Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Conceitos Básicos de Multimédia

No description
by

Ana Gomes

on 20 July 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Conceitos Básicos de Multimédia

Multimédia
Bases sobre a teoria da cor aplicada aos Sitemas digitais
Métodos de divulgação de conteúdos de multimédia
Linearidade e
Não-Linearidade
Tecnologias
multimédia
Tipos de
produtos de multimédia
Tipos
de Média
Conceitos Básicos
de Multimédia

Natureza Espaciotemporal
Estáticos
ou discretos ou espaciais
Dinâmicos
Origem
Capturados
Recolha de ficheiros do exterior para o computador.
Sintetizados
Adequação dos atributos
da imagem
ao tipo de documento
Aspetos importantes na
criação de imagens e gráficos web
Tipos de formatos
de imagem
Captura de imagens
Formatação de texto
Apresentações gráficas
e
páginas web
video da canon
video da nikon
Conjunto de caracteres
ASCII
American Standart Code for Information Interchange
ISO
International Standards Organization
Unicode
A Unicode é também um código que define todos os caracteres da maior parte das línguas do mundo.
EBCDIC
Extended Binary Coded Decimal Interchange Code
GIF
JPEG
PNG
PDF
Portable Document Format
Graphics Interchange Format
Portable Network Graphic
Joint Photographic Experts Group
Documentos Impressos
Vídeo
Características para
um bom vídeo
Uma boa qualidade,
a luminosidade,
a redução de sinais de ruído,
a capacidade de produzir contrastes e sombras,
a reprodução perfeita do preto.
Surgiu como meio de criar um padrão-código que fosse utilizado por todos os computadores, tornando mais fácil a comunicação entre eles, assim como, a troca de dados.
Veio complementar a tabela ASCII.
Código maioritariamente utilizado para comunicações e controlo de impressoras.
Fontes
Características das fontes
Fontes bitmapped

Fontes escaladas
TrueType
Type 1
OpenType
“Multimedia designa-se a combinação, controlada por computador, de texto, gráficos, imagens, vídeo, áudio, animação e qualquer outro meio pelo qual a informação possa ser representada, armazenada, transmitida e processada sob a forma digital, em que existe pelo menos um tipo de media estático (texto, gráficos ou imagens) e um tipo de media dinâmico (vídeo, áudio ou animação).”
Fluckiger
“Multimédia não pode ser experimentada sem a tecnologia, pois é a tecnologia que cria a experiência – multimédia não se limita à mensagem, mas é igualmente uma função do meio, isto é, da tecnologia.”
Gonzalez
MULTIMÉDIA
multus
medium
Hipermédia
Texto
Hipertexto
Multimédia
A partir do momento em que a tecnologia chegou ao mundo, originou uma grande revolução pois, através desta é possível transmitir mensagens de diversas formas.
Hoje em dia, encontramos o conceito de multimédia e ela em si em qualquer lado.
Agrupam a informação
independentemente do tempo,
alterando apenas a sua
dimensão no espaço.
Agrupam a informação
dependente do tempo.
Criados no computador através
de softwares adequados.
Baseados
em
páginas
Baseados
no
tempo
http://www.netfontes.com.br/
http://www.1001freefonts.com/
Fontes
á escolha:
Predefenição de fontes:
Predefinição do tamanho e personalização:
Produto final:
Fontes: HTML
Download/Instalação de Fontes:

Percepção da visão humana e da luz emitida pelos objetos.

A cor depende:
Da luz que ilumina o objecto,
Da reflexão produzida por este,
Das características sensoriais do receptor dessa mesma luz (olhos ou câmaras).



COR
A não existência de luz = não existência de cor;
A luz é constituída por ondas magnéticas;
A visão humana deteta as ondas electromagnéticas no intevalo de 380 a 780 nm.

Pode haver dois tipos de visão:
Visão Escotópica:
assegurada por um tipo de bastonetes na retina, sensíveis ao brilho mas não detetam cor. (reconhecem alterações na luminosidade, mas não ondas de luz visível)
Visão Fotópica:
assegurada por três tipos de cones na retina , sendo estes sensíveis à cor. Os cones distribuem-se:
64% do tipo vermelho (Red);
32% do tipo verde (Green);
2% do tipo azul (Blue).

