Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

República Velha: oligarquias, abalos e queda

Aulas 64, 65 e 66, Constituição de 1891;República da espada (Governo de Deodoro eFloriano);República das oligarquias e coronelismo;
by

Lú Carvalho

on 18 September 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of República Velha: oligarquias, abalos e queda

Busca pelo rompimento com a ordem de um Estado que esquecia o Nordeste;
Heroi X Criminoso
República Velha 1891 - 1930
1889
1914
1896
Primeira República/Rep. Velha
1889-1930
Características Gerais
Rep. da espada (4 anos)
Rep. das oligarquias (36 anos)
Voto universal masculino;
Liberalismo político (sem igualdade social);
Preservação da propriedade privada;
"Democracia teórica";
Grande migração e crescimento dos centros urbanos e indústrias;
Formação do operariado e empresariado brasileiro;
Novas atividades econômicas (indústria/comércio/serviços).
Aristocracia agrária
Classe média burguesa
Operariado e trabalhadores rurais
Estrutura Social
Industrialistas X Conservadores
Constituição de 1891
* Deodoro que fez durante o governo de transição;
* Voto universal masculino e DESCOBERTO;
* 3 Poderes;
* 1º presidente eleito indiretamente (pelo congresso nacional) e os demais, diretamente;
* Brasil = República federativa de 20 estados;
* AMPLA autonomia aos estados (dominados pelas oligarquias locais).
Características
"Garantir aos cidadão os direitos e as liberdades individuais".
Plano teórico
Justa + Equilibrada + Liberal
Prática
* Máquina administrativa
* Sistema político e econômico brasileiro
Controlados pelas oligarquias ou militares
X
Objetivo
1891
Deodoro: Um homem de muitas faces
- Monarquista;
- Republicano;
- Autoritário;
- Político medíocre.
A maior parte da população passou a não apoiá-lo. Ele declarou estado de sítio e a própria marinha apontou os navios para ele e o forçou a renunciar...
Não durou nem 1 ano no Governo Constitucional.
1894
Crise do Encilhamento
Objetivo das políticas de Rui Barbosa
- Impulsionar a indústria;
- Deixar de depender da agroexportação.
Medidas
* Impressão de mais dinheiro para
Investimento em empresas
Incentivo ao des. industrial
* Aumentou as taxas alfandegárias (PROTECIONISMO)
* Corta empréstimos às lavouras
* Criação de crédito bancário às indústrias
* Bancos estrangeiros fecharam as portas
* Comércio importador
Reações
- Índice alto de inadimplência de empréstimos;
- ameaça de bancos estrangeiros de se retirarem;
- Aristocracia rural descontente com os cortes;
Razões da crise
Expeculação:
* Formação de empresas fantasmas, para levantar dinheiro vendendo ações;
* Alta seguida por queda nas cotações;
* Quebra generalizada das empresas, devido à ameaça fantasma!
* Prejuízos;
* Inflação devido também à impressão de $.
Consequência Trágica
Isso tudo deu motivo para as oligarquias defenderem que no Brasil não havia meio de se industrializar!
Tiro no pé!
1892-1894 - Floriano Peixoto
Depoiis que o Deodoro foi deposto, Floriano ficou em seu lugar, investindo em industrialização e marcando o final da Rep. da Espada.
República da Espada (1889-1894)
República das Oligarquias (1894-1930)
Grandes proprietários de terra detêm o poder!
Coronelismo
Currais eleitorais
Características
Latifundiários;
Troca de favores (Clientelismo X Violência)
Controle da população
Povo vota em quem ele manda!
Voto de Cabresto
Políticas dos governadores
Exercício da cidadania limitado;
Mecanismos de controle;
Clientelismo;
Poder oligárquico é exercido tanto pelo coronel, como pelo governador como pelo presidente
- Os governos fraudavam e combinavam quem ganharia as eleições.
- O Governo Federal só apoiava a candidatura de quem apoiava do presidente.
- Em troca disso, ganhavam verba;
- Essa sacanagem durou (??) 40 anos.
Mecanismos de controle
- Degolar = formada de parlamentares = comissão verificadora de poderes!
Café com leite!
# Apoiado pela classe média e pela nascente burguesia# Política econômica:- empréstimos à indústria- taxas alfandegárias protecionistas# Medidas a favor das classes sociais mais pobres- redução no aluguel das casas de operários- redução no preço da carne e do pescado- aprovação de lei ordenando contrução de casas para operários e famílias pobres.
Revolta de Canudos
Contexto
Nordeste, um lugar onde a lei não chega;
Abandono do Estado;
Apego à religiosidade;
Cangaço
O movimento
- Num contexto adverso, Conselheiro surge como um messias para salvá-los;
- Não existiam donos em Canudos;
- Vida coletiva (terra);
- Lavoura e rebanho pertenciam a todos;
- Sistema econômico comunitário.
+ - 10 mil habitantes (pesquisas atuais)
t
Repressão
Foi massacrada pelo Estado;
Solução nunca é tratar na raiz, sempre reprimir;
Política econômica do Campos Sales
O problema do Brasil é a dívida externa, inflação...
Acordo para pagar a dívida do Brasil, com os juros sobre os juros daqui 13 anos.
Estabilizou a economia durante seu governo;
Criou uma dívida a mais!
A) Dívida Externa
Funding Loan
B) Inflação
Cortar a emissão de papel moeda;
Retirar parte do dinheiro de circulação;
Ninguém consegue mais realizar trocas e muitos quebram.
C) Déficit na balança comercial
Corta gastos do governo;
Aumenta a receita com impostos;
População fica revoltada;
Muita gente quebra porque o governo gastava muito.
NOVO PROBLEMA: Desemprego
Até diminuiu a inflação, mas criou uma série de outros problemas;
Sales foi o primeiro presidente da república.
1898
1904
Revolta da Vacina
Reformas
Urbanas
Sanitárias
Objetivo:
Tornar o RJ uma Paris da vida!
Urbanas
Demolir cortiços (casarões antigos) para alargar avenidas;
Tirar os pobres do centro;
Sem moradia agora, passam a ir para as periferias e morros dos RJ
Sanitárias
A) Vacinação obrigatória
- Ausência de política de divulgação
sobre a doença;

