Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

2.2 As ideias da razão e a metafísica

No description
by

Fernanda Vidotto

on 1 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of 2.2 As ideias da razão e a metafísica


2.2 As ideias da razão e a metafísica

"Com sua teoria, Kant garante que o conhecimento científico é universal e necessário. No entanto, trata-se do conhecimento fenomênico, isto é, restrito aos fenômenos, aos quais temos acesso pelos sentidos e pelo entendimento. Poderíamos, porém, conhecer a coisa em si (o noumenon)?"
Conhecimento científico universal e necessário
Ao dizer conhecimento científico, Kant quer dizer a matemática, a física e a astronomia (por exemplo), que são verdades de valor universal e necessário. Em outras palavras, esses conhecimentos são reconhecidos como verdadeiros para todas as pessoas, não há dúvidas.
Sendo indubitáveis, os conhecimentos científicos "quebraram" a teoria do ceticismo, ou seja, é provado que existe uma verdade inquestionável.
Conhecimento fenomênico X noumenon
NO ENTANTO, os conhecimentos científicos (verdades confirmadas) são restritas aos fenômenos (temos acesso por meio dos sentidos e pelo entendimento), e não ao conhecimento da real essência da coisa, a coisa em si (noumenon).
QUESTIONAMENTO
"Poderiamos, porém, conhecer a coisa em si?"
página 31, primeiro parágrafo
A QUESTÃO É: COMO?
Afinal, essa verdade absoluta não alcançou a filosofia
Nomes
Adriana Higino
Fernanda Vidotto
Maiara Alcântara
Marco Antônio
Mario Victor
Mirella Massotti
Samantha Rie
Victória Couri
Full transcript