Os
bastonetes e os cones
são dois tipo de sensores diferentes que apreendem a intensidade da luz e as diferenças de cor;


Luminância e crominância
são conceitos relacionados com diferentes formas de representar cores.


Os modelos de cor permitem especificar uma determinada cor, e utilizando um sistema de coordenadas para determinar os componentes do modelo de cor, cria-se o seu espaço de cor (cada ponto representa uma cor diferente).


Tipos de Modelos:
Cores emitidas - Modelo aditivo
Cores impressas - Modelo subtractivo

Modelos aditivo e subtractivo
Modelo Aditivo
Explica a mistura dos comprimentos de onda da luz.

Ausência de luz = cor preta

Mistura de comprimentos de ondas Red, Green e Blue = presença de luz ou cor branca

Modelo Subtrativo
Mistura de cores cria uma cor mais escura, são absorvidos mais comprimentos de ondas, subtraindo-os à luz.

Ausência de cor = cor branca (todos os comprimentos de onda reflectidos);

A cor de um objecto corresponde à luz reflectida que os olhos recebem.

Modelo RGB
Modelo CMYK
Modelo HSV
Modelo YUV
Cores em HTML
Caracterização do Modelo
Resolução e Tamanho
Profundidade de Cor
Modelo aditivo, descrevendo as cores como uma combinação do Red, Green e Blue. As cores primárias de um Modelo não resultam de mistura de cores.
Qualquer cor é representada por um conjunto de valores numéricos.

Decimal - 0 a 1
Inteira - 0 a 225
Percentagem - 0% a 100%
Hexadecimal - 00 a FF

Cor Branca - (1,1,1)
Cor Preta - (0,0,0)


Os cinzentos são criados quando se adiciona quantidades iguais de cores primárias, mas sempre na linha que une os vértices preto e branco.

Aplicações
O modelo RGB aplica-se quando há emissão de luz por equipamentos
(monitores de computador, ecrãs de televisão…)

Monitor CRT
É um tubo de raios catódicos que tem um canhão de electrões negativos (cátodo) fechado por um vidro (ecrã), revestido por três camadas de Fósforo
São preciso três sinais separados que vão sensibilizar as respectivas três cores primárias.

Uma imagem digital é constituída de pixéis.
O píxel (em forma de quadrado), é a unidade elementar do brilho e cor.

Resolução é a quantidade de informação que a imagem contém por unidade de comprimento, números de píxeis por polegada (ppi).

A resolução determina:
o nível de detalhe;
requisitos de armazenamento.


O nível de detalhe depende da informação de cada píxel. Cada píxel ocupa em memória um número de bits, dependendo da cor, tons e brilho.

Indica o número de bits que representa a cor de um píxel numa imagem.
Padrões Gráficos
CGA
16 kbytes de memória de vídeo
Com resoluções até 640x200
Até 16 cores (4 em 320x200)

EGA
16 bits de memória
Capacidade para 64 cores

VGA
256 kbytes de memória de vídeo em RAM
Modos de 16 e 256 cores
Paleta de 262144 cores
800x600 de resolução

XGA
resolução de imagem de 1024×768

SVGA (Super VGA)
Usa VOLTAGENS ANALÒGICAS simples para indicar a profundidade de cor
Placas de vídeo com Hi-Color, 64Kbytes de cores
Performance muito superior a XGA

HDMI
Sinal totalmente Digital
Resolução de padrão: 480i/p 576i/p
alta definição: 720p 1080p
especificação: 2160p
Banda de 10.2 Gbps a 340 Mpixel/s
19 pinos
Profundidade varia com o número de cores presentes na imagem.
No modelo RGB (24 bits), existem 16,7 milhões de combinações de cores.
O olho humano não reconhece muitas destas cores, mas dá a possibilidade de ter as imagens com aspectos muito reais.
Com 32 bits são endereçados 4,3 mil milhões de cores.
É usado em videojogos, vídeo digital e animação, conseguindo reproduzir certos efeitos.
Os 8 bits extra, são usados para a transparência que o píxel deve ter quando duas imagens são sobrepostas



Consiste em representar as cores, de cada píxel, por índices numa tabela (Lookup Table).
Estas cores são indexadas, porque representam o número de índice usado pelo computador para cada cor.

