Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Jean Watson- cuidar

No description
by

jessica cardoso

on 24 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Jean Watson- cuidar

Metaparadigma de Enfermagem: Cuidadar em Enfermagem Jean Watson Ecola do Cuidar Escola de Pensamento “A enfermagem, como ciência humana em vez de ser tradicional, pode perspectivar a vida humana como um bem a ser estimado – um processo de admiração, de respeito e de mistério” (WATSON, J., 1999:17) -Substanciar os aspectos fundamentais da Teoria do cuidar;

-Identificar o conceito de Cuidar segundo Jean Watson, analisando-o e refletindo acerca do mesmo;

-Comparar o conceito de Cuidar de Jean com o de Florence Nightingale;

-Contextualizar o conceito abordado no actual conhecimento de enfermagem. Objectivos A pessoa e suas Necessidades Abordagem ao ser humano enquanto ser multidimensional, é parte integrante do cuidado de enfermagem. História e Epistemologia de Enfermagem II Growth-seeking Need Integrative Needs Functional Needs Survival Needs 1. Lower Order Needs (Biophysical Needs)
The need for food and fluid
The need for elimination
The need for ventilation

2. Lower Order Needs (Psychophysycal Needs)
The need for activity-inactivity
The need for sexuality

3. Higher Order Needs (Psychosocial Needs)
The need for achievement
The need for affiliation

4. Higher Order Needs (Intrapersonal-Interpersonal Need)
The need for self-actualization
“The science of caring combines science with humanities. (…) A science of caring requires the nurse to examine and try to understand the meaning of human actions and values that determine human choice in health and illness.” (Watson, 1985) Ciência do Cuidar “O ideal e valor do cuidar é claramente, não apenas qualquer coisa, mas um ponto de partida, um local , uma atitude, que terá de se tornar um desejo, uma intenção (…)”, isto é, cuidar “é o ideal moral para enfermagem pelo que o seu objectivo é proteger, melhorar e preservar a dignidade humana. Cuidar envolve valores, vontade, um compromisso para o cuidar, conhecimentos, acções carinhosas e as suas consequências”. (Watson, 1999) Conceito de Cuidar “The concept of care is probably one of the least understood ideas used by professional and nonprofessional people, yet it is probably one of the most important concepts to be understood by human groups. It is a word with multiple social usages in the American culture, and has other meanings in older cultures. The terms care, caring and nursing care have both symbolic and functional meanings as they are used by care-givers and care-recipients. Nursing care also has a general special meaning to nurses, and is often taken for granted in nurses’ thoughts and action patterns.” O cuidar em enfermagem envolve “que o enfermeiro seja um agente humanitário e moral na qual o enfermeiro como pessoa está envolvido como co-participante activo nas transacções humanas do cuidar (…)”, uma vez que “a interacção estabelecida no cuidar propicia uma aproximação e estabelecimento de contacto entre duas pessoas; a nossa mente-corpo e alma liga-se à mente-corpo e alma de outra pessoa no momento vivido (…)”. Watson, 1999 Requisitos do Cuidar em Enfermagem Envolvimento
Pessoal Envolvimento
Moral Envolvimento
Espiritual Compromisso
para com o
outro Compromisso
para com o
próprio Medicina Enfermagem Curative Visam o processo de cuidar que ajuda a pessoa a atingir (ou manter) a saúde ou morrer de uma morte pacífica. Carative Visa a cura da doença da pessoa. -Formação de um sistema de valores humanista-altruísta;
-A promoção da fé-esperança;
-O cultivo da sensibilidade do próprio “eu” e ao das demais pessoas;
-O desenvolvimento de uma relação de ajuda-confiança;
-A promoção e aceitação da expressão de sentimentos positivos e negativos;
-O uso sistemático do método científico de solução de problemas para a tomada de decisão;
-A promoção do ensino–aprendizagem interpessoal;
-A promoção de um ambiente de apoio, protecção e/ou de correcção mental, física, sociocultural e espiritual;
-Assistência com gratificação das necessidades humanas;
-A existência de factores existenciais e fenomenológicos-espirituais. Factores do Cuidar (Carative) “O ideal do cuidar transpessoal é um ideal de intersubjectividade, no qual ambas as pessoas estão envolvidas.” (Watson, 1999) O cuidado transpessoal é um conceito criado por Jean Watson, o qual desvia o foco da Enfermagem do seu actual modelo tecnicista. Propõe o domínio sobre tecnologia e processos do cuidado sobre um eixo com ênfase mais altruísta, social e espiritual. Teoria do Cuidar Transpessoal “O cuidar pode começar quando o enfermeiro entra no espaço de vida ou campo fenomenológico de outra pessoa, sendo capaz de detectar a condição desta (espirito, alma) (…) Deste modo, existe um fluxo intersubjectivo entre o enfermeiro e o utente.” (Watson, 1999) Teoria do Cuidar Transpessoal (cont.) Florence Nightingale -Cuidar é a arte e ciência humana do “caring” (cuidar), ideal moral e processo transpessoal que visa a promoção da harmonia “corpo-alma e espirito”;

