Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Ditadura Militar Brasileira (1964-1985)

No description

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Ditadura Militar Brasileira (1964-1985)

Ditadura Militar Brasileira (1964-1985)

Governo Castelo Branco
Ranieri Mazilli, presidente da câmara dos deputados assume a presidência interinamente;
Mas quem de fato detinha o poder era o Comando Supremo da Revolução;
No dia 9 de Abril assinou o AI-1 (demissão de funcionários opositores do regime, cassação de mandatos e eleição indireta para presidente da república)
A Junta Militar
Em Agosto de 1969, Costa e Silva teve uma trombose cerebral;
Os ministros militares prenderam o vice Pedro aleixo;
Entre os militares começa uma forte disputa pela presidência;
Definiu-se que o presidente seria do exército e o vice da marinha;
O congresso foi reaberto para referendar o candidato militar;
eleitos então Emílio Garrastazu Médici e Augusto Rademaker.
Repressão política
As guerrilhas se desenvolviam sem causar grandes problemas para o governo;
Os guerrilheiros eram ex-militares e estudantes de classe média;
Não aconteceu o apoio da massa como eles desejavam;
A partir de 1969 eles iniciam uma série de sequestros e assaltos à banco

Guerrilha do Araguaia
Devido a forte repressão em 1973 as guerrilhas urbanas estavam desmanteladas;
Só resistia a guerrilha rural do PCdoB, no sul do Pará;
O obejtivo era preparar os camponeses e transformá-los no embrião de um exército popular.
A ação dos serviços de informação foi importante para a localização e combate a guerrilha.

O endurecimento do regime
Os militares mesmo não encontrando a resistência dos partidários do regime deposto, queriam liquidar os "subversivos e corruptos".
Os militares tinham uma lista com 5 mil nomes cujos direitos políticos queriam suspender.
Costa e Silva colocou Jânio na lista e disse: "Este é meu"...
Radicalização política
Crescimento do movimento estudantil nas ruas, começando pelo Rio, São Paulo e se estendendo para outras cidades.
Abertura lenta e gradual
A sucessão de Médici, foi uma verdadeira disputa entre os militares pois não havia um concenso na indicação de um candidato a presidência;
Médici proibiu que se lançassem candidaturas até o final de 1973;
Os militares lançam o general Ernesto Geisel a presidência da república;
Os partidários de Médici ventilaram a possibilidade de prorrogar o mandato de Médici, mas os chefes militares não aceitavam a ideia de um ditador acima dos outros chefes militares.
Geisel venceu as eleições mesmo havendo uma forte candidatura do MDB encabeçada por Ulysses Guimarães.
O Governo de Figueiredo (1979-1985)
Geisel havia indicado como seu sucessor o chefe do SNI o Gen. João Batista Figueiredo;
A economia do período colheu os frutos do "milagre econômico" com uma política econômica recessiva;
Aumento da dívida externa, diminuição das reservas cambiais, aumento da inflação (110% em 1980, um recorde no século XX); queda no PIB;
aumento do número de falências na indústria, declínio dos investimentos em educação, saúde e habitação;

A divisão entre os militares
Grupo Linha Dura: anticomunistas e nacionalistas, acreditavam na revolução permanente, tinham aversão aos políticos, eram liderados por Costa e Silva
A Economia
O governo vai tentar equilibrar a economia criando o PAEG:
Reforma tributária;
Reforma financeira;
Reforma trabalhista.

Milagre Econômico
A Economia
O que é bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil
Ato Institucional nº2
Outubro de 1965
Extinção dos partidos políticos;
Eleições indiretas;
Aumento do número de ministros do STF;
Garantias individuais suspensas.

Sucessão Presidencial
Disputas entre Castelo Branco e Costa e Silva pela presidência da república;
Castelo Branco perde a chamada "1ª guerra mundial";
Mas consegue aprovar a Constituição de 1967.
Governo Costa e Silva
Fase de governo marcada pela presença do grupo linha dura nas diversas esferas do poder;
Aumento da repressão;
Surgimento e fortalecimento das guerrilhas (foco guerrilheiro), independentes dos partidos políticos;
Movimento de oposição Frente Ampla, liderado por ex-presidentes;
Criação dos orgãos de repressão.

