Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Paulo Tasso

No description
by

Marcelo Costa

on 13 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Paulo Tasso

Apresentação organizada por Míriam Dusi a partir dos textos de Sandra Borba. “Dirige-te a Damasco e lá te será dito o que tens que fazer.”

Atos 9:6 “Os mais exigentes advertirão que Paulo recebeu um apelo direto; mas, na verdade, todos os homens menos rudes têm a sua convocação pessoal ao serviço do Cristo. As formas podem variar, mas a essência do apelo é sempre a mesma. O convite ao ministério chega, às vezes, de maneira sutil, inesperadamente; a maioria, porém, resiste ao chamado generoso do Senhor.”

(Emmanuel, Paulo e Estevão, p. 8) Reflexões de Emmanuel Paulo “negou-se a si mesmo, arrependeu-se, tomou a cruz e seguiu o Cristo até o fim de suas tarefas materiais. Entre perseguições, enfermidades, apodos, zombarias, desilusões, deserções, pedradas, açoites e encarceramentos, Paulo de Tarso foi um homem intrépido e sincero, caminhando entre as sombras do mundo, ao encontro do Mestre que se fizera ouvir nas encruzilhadas da sua vida.” (Emmanuel, p.9) Aprender a Conviver A Semeadura Ide, pois, e levai a palavra divina (...) Arme-se a vossa falange de decisão e coragem! Mãos à obra! o arado está pronto; a terra espera; arai!

(Erasto - O Evangelho Seg. o Espiritismo - Cap. XX - item 4) “Que recordem a Parábola do Semeador e jamais desanimem. Alertou-nos o Divino Mestre que algumas sementes podem cair sobre pedras ou entre espinheiros; mas sempre haverá as que se abrigarão em boa terra. Que, portanto, os semeadores não cessem de semear, nem desanimem, lembrando-se, ademais, que o nosso trabalho é plantar, porque a germinação e a frutescência pertencem, de fato, a Deus.” Resposta do Espírito Áureo
O que se poderia dizer aos evangelizadores que, apesar de todos os esforços empreendidos, não conseguem observar resultados no trabalho de evangelização de algumas crianças e moços? “Os aprendizes da Boa Nova constituem a instrumentalidade do Senhor. Sabemos que, coletivamente, permanecem todos empenhados em servi-lo, entretanto, ninguém olvide a necessidade de afinar a trombeta dos sentimentos e pensamentos pelo diapasão do Divino Mestre, para que a interferência individual não se faça nota dissonante no sublime concerto do serviço redentor.”

(Emmanuel, Vinha de Luz, p. 262) Características do Evangelizador (Jesus a Paulo):


“- Sim, Paulo, sê feliz! Vem, agora, a meus braços, pois é da vontade de meu Pai que os verdugos e os mártires se reúnam, para sempre, no meu reino!...”(p.553) Aprender a Ser A auto-educação, na ausência dos recursos da época, ensinara-lhe à alma ansiosa o segredo sublime de se entregar ao Cristo, para repousar em seus braços misericordiosos e invisíveis. Desde que se consagrara ao Mestre, de alma e coração, os remorsos, as dores, as dificuldades, como que se afastaram do seu espírito. Recebia todo trabalho como um bem, toda necessidade como elemento de ensino.” (p.254) Aprender a Ser Aprender a Fazer Ananias: “- (...) Para receber uma tarefa do Céu, David conviveu com a Natureza apascentando rebanhos; para desbravar as estradas do Salvador, João Batista meditou muito tempo nos ásperos desertos da Judéia.” (p.225)
Gamaliel: “- (...) Bem sabemos que os profetas e homens de Deus foram a lugares ermos, a fim de sentirem as reais inspirações do Altíssimo, antes de ministrarem, com êxito, a santidade da palavra.” (p.246)
Saulo passou 3 anos do deserto de Dan, com casal Áquila e Prisca. Aprender a Conhecer E os 4 pilares da
Educação
para o Século XXI PAULO DE TARSO, o
evangelizador escolhido
“- Se o Mestre te chamou ao serviço é porque confia na tua compreensão de servo fiel.” (p.244) Gamaliel a Paulo: Reflexões "Regozijai-vos sempre."

