Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Crise dos Mísseis de Cuba

Disciplina de História- Trabalho realizado por: Carolina, Eunice, Marta e Matilde
by

Carolina Ferreira

on 3 May 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Crise dos Mísseis de Cuba

NA BEIRA DO ABISMO Crise dos Mísseis de Cuba Depois da 2ª Guerra Mundial, a divisão do Mundo em dois blocos políticos criou um clima permanente de tensão militar, ideológica e diplomática, a que se deu o nome de Guerra Fria. Neste período o Mundo viveu vários conflitos armados entre eles a Crise dos Mísseis de Cuba. “Um inimigo ardiloso e um aprendiz de tirano batem à porta dos EUA com a bomba nas mãos. E a perigosa crise dos mísseis de outubro inaugura uma nova era de terror nuclear” A Crise dos Mísseis de 1962 gerou no mundo um enorme estado de tensão por causa das ameaças feitas entre os Estados Unidos e a União Soviética, as duas grandes potências da época. O episódio envolveu armamento nuclear e deixou a humanidade perto de uma nova guerra mundial. Foi um dos momentos de maior tensão da Guerra Fria Os americanos descobriram através de fotos tiradas por aviões espiões, a entrada de mísseis soviéticos na Ilha de Cuba como resposta a instalação de mísseis americanos na Turquia e como forma de dissuadir os Estados Unidos de tentar uma nova invasão à ilha.
A Crise tornou-se famosa por ser um dos pontos mais críticos da Guerra Fria, por quase conduzir o mundo a um confronto nuclear. A Crise resolveu-se com a retirada dos mísseis americanos da Turquia e dos soviéticos de Cuba. Consequências Na década de 1960, havia uma clara tendência à proliferação dos arsenais nucleares. Por esta razão, e ainda sob o impacto da crise dos mísseis de Cuba, os Estados Unidos, a União Soviética e a Grã-Bretanha assinaram, em 1963, um acordo que proibia testes nucleares na atmosfera, em alto-mar e no espaço (apenas testes subterrâneos poderiam ser legalmente realizados). Consequências Em 1968, as duas super-potências e outros 58 países aprovaram o Tratado de Não-Proliferação de Armas Nucleares. O objetivo desse acordo era tentar conter a corrida armamentista dentro de um certo limite, com ele, os países que já possuíam artefatos nucleares comprometiam-se a limitar os seus arsenais e os países que não os continham ficavam proibidos de desenvolvê-los, mas poderiam requisitar dos primeiros, tecnologia nuclear para fins pacíficos. A Crise dos Mísseis de Cuba soou o alarme no mundo para uma nova guerra durante treze dias. Esta é conhecida pelos russos como Crise Caribenha e pelos cubanos como Crise de Outubro. Esta crise teve início no dia 16 de outubro de 1962 e finalizou-se no dia 28 de outubro de 1962. Esta crise constituiu uma ameaça à paz mundial. A URSS instalou em Cuba uma base de mísseis nucleares, que levou o presidente Kennedy a lançar um ultimato à URSS exigindo o desmantelamento dos mísseis, caso contrário atacaria Cuba. O acordo alcançado entre o dirigente da URSS, Nikita Kruschev e o presidente dos EUA, Kennedy para retirar os mísseis evitou uma possível guerra nuclear. Trabalho realizado por:
Carolina Ferreira nº 6
Eunice Lemos nº 8
Marta Basto nº 21
Matilde Prata nº 22
História
9º A Introdução Este trabalho foi inserido no âmbito da disciplina de História e tem como objetivo aprofundar os nossos conhecimentos sobre o acontecimento histórico que precedeu a segunda guerra mundial, que foi a Crise dos Mísseis de Cuba. Conclusão Após a realização deste trabalho pudemos aprofundar os nossos conhecimentos sobre a Crise dos Mísseis de Cuba, como por exemplo, as suas consequências mundiais, em que consistiu, a origem e explicação do conflito e a localização temporal. Webgrafia http://pt.wikipedia.org/wiki/Crise_dos_m%C3%ADsseis_de_Cuba

http://www.infopedia.pt/$crise-dos-misseis-de-cuba

http://www.slideshare.net/turmac12/crise-dos-misseis-de-cuba-15522576

http://veja.abril.com.br/historia/crise-dos-misseis/especial-capa-eua-urss.shtml

http://www.infoescola.com/historia/crise-dos-misseis-de-1962/ file:///C:/Users/Manuela%20Prata/Downloads/1962,%20A%20Crise%20dos%20M%C3%ADsseis%20de%20Cuba%20-%20Testemunha%20da%20Hist%C3%B3ria.webm
Full transcript