Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of Formação Preço de Venda

Métodos de cálculo
by

danilo jabur

on 6 December 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of Formação Preço de Venda

Formação do Preço de Venda CUSTO TOTAL DO PRODUTO
- Despesas variáveis das vendas: impostos e contribuições financeiras, tais como a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) e o Cofins;
Comissões pagas.

OBS: Essas despesas serão incorporadas no cálculo do preço de venda. FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA Deve-se analisar toda a cadeia de produção à procura da redução de custos;
Reduzir os desperdícios ao mínimo e maximizar os rendimentos;
A redução de custos deve ser uma preocupação constante. METODOLOGIA Método mais prático e mais difundido: tem como base o CUSTO;

CONSISTE NA SIMPLES APLICAÇÃO DE UM ÍNDICE SOBRE O CUSTO. MARK-UP “Remarcar para cima”;
Índice aplicado aos custos;
Incrementará o custo, de forma a tornar o preço de venda apto a pagar o custo do produto, todos os outros custos variáveis que incidam sobre ele (impostos, comissões) e o lucro (porcentagem do preço de venda).

OBS: Mark-up não é sinônimo de lucro. ESTRUTURA DO MARK-UP Impostos e taxas que incidem sobre o preço de venda (PV);
Comissões sobre as vendas;
Lucro desejado sobre a venda;
Qualquer outra despesa relacionada com preço de venda (porcentagem). Ex: marketing direto;
Despesas administrativas. DESPESAS ADMINISTRATIVAS Sua inclusão no mark-up facilita o cálculo do preço de venda;
Só poderá ser feita se o empreendimento estiver trabalhando num regime de operação equilibrado:


O FATURAMENTO E AS DESPESAS ADMINISTRATIVAS DEVEM APRESENTAR POUCA VARIAÇÃO! DESPESAS ADMINISTRATIVAS Se o faturamento cair e as despesas permanecerem as mesmas, a inclusão destas no mark-up pode acarretar erro no cálculo do preço de venda:


- Percentual de despesas em relação ao faturamento vai se alterar. CÁLCULO MARK-UP Todos os componentes da estrutura são porcentagens sobre o preço de venda.

EXEMPLO:
Produto custa a R$ 50,00 em Campina Grande
Qual o PV?

1º PASSO: Definir itens que compõem o Mark-up EXEMPLO PV = 100%
100% - 48,03% = 51,97% (do preço de venda)
1 – 0,4803 = 0,5197

Mark-up (divisor) = 1 – margem ou
Margem = 1 – Mark-up 48,03 (Margem) TOTAL 20 Lucro 2,38 Despesas financeiras 3 Mkt direto 2 Comissão 3 Cofins 0,65 PIS 17 ICMS % MARK-UP multiplicador Inverso do Mark-up divisor;
Multiplica-se o custo por ele para se obter o PV;

50 / 0,5197 = 50 x 1 / 0,5197 ou
50 x 1,9242 = 96,21*

(*) Multiplicar um número por 1,9242 é o mesmo que dizer que se vai aumentar em 92,42% EXERCÍCIO 01 Um prato apresentou um custo total de R$ 7,00. O restaurante paga 5,6% de impostos, 3% de comissão aos colaboradores comissionados, tem um histórico de despesas gerais em torno de 9% das vendas e quer ter um lucro de 45% sobre o preço do prato. Calcule o preço do cardápio. EXERCÍCIO 02 Um restaurante comprou vinho ao preço de R$ 30,00 a garrafa. Na nota fiscal de compra estava incluído ICMS de 12%. O frete foi calculado em R$ 3,00 por garrafa. No ato da venda, o comerciante paga impostos totais de 20%, paga comissão ao garçom de 5% e deseja ganhar 30% sobre o preço de venda. Responda:

Quais os mark-up divisor e multiplicador?
Qual o PV do vinho? EXERCÍCIO 03 Um restaurante decidiu baixar o preço de sua pizza para ganhar clientes e determinou vender cada unidade por R$ 12,00. O custo direto de produção da pizza é de R$ 7,00. As despesas gerais do restaurante têm se mantido em torno de 11% do faturamento. Os garçons recebem 10% do faturamento e os impostos totais pagos representam 9%. Quanto o restaurante está ganhando sobre o faturamento? Não inclue: CUSTO MERCADO PREÇO FORMAÇÃO DE PREÇOS a) Objetivos pretendidos pela empresa