(I Tessalonicenses, 5:16) 14. O reconhecimento da alegria da tarefa e do agradecimento pela oportunidade de assumir-se tarefeiro do Evangelho: Características do Evangelizador “Portanto, meus amados irmãos, sede firmes
e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor,
sabendo que o vosso trabalho não é vão."
(I Coríntios, 15:58) 13. Confiança nos resultados do trabalho: Características do Evangelizador "Tendo por capacete a esperança na salvação"
(I Tessalonicenses, 5:8) 12. O exercício da esperança como proteção rumo ao alcance dos objetivos: Características do Evangelizador “Vigiai, estai firmes na fé, portai-vos varonilmente,
sede fortes."
(I Coríntios, 16:13) 11. A importância da vigilância e força nos propósitos: Características do Evangelizador "Irmãos, quanto a mim, não julgo que haja alcançado a
perfeição, mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me
das coisas que atrás ficam, avanço para as que se
encontram diante de mim."
(Filipenses, 3:13 e 14) 10. Foco nas metas futuras e não nas dificuldades passadas: Características do Evangelizador “Eis porque, personificando no discípulo do Evangelho a trombeta viva do Cristo, dele devemos esperar avisos seguros.” (Emmanuel, Vinha de Luz, p. 262)



“(...) o som incerto não atende ao roteiro exato. Serve para despertar, mas não fornece orientação.” (Emmanuel, Vinha de Luz, p. 262) Características do Evangelizador “Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina:
persevera nestas coisas; porque, fazendo isto,
te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem."
(I Timóteo, 4:16) 8. Fidelidade ao Evangelho: Características do Evangelizador “Prossigo para um alvo”
(Filipenses 3:14) 7. Clareza dos objetivos evangelizadores: Características do Evangelizador “Todo aquele que está em Cristo é uma nova criatura”
(II Cor 5:17) 5. Busca da coerência entre conhecer, ensinar e viver exemplificando: Características do Evangelizador “Senhor, que queres que eu faça?”
(Atos 9:6) 3. Dedicação, até sacrificial, para atender ao compromisso assumido: Características do Evangelizador “Sois a nossa carta, escrita em nossos corações,
conhecida e lida por todos os homens”
(II Cor 3:2) 1. Reconhecimento da necessidade de auto-evangelização como condição básica ao exercício da tarefa de evangelizar os irmãos: Características do Evangelizador
“- És feliz (...) porque compreendeste o programa de Jesus a teu respeito. Não te doa a recordação dos martírios sofridos, porque o Mestre foi compelido a retirar-se do mundo pelos tormentos da cruz. Regozijemo-nos com as prisões e sofrimentos. Se o Cristo partiu sangrando em feridas tão dolorosas, não temos o direito de acompanhá-lo sem cicatrizes...” (p.441) (João a Paulo): Aprender a Ser “O ex-rabino modificara o próprio aspecto, ao contacto direto com as forças agressivas da Natureza. (...) Entretanto, a solidão, as disciplinas austeras, o tear laborioso, lhe havia enriquecido a alma de luz e serenidade. Os olhos calmos e profundos atestavam novos valores do espírito. Entendera, finalmente, aquela paz desconhecida que Jesus desejara aos discípulos. (...) Aprender a Ser “- (...) o Senhor conferiu-te a tarefa de semeador; tens muito boa vontade, mas, que faz um homem recebendo encargos dessa natureza? Antes de tudo, procura ajuntar as sementes no seu mealheiro particular, para que o esforço seja profícuo. (...) Além do mais, tudo o que é de Deus reclama grande paz e compreensão (...). (p.225) Ananias para Saulo: Aprender a Conhecer
“- A batalha do Cristo está começada. Toda a vitória pertencerá ao seu amor (...)” (p.496) “Porque, se a trombeta der sonido incerto,
quem se preparará para a batalha?” Paulo - (II Co, 3:17). 9. Segurança nas orientações - afinação da “trombeta”: Características do Evangelizador “Nada faças por contenda ou por vanglória,
mas por humildade" (Filipenses, 2:3) “Anunciar o Evangelho não é glória para mim;
é uma obrigação que se me impõe” (I Cor 9:16) 2. Conscientização quanto à importância da tarefa, compreendendo seu papel de colaborador humílimo na obra da cristianização: Características do Evangelizador “(...) este homem é para mim o vaso escolhido, que levará o meu nome diante das nações, dos reis e dos filhos de Israel.” (Atos 9:15) Jesus a Ananias, segundo relato de Lucas: O Evangelizador Escolhido
(“Paulo de Tarso, o Evangelizador Escolhido”, Sandra Borba) – Perdoa...! – Espera! (Abigail para Paulo, em sonho):
“- Que providências adotar contra o desânimo destruidor?