Ato Institucional nº5
Os radicais de direita desejavam o endurecimento do regime, defendido pelo MInistro da Justiça Gama e Silva.
O presidente resistiu até até o discurso do deputado Márcio Moreira Alves.
Ato Institucional nº5
Por que o escohido foi Médici?
"Ilha de paz e tranquilidade em um mundo perturbado"
Por que o Brasil era 'maravilhoso'?
Censura em todos os orgãos de imprensa;
A propaganda do governo funcionava muito bem;
Não havia passeata estudantil;
Nem greve dos trabalhadores;
Não ocorriam comícios políticos;
Os orgãos de segurança estavam mais atentos do que nunca.

Os orgãos de informação e repressão haviam se multiplicado;
Gozavam de grande autonomia;
As três armas possuíam seus serviços de informação e repressão;
A polícia federal e as polícias estaduais tinha seu Departamento de Ordem Pública e Social;
Todos eram coordenados pelo SNI.

A Propaganda
Médici foi o mais popular dos presidentes militares, graças à censura e propaganda eficiente do seu governo;
O governo criou a Aerp (agência especial de relações públicas), responsável pela propaganda governamental;
A imagem do presidente estava nas escolas, repartições públicas e na mídia;
A figura do presidente era associada a elementos da cultura popular.

Governo Geisel
Diferente do presidente anterior, Geisel era autoritário, não permitia intimidades com auxiliares, controlava e centralizava todas as decisões do governo;
O governo pretendia acabar com os atos de exceção e iniciar uma lenta e segura distensão do autoritarismo;
A crise do "milagre econômico"
O pacote de Abril de 1977
As divergências entre o presidente e a linha dura e o fortalecimento do MDB, levam o governo a implantar uma série de medidas para enfraquecer a oposição e garantir a manutenção da estrutura política do governo.
Anistia
Em Agosto de 1979, o Congresso aprovou a Lei de Anistia;
Beneficiando opositores do regime e militares acusados de tortura e assassinatos;
Radicalização da linha dura
Diretas Já
Based on Jim Harvey's speech structures
Grupo Sorbonne: participaram da II Guerra e depois fundaram a ESG, tinham ligações com a UDN e estiveram envolvidos em todas conspirações desde a morte a Vargas, defendiam o alinhamento com os EUA.
Eram liderados por Castelo Branco.
Amigo de Costa e Silva;
Era um dos mais apagados membros da 'linha dura';
Era o que menos dividia o exército;
Não almejava o poder, assumiu o cargo como uma missão;
Vida de Presidente
Jogou biriba, pôquer e assisitiiu jogos de futebol, mas não governou.
Min. Exército Orlando Geisel cuidava da segurança;
Min. Fazenda Delfim Neto dava as ordens no setor econômico;
Chefe da Casa Civil Leitão Abreu supervisionava os assuntos administrativos e políticos.
Expressão utilizada por Médici em seus discursos.
O comando destes orgãos estava nas mãos de oficiais linha dura que tinham informantes em universidade, ministérios, empresas estatais, imprensa...
as ações eram rápidas pois acreditavam que o Brasil estava em guerra.
Aumento do petróleo
Aumento dos juros internacionais
aumento das importações
diminuição das exportações
diminuição da entrada de capitais estrangeiros
Falência do Estado Brasileiro
Eleição indireta para governador;
senador biônico;
Modificação do Colégio Eleitoral;
limitação do número mínimo e máximo de deputados por estado;
alteração do quorum de votação de 2/3 para maioria simples;
Em Outubro de 1978, Geisel revogou o AI-5.
Em Novembro de 1979, preocupados com o crescimento do MDB, o congresso aprovou uma emenda abolindo a Arena e o MDB;
Atentado no Riocentro
30 de Abril de 1981
A partir de 1980, os radicais de direita deram início a uma série de atos terroristas contra bancas de jornais que vendiam publicações de esquerda, contra políticos de esquerda e entidades como a OAB.
Eleições de 1982
Full transcript