Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Planejamento Estratégico

No description
by

Rodrigo Costa

on 23 April 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Planejamento Estratégico

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
Para Philip Kotler, Planejamento Estratégico é o processo gerencial que busca desenvolver e manter um ajuste entre os objetivos, recursos da organização e as oportunidades de mercado em permanente modificação.
Aspectos como globalização, abertura de mercados e rápidos avanços na tecnologia tem tornado os mercados cada vez mais incertos e competitivos.
Para reduzir suas incertezas e se tornar competitiva, uma organização precisa se valer de ferramentas e instrumentos de que suportem o seu desenvolvimento e permanência no mercado.
Para que isso ocorra, se torna necessário implantar políticas e medidas estratégicas, que se traduzem em um planejamento do futuro organização.
Kotler ainda defende que, o segredo das empresas bem sucedidas se deve à constante prática da arte do planejamento estratégico.
Henry Mintzemberg, apresenta preocupação com a burocratização da construção dos processos de planejamentos estratégicos e acrescenta que, qualquer organização tem estratégia, mesmo não sendo definida por um planejamento.
Para Mintzemberg, o aprendizado pela experiência é a estratégia; Meio pelo qual a as pessoas aprendem o caminho para novas direções.
Introdução
Justificativa
Conceito
Fases do Planejamento Estratégico
Introdução
Conceito
1ª Fase
Diretrizes da Organização
Missão
Visão
Valores
Objetivos e Metas
2ª Fase
Análise Ambiental
Interna - Externa
Ferramentas de Análise

Análise SWOT
Fatores Críticos de Sucesso

3ª Fase
Estratégias e Plano de Ação.
Trata do caminho a ser seguido para atingimento das metas e objetivos.
4ª Fase
Monitoramento, Controle e Feedback
Indicadores de desempenho referentes aos setores da organização.
BSC - Balance Score Card
Justificativa
missão
Define a identidade de uma organização.
Dá sentido e significado à atividade empresarial, e coesão com os fins comuns entre seus membros.
Missão Microsoft:
Permitir às pessoas e empresas, em todo o mundo, a concretização do seu potencial
Visão
Para Kotler, uma boa declaração de missão precisa ser guiada por uma visão.
Uma espécie de "sonho impossível", que fornece direcionamento à empresas para os anos seguintes.
Visão Nike:
Ser uma referência em artigos esportivos mantendo assim um vínculo com a qualidade de vida e de pessoas
valores
São os princípios orientadores que balizam a tomada de decisão, entre eles os de caráter ético como: Justiça, respeito, compromisso e outros.
Valores UNIBH:
Diálogo, Respeito, Integrigdade, Meritocracia, Comprometimento.
Valores
Conjunto de ações que serão tomadas em função dos objetivos.
Mobilização de Recursos e Estruturas.
conclusão
Mitzemberg (2010), afirma que a estratégia está na cabeça do empreendedor e Chiavenato (2010), que a estratégia será a chave para uma organização atingir uma posição que almeja, o que requer muito esforço e engajamento de forma holística em uma organização.

No entanto, se elaborado com qualidade e colocado em prática, será a garantia sustentável não só de sobrevivência mas de diferenciação competitiva no mercado em que atua. Porter (2004).
OBjetivos e metas
Objetivos são os resultados quantitativos e qualitativos que um organização desejam alcançar.
A meta é a medida, forma como os objetivos são mensurados, quantificados, através de análises numéricas.
Referências
KOTLER, Philip, KELLER, Kevin, Administração de Marketing, São Paulo: Ed. Prentice Hall, 2006, 12o ed.

MINTZBERG, Henry, AHLSTRAND & Bruce, LAMPEL, Joseph.. Safári de estratégia. Porto Alegre, Bookland, 2000.

PORTER, Michael. Estratégia Competitiva: Técnica para análise de Indústrias e da Concorrência. Edição 16ª. Editora Campus/Elsevier 2004.

IDALBERTO, Chiavenato. Gestão de Pessoas. 3 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.

SERTEK, Paulo, GUINDANI, Roberto Ari, MARTINS, Tomas Sparano. Administração e Planejamento Estratégico. São Paulo, 1ª Edição. Editora Interasaberes.
conceitos
O planejamento é um processo sistemático e contínuo que visa preparar o futuro de uma organização.
MAS AFINAL, O QUE É ESTRAGÉGIA??
A estratégia competitiva é “uma combinação dos fins (metas) que a empresa busca e dos meios (políticas) pelos quais está buscando chegar lá.” (PORTER, 1986)
Estratégia, para mim, é aprendizagem, e não planejamento.

É um processo pelo qual muitas pessoas na organização – e não apenas a cúpula – aprendem o caminho para novas direções.

Planejar significa que você pode se sentar e criar uma fórmula.