Cores indexadas reduzem o tamanho dos ficheiros de imagens.
Se for fotografia pode originar um ficheiro de cores indexadas grande.
Cores indexadas - 256 cores (16,7 milhões de 24 bits de cor).
O ficheiro só guarda as cores necessárias para a imagem.

Indexação de cor
Paleta de Cores
Qualquer subconjunto de cores suportado pelo sistema gráfico do computador.
Também chamado de Mapa de cor, Mapa de Índice, tabela de cor, tabela indexada ou tabela de cores (Lookup Table).
Cada cor da paleta tem um número (índice).


Complementaridade de cores
Uma cor complementar é a cor que se encontra quando feita uma rotação de 180º


Modelo RGB - Cores Secundárias
Cores Secundárias - Resultam da mistura de quantidades iguais de duas cores primárias

Caracterização do Modelo
É um modelo constituído a partir do modelo CMY, mas com a cor preta (blacK);
O modelo CMY descreve as cores como uma combinação das cores primárias:
Ciano (Cyan);
Magenta (Mangenta);
Amarelo (Yellow).
A cor preta é adicionada ao modelo por ser mais fácil obter quando impressa do que misturando cores primárias.
É um modelo subtrativo.

Modelo Subtrativo - as cores são criadas pela redução de outras à luz que incide na superfície de um objeto.

As cores primárias do modelo CMY são as cores secundárias do modelo RGB, e vice-versa.

Aplicações
Impressão em papel- sobreposição de camadas de tintas.
Áreas em branco são a inexistência de cores, áreas escuras indicam concentração de tinta.
(Tinta preta (K) realça os tons de preto e cinza).

Impressoras, fotocopiadoras, pintura e fotografia onde os pigmentos de cor das superfícies dos objectos absorvem certas cores e reflectem outras.

Caracterização do modelo
Tonalidade (Hue);
Saturação (Saturation);
Valor (Value) – luminosidade ou brilho de uma cor.

A tonalidade é a cor pura com saturação e luminosidade máximas,
O valor da tonalidade exprime-se em graus, entre 0º e 360º.
A saturação indica a maior ou menor intensidade da tonalidade (cor pura ou esbatida),
Descreve a quantidade de cinzas numa cor,
Varia entre 0 e 100% (sendo 100% uma cor pura).

O valor traduz a luminosidade ou brilho de uma cor, indicando a quantidade de luz.
Luminosidade - luz reflectida;
Brilho - Luz emitida.
Indica a quantidade de preto numa cor e varia entra 0 e 100% (sendo 0% preto).
Crominância - fornece informação relativa à cor:
Tonalidade e Saturação.
Luminância - precepção de luminosidade (luz reflectida) e do brilho (luz emitida).

Aplicações
Artistas plásticos;
(É mais intuitivo utilizar este modelo porque é mais fácil manusear tons e sombras do que combinações de cor (Modelo RGB)).

Baseado na luminância;
Mais rápido na transmissão de componentes de cor que RGB;
Transmite imagens de cor de forma independente;
Guarda a informação de luminância separada da informação de cor;
É definido pela componente luminância (Y), e cor (U= blue – Y) / (V= red – Y).
Utilizando apenas a luminância para reproduzir imagens a preto e branco, reduz substancialmente a informação necessária noutro modelo.
Televisões a cores;
Televisão Europeia - Modelo YUV;
Televisão Americana/Asiática - Modelo YIQ (equivalente a YUV).
Vídeo;

Aplicações
Analógico
Digital
Dispositivos Hardware
Magnéticos
Permitem armazenar uma grande quantidade de informação.
Semicondutores
Dispositivos mais recentes e ao mesmo tempo oferecem mais capacidade de evolução no futuro.
Óticos
Utilizados para o armazenamento de ficheiros multimédia.
Dispositivos de armazenamento
Cores de página WEB - Modelo RGB;
Monitores apenas permitiam uma paleta de 256 cores RGB;
Atualmente, com profundidades de 24 bits, é possível processar 16,7 milhoes de cores;








Os telemóveis só permitiam 216 cores, sendo estas cores SEGURAS;
Seguras pois são cores que a sua visualização era assegurada em qualquer dispositivo, sendo assim usadas para o desenho das interfaces gráficas.
Atualmente já e possível os 24 bits na maior parte dos dispositivos móveis.
Full transcript