B) Inspeção contra ratos e mosquitos nas casas
- De acordo com Oswaldo Cruz a varíola era oriunda de insetos;
- Inspetores hostis à população
+
Críticas
# O problema não eram as revoltas, mas o modo como elas se deram.
# Projeto que marginalizava e excluía a população pobre.
# Pobres expulsos de suas casas e tratados como focos de doenças.
# Ausência de campanha de conscientização.
# Arbitrariedade, violência e hostilidade dos inspetores.
# Ninguém sabia do que se tratava a doença.
# E os direitos básicos? E a democracia?
Revolta e Repressão
* População se revolta, queima bondes da Light...
* São gravemente reprimidos:
- Deportados ao Acre;
- Presos e mortos.
Oswaldo Cruz:
Heroi X Agressor
- Acabam com a vacinação obrigatória depois disso.
1906
Convênio de Taubaté
Café cada vez mais valorizado, muita gente começou plantar;
Produção excessiva = cafeicultores perdem dinheiro.
Governadores de MG + RJ + SP combinaram em comprar o café excedente e estocaram.
Começa no final do governo do Rodrigues Alves
Afonso Pena torna essa prática federal.
Café - O novo rei
Relação com a industrialização
Capital excedente do café era investido em indústrias;
Contradição: no encilhamento elite falava que não ia rolar industrialização no Brasil... Ela mesma acabou investindo.
Com Rodrigues Alves
191o
Hermes da Fonseca (1910-1914)
Revolta da Chibata
Escravidão já tinha sido abolida;
Na marinha, negros sofriam castigos corporais;
Resolveram se revoltar contra essa situação!
Tomaram os navios e apontaram à cidade do RJ.
Privações
1) Trabalho excessivo;
2) Alimentação deficiente;
3) Maus tratos;
* 250 chibatadas públicas
Posteridade
Hermes anistiou os responsáveis em troco de os marinheiros devolverem os navios;
Dois dias depois o presidente:
- Expulsou-os da marinha;
- Deportou-os ao Acre (muitos morrem na viagem);
- João Cândido foi torturado, quase enlouquece e vira um símbolo de resistência.
Wenceslau Braz (1914-1918)
Guerra do Contestado
Contexto
- 1ª Guerra Mundial;
- Efeitos da Grande Guera no Brasil --> Industrialização
- Disputa entre latifundiários de SC e PR
- Moradores expulsos da região em que se construiria uma estrada de ferro por uma CIA. Norte-americana (Brasil Railway)
- Dirigiram-se para a região do Contestado.
O Movimento
- Vida coletiva;
- Líder messiânico (José Maria);
- Ausência de democracia
(Monarquia celestial);
- Desempregados + sertanejos expulsos;
- Base religiosa Conforto/consolo.
Repressão
2 anos de luta contra Contestado;
Degolamentos, chacinas de civis, fuzilamentos, perseguições.
I Guerra Mundial e seus efeitos
Industrialização
Café
Grande Guerra
Necessidade de produtos
=
Terreno Fértil para desenvolver o Mercado Interno
Hermes e Pinheiro
Pinheiro Machado:
gaúcho;
"dono" da Comissão Verificadora de Poderes;
presidente do PRC (Partido Republicano
Conservador);
representante das oligarquias menos poderosas