Porém, estratégias não saem assim, como milagre. Elas são aprendidas quando se tem um alvo, quando as pessoas precisam resolver problemas.
Henry Mitzemberg
Na Grécia antiga, onde o vocábulo possivelmente teve origem, estratégia significava:

" A Arte do General "

Sun Tzuo, estrategista chinês, afirmava que:

“todos os homens podem ver as táticas pelas quais eu conquisto, mas o que ninguém consegue ver é a estratégia a partir da qual grandes vitórias são obtidas”

Arte e a ciência de conduzir um exército por um caminho.
Ação de comandar ou conduzir exércitos em tempo de
guerra – um esforço de guerra.
Estratégia é a criação de uma posição única e valiosa, envolvendo um conjunto diferente de atividades.
A estratégia assumiu o sentido de habilidade administrativa em (450 a.C.), e passou a significar habilidades gerenciais (administrativas, liderança, oratória, poder).

Mais tarde, no tempo de Alexandre (330 a.C.), adquiriu o significado de habilidades empregadas para vencer um oponente e criar um sistema unificado de governança global.
VANTAGEM
COMPETITIVA

PROCESSO PELO QUAL ORGANIZAÇÕES REALIZAM ENTREGA DE DE MAIS VALOR ECONÔMICO E SATISFAÇÃO AOS CLIENTES, FRENTE AOS SEUS CONCORRENTES.
O objetivo final de uma administração estratégica é a obtenção de vantagens competitivas.
Valor econômico é a diferença entre os benefícios percebidos ganhos por um cliente que compra produtos ou serviços de uma empresa e o custo econômico total desses produtos ou serviços.
Portanto, o tamanho de uma vantagem competitiva é a diferença entre o valor econômico que uma empresa consegue criar e o valor econômico criado pelas suas rivais.
Essas vantagens são vistas pelo cliente como "Vantagens do cliente, dando à empresa uma certa supremacia em relação a seus concorrentes.
No processo de geração de uma vantagem competitiva entender o cliente é extramente necessário mas não o suficiente.
Organizações precisam ser peritas em:

Administração do Produto;

Gestão do Relacionamento com o cliente, tendo como barreira uma forte concorrência.

Administração de cenário econômico instável.
ESTRATÉGIAS
As vantagens competitivas podem ser vistas como as principais estratégias utilizadas pelas empresas.

Se subdividem em dois grandes grupos principais:

Estratégias no Nível de Negócio

Estratégias no Nível Corporativo
estratégia no
NÍVEL DE NEGÓCIOs
Ações realizadas para obtenção de vantagens competitivas em um único mercado ou setor.
Liderança de Custo
DIFERENCIAÇÃO DE PRODUTO
Tendo como principais ações:
Estratégia baseada na redução de custos.
Seus esforços estão concentrados na redução do custo do produto final ao consumidor.
Economia de Escala
WallMart | Bic
Estratégia baseada na busca pelo aumento do valor percebido pelo cliente.
Alteração das características objetivas de produtos e ou serviços.
Nesse nível de estratégia produtos tendem a possuir preços mais altos.
Muito embora empresas se esforcem pela diferenciação, esta sempre será uma questão de percepção do cliente.
Rolex X Casio
Wall Mart X Victórias Secrets
Volvo X Fiat
DIFERENCIAÇÃO DE PRODUTOS
OBJETIVO EMPRESARIAL
Meta escolhida pela organização para direcionamento do seu esforço.
Com base nos seus objetivos que a administração de uma organização:
Planeja, Organiza e Controla suas ações.
>> Como objetivos devem ser usados <<
Orientações na tomada de decisão
Objetivos devem ser utilizados como base para tomada de decisões.
Orientar o aumento da eficiência
Na busca pelo alcance do seus objetivos uma organização não pode desperdiçar recursos.
Orientação para avaliação de desempenho
A organização deve avaliar e recompensar os funcionários que se esforçam pelos atingimento dos objetivos
Objetivos Organizacionais Gerais
Objetivos que afetam, abrangem a organização como um todo.
Amplamente e fortemente ligados à Visão Organizacional.
Objetivos Organizacionais Específicos
É específico quando, fica claro o que deve ser alcançado, por quem e dentro de qual prazo.
Quanto mais específico o objetivo mas fácil colaboradores o compreenderão.
Metas pessoais e de setores
>> Ações Estratégicas <<
Estratégia de Inovação

Encontrar novas maneiras de fazer negócios.
Desenvolver novos produtos e serviços.
Ingressar em novos mercados ou segmentos do mercado.
Estabelecer novas alianças comerciais.
Encontrar novas maneiras de produzir bens/serviços.
Encontrar novas maneiras de distribuir produtos/serviços.
Estratégias de Crescimento

Expandir significativamente a capacidade da empresa para produzir bens e serviços
Expandir para mercados mundiais
Diversificar em novos produtos e serviços
Integrar em produtos e serviços afins.
Estratégias de Aliança

Estabelecer novas alianças comerciais com clientes, fornecedores, concorrentes, consultores e outras empresas (fusões, aquisições, formação de empresas virtuais, etc.).
Full transcript