Penetração e/ou aumento na participação do mercado;
Preço de Exclusividade;
Estratégia de marketing;
Maximização de Resultados;
Promoção de Produto / Serviço Específico;
Preço / Qualidade / Oportunidade PREÇOS: FATORES QUE INFLUENCIAM b) Situação de demanda do produto / serviço;

c) Posicionamento da concorrência;

Preços de produtos / serviços dos concorrentes
Preços de produtos / serviços substitutos

d) Estrutura de custos dos produtos, mercadorias e serviços. PREÇOS: FATORES QUE INFLUENCIAM São essencialmente medidas monetárias dos sacrifícios com os quais uma organização tem que arcar a fim de atingir seus objetivos DEFINIÇÃO DE CUSTOS O Ponto de partida é o custo do bem ou serviço.

É um dos métodos mais utilizados devido à relativa praticidade e simplicidade.

Consiste na adição de uma margem fixa a um custo-base. Essa margem é o que chamamos de “Mark-up”.

O “Mark-up” deve ser estimado para cobrir os gastos não incluídos no
custo: os tributos e comissões incidentes sobre o preço e o lucro
desejado pelos administradores. FORMAÇÃO DE PREÇOS COM BASE NOS CUSTOS A teoria econômica indica que quem faz o preço de venda dos produtos/serviços é o mercado, através da oferta e da procura.

A crescente competitividade entre as empresas em um mercado (globalizado) em constante modificação, com clientes cada vez mais exigentes, confirma a teoria econômica.

Neste caso praticamente seria desnecessário a formação do preço de venda.

O preço passa a ser elemento fundamental para a formação dos custos e despesas. PREÇOS COM BASE NO MERCADO A importância da Margem de Contribuição - Exemplo

Lançamento de um produto/serviço.
Pesquisa de mercado aponta:
Preço de Venda: R$ 1.000,00 / un = Quantidades Vendidas: 1.000 un
Preço de Venda: R$ 900,00 / un = Quantidades Vendidas: 1.200 un
Custos e Despesas Fixos são os mesmos para as duas alternativas.
Custos e Despesas Variáveis do produto: R$ 700,00 / un.
PREÇOS COM BASE NO MERCADO A importância da Margem de Contribuição - Exemplo

Analisar a Margem de Contribuição Total


Hipótese 1) 1.000 unidades a R$ 1.000,00 / un.
Margem de Contribuição = R$ 1.000,00 - R$ 700,00 = R$ 300,00 / un.
Margem de Contribuição Total = R$ 300,00 X 1.000 un. = R$ 300.000,00


Hipótese 2) 1.200 unidades a R$ 900,00 / un.
Margem de Contribuição = R$ 900,00 - R$ 700,00 = R$ 200,00 / un.
Margem de Contribuição Total = R$ 200,00 X 1.200 un. = R$ 240.000,00 PREÇOS COM BASE NO MERCADO A importância da Margem de Contribuição - Exemplo

E se os custos e despesas variáveis forem de R$ 350,00 e não de
R$ 700,00?


Hipótese 1) 1.000 unidades a R$ 1.000,00 / un.
Margem de Contribuição = R$ 1.000,00 - R$ 350,00 = R$ 650,00 / un.
Margem de Contribuição Total = R$ 650,00 X 1.000 un. = R$ 650.000,00


Hipótese 2) 1.200 unidades a R$ 900,00 / un.
Margem de Contribuição = R$ 900,00 - R$ 350,00 = R$ 550,00 / un.
Margem de Contribuição Total = R$ 550,00 X 1.200 un. = R$ 660.000,00 PREÇOS COM BASE NO MERCADO A importância da Margem de Contribuição - Exemplo

Conhecer a estrutura de custos e trabalhar o Conceito da Margem de
Contribuição é de vital importância.

Nem sempre a alternativa de maior receita é a mais rentável.

Das diferentes alternativas de preço, a melhor nem sempre é aquela que dá maior Margem de Contribuição por unidade. PREÇOS COM BASE NO MERCADO
Full transcript