“– Como conciliar as grandiosas lições do Evangelho com a indiferença dos homens?” (p.308, 309) Aprender a Ser – Trabalha! – Ama! (Abigail para Paulo, em sonho):
“- Que fazer para adquirir a compreensão perfeita dos desígnios do Cristo?”


“- Como fazer para que a alma alcançasse tão elevada expressão de esforço com Jesus Cristo?” Aprender a Ser
“- Saulo, não te detenhas no passado! Quem haverá no mundo, isento de erros?!” (p.305) Estevão para Saulo, em sonho: Aprender a Ser
“Vejo-me cercado de enormes dificuldades (...) Sinto-me no dever de espalhar a nova doutrina, felicitando os nossos semelhantes; Jesus encheu-me o coração de energias inesperadas, mas a secura dos homens é de amedrontar os mais fortes.” (p.225) Aprender a Conviver Entre ele e Jesus havia um abismo, que o Apóstolo soube transpor em decênios de luta redentora e constante. (Emmanuel, p. 9) Aprender a Fazer
“- Ananias, (...) onde poderei obter o Evangelho sagrado?” (Saulo, p.215) Saulo “recebeu as anotações (...). Debruçou-se imediatamente sobre os velhos rabiscos e devorava-os com indisfarçável interesse.” (p.216) Aprender a Conhecer Com Ananias Estevão para Abigail: Breve Contextualização "A ciência incha, mas o amor edifica" (I Coríntios, 8:1) “Nada devemos uns aos outros, senão o amor recíproco” (RM 13:8) 6. Criação de elos de amorosidade entre os irmãos que compartilham da tarefa, alimentando o espírito de equipe e de serviço aos ideais de Jesus: Características do Evangelizador
“- Nesse labor (...) se topares incompreensão e luta em Jerusalém, não desesperes nem esmoreças. Semeaste por lá certa confusão nos espíritos, é justo recolhas os resultados.” (p.244)
“- Não te perturbem as desconfianças, a calúnia e a má-fé, atento a que Jesus venceu galhardamente tudo isso!...” (p.244) Gamaliel para Paulo): Aprender a Conviver No Caminho de Damasco "Pondo de lado todo o impedimento... corramos com perseverança a carreira que nos está proposta." (Hebreus, 12:1) “Somos abatidos mas não somos destruídos”
(II Cor 4:9) 4. Persistência, perseverança, longevidade na tarefa, desempenhando-a com bom ânimo diante das dificuldades enfrentadas: Características do Evangelizador Levanta-te Saulo! Entra na cidade e lá te será dito o que convêm fazer "-Vejo... Agora vejo! ...Glória ao redentor de minha alma" (p. 212) "-Saulo deve ser bom e generoso; defendeu Moisés atpe o fim... Quando conhecer Jesus, servi-lo-á com o mesmo fervor..."(p.160) "-Jesus mandou-me, justamente para que tivesses, de novo o dom da vista... (p.211)
Full transcript