Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Romantismo em Portugal

No description
by

Gabriela Malagutti

on 18 November 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Romantismo em Portugal

Romantismo em Portugal Séc. XIX
Contexto histórico
Revolução industrial
Revolução francesa
Tipografia
Revolução da imprensa
O inicio do Romantismo em Portugal
Primeira Geração
Implantação do romantismo em Portugal
Influencias Neoclássicas
Preocupação histórica e política

Principais Autores
João Almeida Garrett
Alexandre Herculano
Segunda Geração
Romantismo consolidado em Portugal
"Mal do século"
Negativismo
Sentimento exagerado
Poema
Camões
de João Almeida Garret
O Romantismo durou quatro décadas e teve 3 periodos diferentes. Cada um com sua própria geração de autores.
João Almeida Garrett
(1799 - 1854)
Principais obras
Camões
Auto da barca de Gil Vicente
Viagens na minha terra
Dona Branca
Este inferno de amar
Este inferno de amar- como eu te amo !
Quem mo pôs aqui n'alma... Quem foi ?
esta chama que atenta e consome,
Que é a vida- e a vida a destrói-
Como é que veio a atear,
Quando- ai quando há- de se ela apagar ?

Eu não sei, não me lembro: o passado,
A outra vida que dantes vivi
Era um sonho talvez ...- foi um sonho -
Em paz tão serena a dormi!
Oh! que doce era aquele sonhar...
Quem me veio, ai de mim! Despertar?

Só me lembra que um dia formoso
Eu passei... dava o sol tanta luz!
E os meus olhos, que vagos giravam,
Em seus olhos ardentes os pus.
Quem fez ela? Eu que fiz? não no sei;
Mas nessa hora a vivei recomecei...

Alexandre Herculano
Principal autor
Camilo Castelo Branco
Terceira geração
Sem os exageiros ultra-românticos
espontaneidade lírica e musical
linguagem condoreira
Principais autores
João de Deus
Júlio Diniz
Principais obras
Eurico, o presbítero
A voz do profeta
três noites aziadas
o bobo
(1810-1877)
Camilo Castelo Branco
(1825-1890)
Principais obras
Amor de perdição
Mistérios de Lisboa
Amor de salvação
Duas épocas na vida
" O amor só vive pelo sofrimento e cessa com a felicidade; porque o amor feliz é a perfeição dos mais belos sonhos, e tudo que é perfeito, ou aperfeiçoado, toca o seu fim. "
" A felicidade é parecida com a liberdade,
porque toda gente fala nela e ninguém a goza."
"Eu não me envergonho de corrigir meus erros e mudar de opinião, porque não me envergonho de raciocinar e aprender"
"Quanto mais conheço os homens, mais estimo os animais"
"As lágrimas de piedade consolam quando é um amigo que as derrama"
João de Deus
(1830-1896)
Principais obras
Flores do campo
Cartilha maternal
Folhas soltas
Uma vez encontramo-nos os dois
Nesse mar da política; depois,
Como diversa bússula nos guia
Cada qual foi rumo: todavia,
Em certas linhas se oblitera
A afeição de um companheiro antigo:
Sou para vós por certo o que então era;
E eu, como então na minha primavera,
Abraço o venerando e velho amigo !

Amigo Velho
Júlio Dinis
(1839-1871)
Principais obras
As pupilas do Senhor Reitor
Uma familia inglesa
Poesias
"Às vezes os sentimentos melancólicos trazem consigo algum prazer também, um prazer suave, íntimo, consolador."
"Um amor verdadeiro, uma vida bem íntima com uma mulher, a quem se queira como amante, que se estime como uma irmã, que se venere como uma mãe,que se proteje como filha, é evidentemente o destino mais natural do homem, o complemento da sua missão na terra."
Romantismo artes plásticas
1°ADM
Daniel Rodrigues
Gabriela Malagutti
Ìcaro Alencar
Katarina Garrido
Vinicius Costa
"Só Deus". Francisco Augusto.
"O peregrino sobre o mar de névoa". Caspar David Friederich.
Francisco Goya
Full transcript