Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

General Gomes Freire de Andrade

No description
by

Ana Filipa

on 14 April 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of General Gomes Freire de Andrade

Felizmente há Luar!
General Gomes Freire de Andrade
Em Setembro de 1787, Gomes Freire de Andrade foi promovido a tenente do mar da Armada Real.

Em Abril de 1788, voltou para o antigo regimento no posto de sargento-mor.

Gomes Freire alcançou a licença para servir o exército de Catarina II na guerra contra a Turquia.

Devido a ter praticado diversos atos de bravura, foi promovido a coronel no exército da imperatriz.
General Gomes Freire de Andrade
Em 1807, Gomes Freire de Andrade já era tenente-general e em 1816 foi eleito Grão-Mestre da Maçonaria Portuguesa.

Ainda neste ano, tornou-se a “alma” de uma conspiração contra o Marechal Beresford.

A 25 de Maio de 1817, Gomes Freire de Andrade e mais 11 conspiradores foram presos, devido à denúncia de 3 maçons.
General Gomes Freire de Andrade
Gomes Freire de Andrade foi enforcado por ordem do Marechal Beresford no cadafalso na Torre de S. Julião da Barra, a 18 de Outubro de 1817.
General Gomes Freire de Andrade
Gomes Freire de Andrade nasceu a 27 de Janeiro de 1757, em Viena (Áustria).

Gomes Freire de Andrade veio para Portugal e ingressou no regimento da infantaria de Peniche, tendo em 1782 sido promovido a alferes.

Em 1784 embarcou na esquadra naval que ajudou as forças navais espanholas no bombardeamento a Argel.
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
General Gomes Freire de Andrade é a personagem central da peça e está sempre presente, embora nunca apareça.

Tendo em conta esta ausência, a sua caracterização é feita pelas outras personagens.
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
O povo considera-o o único capaz de o libertar do clima de opressão e terror que está a viver e deposita nele toda a esperança para regressar a uma sociedade justa.
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
O sofrimento de Gomes Freire e o facto de não desistir do sonho de ver Portugal livre constituem os principais elementos que dão a esta personagem um caráter épico e trágico.
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Felizmente Há Luar!
- General Gomes Freire de Andrade
Paralelismo entre
o General Gomes Freire de Andrade e o General Humberto Delgado
O General Humberto Delgado participou num golpe ao Estado Novo que acabou por fracassar.

O General Humberto Delgado foi assassinado pelos membros da PIDE à semelhança do General Gomes Freire, que foi enforcado a mando do Marechal Beresford, ambos por constituírem uma oposição / ameaça aos regimes que vigoravam nas respetivas alturas.
Full transcript