-Cliente com papel activo e determinante no processo de cuidar ;

-Centrado na pessoa (tendo em conta as suas dimensões).

-Manutenção e preservação da dignidade; Jean Watson -Serviço à humanidade baseado na observação e na experiencia que consiste em colocar a pessoa doente ou saudável nas melhores condições possíveis a fim de que a natureza possa restaurar o preservar a sua saúde;

-O paciente com papel passivo no cuidar;

- O paciente só tem autonomia relativamente ao autocuidado

-Centrado na doença; “O cuidar em enfermagem marca o interesse pelos outros e tem um sentido para aqueles a quem diz respeito, de forma a satisfazer as suas exigências com a disponibilidade própria de um compromisso, com o respeito mútuo e a motivação.” (Honoré e Tarlier, 2004)

“Os cuidados ultrapassam o simples acto, é mais do que isso é o estar atento ao outro, o preocupar-se, o caminhar com a pessoa e acompanhá-la no restabelecimento da sua saúde.” (Hesbeen, 2001)

“O verdadeiro cuidar não implica desvalorizar a ciência e a técnica, mas pelo contrário utilizá-las para prestar cuidados globais à pessoa, não menosprezando nunca nenhuma das necessidades do doente, incluindo aquelas para as quais se torna necessária a intervenção técnica.” (Pacheco, 2002) Confronto com uma definição actual -Jean Watson propõe um ideal de cuidar que seja simultaneamente humanista e cientista. Com a finalidade da protecção, da preservação da dignidade e da humanidade;

-Esta autora salienta também a importância que tem uma formação filosófica e humanista do enfermeiro para o exercício da profissão;

-A relação de cuidado em enfermagem é uma relação humana, o que consequentemente implica a conjugação de dois seres humanos diferentes;

-“Em vez de um enfermeiro ministrar analiticamente um tratamento a um doente, quer-se que o técnico de saúde saiba comunicar, interagir, conhecer para então depois proporcionar o cuidado necessário. O objectivo é a cura global da pessoa. Contributos trazidos para a prática de enfermagem CARVALHO, Carlos, et all (2010)- A Teoria do Cuidado Transpessoal na Enfermagem: Análise Segundo Meleis. Gogitare Enfermagem. Brasil. 15(3): p. 548-51.


FAVERO, Luciane, et all (2008)- Aplicação da Teoria do Cuidado Transpessoal de Jean Watson: Uma década de produção brasileira. Acta Paul Enfermagem. Brasil. 22(2): p.213-8.


WATSON,  Jean  (2002)  ‐  Enfermagem:  Ciência  Humana  e  Cuidar.  Uma  Teoria  de  Enfermagem.   Loures:  Lusociência.  ISBN  972‐8383‐33‐9.  


WATSON,  Jean  (1999) ‐  Nursing:  Human  Science  and  Human  Care - A  Theory  of  Nursing.  2a  ed.   Sudbury:  National  League  for  Nursing  Press.  ISBN  0‐7637‐1111‐X.


WATSON,  Jean  (1997)  -­‐  Nursing:  The  Philosophy  and  Science  of  Caring.  2a  ed.  Denver:  University   Press  of  Colorado.  ISBN  978-­‐0870818981 Bibliografia Jean Watson Objectivo do cuidado em Enfermagem: Proteger, melhorar e preservar a dignidade humana Discussão Tendo em conta a Teoria de Jean Watson e o conceito de cuidar desta autora, como adaptaria a entrevista de enfermagem, e em que principais factores do cuidar se centraria? Discussão Que conhecimento tem acerca da sua doença?

Que receios tem?

O que espera do tratamento?

Como o/a posso ajudar? Discussão Principais factores do cuidar a ter em conta: fé/esperança e estabelecimento de uma relação de confiança entre o utente e o enfermeiro. Ana Baptista, nº3317
Ahaina Santiago, nº3154
Andreia Andrade nº3775
Jessica Cardoso nº3309
Juasina Ceita, nº3776
Full transcript