Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Escola Austríaca de Economia

No description
by

Diego Tutumi

on 4 January 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Escola Austríaca de Economia

Escola Austríaca
de Economia Valor Utilidade: preferências do indivíduo.
"Soluciona o paradoxo da água X diamante"

Preço determinado pela escassez (oferta) e utilidade marginal (demanda).
"Água em abundância, menor valor na margem."

Fundador da Escola Austríaca de Economia. Teoria do Capital: valor às preferências interpessoais e intertemporais.

Refuta a teoria de exploração (mais-valia) marxista.
“diferença entre o valor da mercadoria produzida e a soma do valor dos meios de produção e do valor do trabalho”

Salário recebido é menor que o preço final do produto. Carl Menger Eugen von Böhm-Bawerk Ludwig von Mises Praxeologia (estudo da ação humana) – Calcada na ação individual. Não existe ação sobre uma situação de equilíbrio ou perfeição.
“Sair de uma situação de maior desconforto para uma de menor desconforto.”
Praxeologia X História (Historicismo)
"Uma envolve outras áreas, além de economia e a outra é uma coletânea de dados sobre a ação humana passada."
Impossibilidade de cálculo racional. “Refutado independentemente da boa intenção dele ou da, suposta, superioridade moral.”

Propriedade de forma coletiva sobre controle do estado – fim da livre divisão de trabalho.
Poder de decisão e alocação dos recursos concentrado numa cúpula do governo* - irão decidir como alocar nosso tempo, trabalho e capital (abundância de recursos).

Friedrich Hayek Teoria do Conhecimento: Está disperso pela sociedade, cada um de nós detém uma pequena parcela do conhecimento útil às trocas voluntárias contínuas no processo dinâmico que é o livre mercado. Teoria Austríaca dos Ciclos Econômicos INFLAÇÃO: Sempre uma política de governo.
Inflação= aumento de moeda/conseqüência: aumento final de preços gerais aos consumidores.

MOEDA: demanda depende de vários fatores (subj.) oferta só tem uma! MONOPÓLIO DO GOVERNO.

OBVIEDADE: perda de valor relativo da moeda, vis-à-vis os demais produtos do mercado = fruto de política de governo expandindo a base monetária. Escolásticos Padres jesuítas que lecionavam teologia na Universidade de Salamanca entre os séculos XVI e XVII;

Contribuíções: crítica ao sistema de reservas fracionárias, elaboração de uma prímitiva teoria quantitativa da moeda e teoria do valor subjetivo

Defendiam o livre mercado;

Os mais destacados escolásticos foram Diego de Covarrubias y Levya e Luis Saravia de la Calle.
Explicação das Crises Econômicas

Livre Iniciativa

Desburocratização da Economia

Respeito a Propriedade Privada

Livre Comércio Entre os Países

Extinguir bancos de fomento e qualquer outra forma de subsídio;

Orçamento Equilibrado




Mercado: fluxo de tempo contínuo, de tentativa e erro, onde os agentes ajustam seus fatores conforme a dinâmica da descoberta.

Descoberta: possibilitada através de informações presentes em cada indivíduo.

Informações: são transmitidas através do mecanismo de PREÇOS REAIS, LIVRES, determinados pelas trocas voluntárias de cada agente.

Preços: sem ele, não há como levar as informações RELEVANTES de oferta e demanda. Pilar necessário para tomada de decisões racionais. Cálculos racionais
Somente o Livre Mercado pode Definir os Preços Refutação técnica, científica do SOCIALISMO Por que Estudar a Escola Austríaca? Taxa de Juros “natural” – tende ao equilíbrio num livre mercado entre a oferta e demanda de capital.
"Quando o governo expande base monetária ou manipula artificialmente a taxa de juros, distorce o preço fundamental de uma economia capitalista."
Projetos de longo prazo, que para empreendedores não seria rentável, com a distorção passe a “parecer” rentável – Prosperidade ilusória.

Malinvestments – pagos com RECESSÃO.
“Não houve poupança para permitir tanto investimento”
Hayek: Free banking, desestatização da moeda.

"Livre mercado irá definir quais moedas, cada instituição (bancos) emite a sua e o mercado se ajusta."

Rothbard: Prega o Padrão-Ouro, 100% de reservas. Reservas fracionárias = FRAUDE!

"Depósitos “on demand” sabendo que podem ser sacados a hora que quiser."
Solução Austríaca Cortar gastos públicos;
Permitir que salários caiam, especialmente em casos onde a crise é acompanhada de deflação;
Não socorrer setores específicos;
Se abster da tentação de inflar de volta a base monetária;
Cortar impostos que incidam mais pesadamente sobre a poupança, como imposto de renda;
De forma geral, não incentivar consumo;
Basicamente, não interferir nos ajustes de mercado.
Como o Governo deve lidar com a crise? Peter Schiff Estava Certo Agradecimentos:

Leandro Rousselet
Leandro Vencato
Full transcript