Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Fatores fundamentais no processo de tornar-se humano

No description
by

Ana Azevedo

on 7 December 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Fatores fundamentais no processo de tornar-se humano

Fatores fundamentais no processo de tornar-se humano
A cultura material e não material
A
aculturação
é a junção de duas ou mais culturas diferentes.



Marginalidade cultural
são aqueles que não se conseguem integrar na cultura que os rodeiam.

Aculturação e Marginalidade Cultural
É possível identificar uma cultura ou sociedade através de caraterísticas culturais tais como :

Fatores de identidade cultural
1. Físicas
2. Culturais:
3. Linguísticos
4. Religiosos:
5. Geográficos:
6. Económicas:
Há sociedades que são reconhecidas como sendo povos desenvolvidos ou em desenvolvimento .

Padrões Culturais
Os portugueses têm vários padrões culturais que os identificam no mundo – como padrão alimentar temos por exemplo o pastel de nata e como modelo cultural o fado.
Os padrões culturais desempenham um papel importante na vida de cada um e passam frequentemente despercebidos.


Ex. a roupa que usamos, o que comemos, o modo como nos relacionamos, etc.

“Imagine esta cena – está a visitar uma casa com a possibilidade de a vir a comprar, e ao abrir a porta de uma casa de banho, vê uma mulher sentada nua numa banheira. Como espera que reaja a mulher surpreendida? Uma mulher britânica ou americana cobriria os seios com uma mão e os órgãos genitais com a outra, enquanto uma sueca cobriria apenas os genitais. Uma mulher muçulmana cobriria o rosto, uma mulher Samatra cobriria os joelhos e uma nativa de Samoa apenas o umbigo.”


Linguagem Corporal

Cada padrão cultural muda permanentemente, não só pela ação criadora, produtora de cultura, de cada um dos seus elementos, mas também através do contacto com outras culturas, com elementos culturais até aí estranhos.
Socialização
A
socialização
pode ser definida como o processo de aprendizagem e interiorização de normas e valores, característicos de um determinado meio social, do qual os indivíduos e os grupos são alvo.

A
educação
de um ser humano é um processo de socialização contínua. Que se inicia desde o nascimento do indivíduo com a família.
Os objectivos da socialização são comuns em toda a parte do mundo.


A socialização acontece através de três mecanismos distintos mas interligados:
Aprendizagem
Imitação
Identificação
Agentes de socialização
A socialização permite a relação entre o indivíduo e um grupo social que mistura normas e valores. Estes grupos são os agentes de socialização.
Família
Escola
Grupos Sociais
Comunidade

Existem dois tipos de socialização
Socialização primária
Ocorre durante a infância e permite a aquisição de um conjunto de saberes básicos.
Socialização secundária
Acompanha toda a vida adulta e designa ajustamentos do indíviduo em função de alterações significativas
Introdução
Conclusão
Este trabalho foi nos proposto pela professora Alcina Fonseca no âmbito da disciplina de Psicologia B.
Vamos abordar o que interefere no processo do individuo ao tornar-se humano e qual o papel da cultura, dos padrões culturais e da sociedade neste processo.
Concluímos que a
cultura
desempenha um papel fundamental na unidade e diversidade do ser humano. Embora todas as sociedades possuam cultura, não existe uma cultura, mas sim uma pluralidade de culturas, que se multiplicam no tempo e no espço.
O
padrão cultural
diz respeito à forma característica que uma sociedade ou povo particular estabelece, transmite e interioriza.
Por último, concluímos que o processo de
socialização
decorre ao longo de toda a vida e nunca se dá por terminado. É através da socialização que o indivíduo pode desenvolver a sua personalidade e ser admitido na sociedade.

Full transcript