Não conseguiram manter o poder e o café-com-leite elegeu tranquilamente Wenceslau Brás...
Política das Salvações
Salvações = deposição de uma facção política por outra nos estados.

Governo Federal não se intrometia

Política das Salvações = Governo Federal estimulava e apoiava a deposição de oligarquias que não lhe agradavam...
1919
O declínio das oligarquias (1919 - 1930)
Industrialização
* Altera-se a estrutura social;
* Aumento demográfico;
* Ampliação da atividade industrial;
Modificações
Vários grupos de oposição se fortalecem ao longo da década de 20, tipo:
-
Oligarquias dissidentes
, devido ao desgaste da política do café-com-leite.
-
Burguesia industrial
financeira (SURGE AÍ).
-
Classe média
(precisa de autonomia e afirmação).
-
Operariado
(devido à exploração nas fábricas).
Operariado
Ideias anarquistas e socialistas os inspiram na criação do movimento operário.
Fazem 60 greves em 9 anos (1901-1910)
Toda hora o Governo Federal declara estado de sítio
"A questão social é caso de polícia". Washignton Luís
Industrialização
Exploração
Resistência
Repressão
1924
1922
Semana de arte moderna
Movimento Tenentista
* Jovens militares de baixa patente
* Começam com a ideia de melhorar a organização interna do exército
* Ganham um caráter político e começam a protestar contra o governo em prol de reformas políticas e sociais.
Programa de ação
Voto secreto
Fim da corrupção
Oligarquias fora do poder
Revolta Paulista de 1924
Foi a 2ª revolta dos tenentistas;
O programa era o mesmo da outra, acrescentando a obrigatoriedade do ensino primário;
A partir daí, apesar de não dividirem as armas com a população, chamam todos para a revolução.
Colunas
Formaram-se 3:
- PAULISTA
- RIOGRANDENSE
- PRESTES (SP+RS)
* Caminharam quase 25 mil KM a pé, chamando a população à luta;
* Começou com 15 mil e acabou com 650 pessoas;
* Contrataram vários para reprimí-las, mas ninguém conseguiu deter a Coluna Prestes (fugiram para a Bolívia).
Greve de 17
O operariado pôde mostrar sua força.
Parou o Brasil por um mês.
professoralu.historia@gmail.com
A república chega ao Brasil...
Dom Pedro cai do trono
charge de Angelo Agostini,
1889

