas decisões... Na realidade, as informações encontradas em geral são redundantes e oferecem pouco valor adicional."
Makridakis
dedicou considerável atenção àquilo que chamou de "crenças infundadas ou sabedoria convencional":
Full transcript