Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Modernismo no Brasil, Semana da Arte Moderna

No description
by

Luis Enrique Portugal

on 22 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Modernismo no Brasil, Semana da Arte Moderna

Modernismo no Brasil
Semana da Arte Moderna
Conclusão
Semana da Arte Moderna
Modernismo no Brasil
O Modernismo Brasileiro foi um movimento cultural que aconteceu no século XX, mais especificamente, na década de 20. Em 1917, na Rússia, se deu a criação de um partido que batia de frente com as idéias capitalistas, o Partido Comunista. O partido político nasceu de um protesto, denominado de Revolução Russa.
O Que é a Semana da Arte Moderna e Quando Ocorreu!
A Semana de Arte Moderna (1922) é considerada o marco inicial do Modernismo Brasileiro, ocorreu entre 13 e 18 de fevereiro de 1922, no Teatro Municipal de São Paulo.
Impacto Para o Mundo!
A Semana de 22 representou um processo de organização e celebração dos modernistas brasileiros que não causou impacto no cenário latino-americano. A divulgação da arte brasileira foi mais forte em Paris, com a presença de Tarsila do Amaral,
Impacto Para os Autores
Os modernistas ridicularizavam o parnasianismo, movimento artístico em voga na época que cultivava uma poesia formal. Propunham uma renovação radical na linguagem e nos formatos, marcando a ruptura definitiva com a arte tradicional. Cansados da mesmice na arte brasileira e empolgados com inovações que conheceram em suas viagens à Europa, os artistas romperam as regras preestabelecidas na cultura.
Oswald de Andrade e Vicente do Rego Monteiro. Essa idéia de integração cultural latino-americana aconteceu no pós-guerra. No período modernista, o Brasil seguia referências européias nas artes.
Na Semana de Arte Moderna foram apresentados quadros, obras literárias e recitais inspirados em técnicas da vanguarda europeia, como o dadaísmo, o futurismo, o expressionismo e o surrealismo, misturados a temas brasileiros.
Os participantes da Semana de 1922 causaram enorme polêmica na época. Sua influência sobre as artes atravessou todo o século XX e pode ser entendida até hoje.
Principais Artistas
Anita Malfatti - Pintora
A Estudante Russa
Interior de Mônaco
Di Cavalcante - Pintor
Baile Popular
Pierrete
Mario de Andrade - Escritor
Oswald de Andrade - Escritor
Guiomar Novaes - Musico
“A cada arranha-céu,
Tem um céu, tem um céu,
E depois tem outro céu sem estrelas.

Em cima do guarda-chuva,
Tem a chuva, tem a chuva,
Que tem gotas tão lindas que até da vontade de comê-las”.
Maracátu Atômico.
“Se você quer ter amor, razão,
Manter a ilusão,
Diga logo ao seu coração que você acreditou,
No que sempre ele mostrou.

Seus erros na paixão guardou,
Você não quer viver,
Saiba que para ter um grande amor,
Você pode não querer,
Mas precisa do sofrer”.
Rosa na Janela.
Anita Malfatti
Di Cavalcante
Mario de Andrade
Oswald de Andrade
Guiomar Novaes
Meio de Propagação da Semana 22
Revista Klaxon
Lançada em São Paulo no mesmo ano que se realiza a Semana de Arte Moderna, Klaxon (1922-1923) é a primeira revista modernista do Brasil.
Das diversas revistas modernistas que proliferam no Brasil dos anos 1920, Klaxon sem dúvida é plasticamente a mais audaciosa , a mais renovadora e a mais criativa, não só por sua belíssima diagramação , que lembra técnicas da Bauhaus, como pelas modernas ilustrações de Brecheret e Di Cavalcanti.
Significado e Propósito:
buzina externa dos automóveis. O principal propósito da revista foi servir de divulgação para o movimento modernista.
Seu nome é derivado do termo usado para designar a
Principais Autores:
Anita Malfatti;
Di Cavalcanti;
Mário de Andrade;
Oswald de Andrade;
Tarsila do Amaral;
Manuel Bandeira;
Menotti del Picchia;
Sérgio Buarque;
Graça Aranha;
Revista Antropofágica
A Revista de Antropofagia é, juntamente com a revista Klaxon, um dos principais veículos de divulgação das idéias dos primeiros modernistas de São Paulo. Os textos publicados na revista promovem um debate com as idéias lançadas na Semana de Arte Moderna de 1922, ora radicalizando seus posicionamentos, ora criticando expoentes do próprio modernismo. Tendo Oswald de Andrade (1890 - 1954) como seu principal ideólogo, a revista é publicada entre maio de 1928 e agosto de 1929, em 26 edições divididas em duas fases (ou dentições, como seus organizadores preferem).
Principais Autores:
Alcântara Machado;
Raul Bopp;
Plínio Salgado;
Mário de Andrade;
Jorge de Lima;
Carlos Drummond;
Manuel Bandeira;
Menotti del Picchia;
Murilo Mendes;
Augusto Meyer;
Pedro Nava;
Tarsila do Amaral - Pintora
Abaporu
Tarsila do Amaral
Antropofagia
Movimentos
Futurismo
Dadaismo
Expressionismo
Surrealismo
Cubista e Abstracionismo
Futurismo
Dadaismo
O Non Sense e o Inacreditável
Critica a Sociedade
Mente Dadaísta
Poema Dadaísta
Expressionismo
Surrealismo
Sonho e Realidade
Uma combinação do representativo, do abstrato, do irreal e do inconsciente.
André Breton: Era o Líder e Mentor Surreal
Full transcript