Constituição
Governo
Provisório
Governo
Constitucional
Floriano Peixoto
O domínio das oligarquias
1894-1930
Prudente de Morais
1894-1898
Campos Sales
1898-1902
Rodrigues Alves
1902-1906
Modernização do Rio de Janeiro
A incorporação do Acre
Região disputada por seringueiros brasileiros e bolivianos
Tratado de Petrópolis (1903):
Bolívia cede o Acre em troca de 2 milhões de libras e da Ferrovia Madeira-Mamoré.
Afonso Pena
1906-1909
Nilo Peçanha
1909-1910
Primeiros "rachas" no
Café-com-Leite
Início do descontentamento das "outras" oligarquias
Campanha Civilista de 1910: primeiro abalo oligárquico!!
http://www.revistadehistoria.com.br/secao/artigos/campanha-animada
Primeiros Abalos do Regime Oligárquico (1909-1919)
Hermes da Fonseca
1910-1914
Borracha e Sociedade
* Auge da borracha (1880-1920)
* Gerou riqueza para alguns e desgraça para outros
* Seringalista (coronel da borracha) = Latifundiário
* Seringueiro = o produtor/ o que explora
* Alta taxa de mortalidade no seringal
* Seringueiros não podiam plantar, apenas comprar no barracão adm pelos Seringalista
220 MIL seringueiros viviam 7 meses por ano na selva e mal ganhavam para comer!
Crise da Borracha
* Malásia: ingleses pegaram nossas sementes e plantaram lá.
* Eles nos superaram em quantidade, custo.
* Concorrência inglesa.
* Fim do monopólio brasileiro da borracha.
Consequências
1) Povoamento da Amazônia
2) Genocídio indígena
3) Povoamento do Acre por nordestinos
4) Morte de muitos nordestinos
5) Anexação do Acre
6) Desenvolvimento de Manaus e Belém
7) Desenvolvimento dos transportes fluviais na região
Hermes da Fonseca:

gaúcho;
marechal de prestígio;
presidente da República;

Seu grande defeito: não eram paulistas nem mineiros
Wenceslau Brás
1914-1918
Leitura do box p.277
Brasil entra na Grande Guerra em 1917
Epitácio Pessoa
1919-1922
Leitura do box p.280
PCB
Sucessão presidencial
SP + MG

Artur Bernardes
Reação Republicana
(RJ+RS+PE+BA)
Nilo Peçanha
Cartas Falsas de Artur Bernardes
Publicadas pelo jornal “Correio da Manhã”, as cartas ofendiam as Forças Armadas e o Marechal Hermes da Fonseca, então Presidente do Clube Militar. Mais tarde descobriu-se que as cartas eram falsas...
Resultado da eleição: vitória de Artur Bernardes
Julho de 1922
Revolta dos 18 do Forte
Levante tenentista esmagado em poucas horas pelo governo
Declínio e queda das oligarquias
até 1930...
1926
Washington Luis
1926-1930
Artur Bernardes
1922-1926
o governo mais agitado da República Velha;
Tenentistas e dissidentes revoltados X Repressão política e policial violenta e generalizada;
De 48 meses de mandato, Arthur Bernardes governou 44 em estado de sítio!!
LEITURA DO BOX P.282 (O que é estado de sítio)
Reforma Constitucional aumentando poderes do governo, facilitando intervenção federal nos estados;
Durante seu mandato ocorreram os dois maiores movimentos armados tenentistas: a Revolta Paulista (1924) e a Coluna Prestes (1925-1927)
Repressão e apaziguamento (tem jeito?) - CONTRADIÇÃO;

Lei Celerada: pretexto - "lutar contra o comunismo"
objetivo: perseguir os opositores das elites que eram tachados genericamente de comunistas.
Medidas apaziguadoras: libertação dos presos políticos da Ilha da Trindade, de Clevelândia-PR e ClevelÂndia do Norte-AM
Full transcript