Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

9. O Eu e o Isso

No description
by

Psicanálise IPA

on 1 April 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of 9. O Eu e o Isso

Uma nova
topologia psíquica
“O recalcado é (...) o protótipo do
inconsciente”
O inconsciente
não recalcado
O
Ego/Eu
A
resistência
Para além da unidade
Georg Groddeck: Isso/Id
“Para o ego a percepção desempenha o
papel que no id cabe
à pulsão”
A metáfora do cavalo e do cavaleiro
“O ego é um precipitado de catexias objetais abandonadas e que ele contém a história dessas escolhas de objeto”
O EU
IDEAL
O EU E O ISSO
“DAS ICH UND DAS ES

(1923)
O ideal
do eu

“O herdeiro do
complexo de Édipo”

O
“imperativo
categórico”
“O superego sabe mais do que o ego sobre o id inconsciente”
O sentimento de culpa
“Pode-se dizer do id que ele é totalmente amoral; do ego que se esforça por ser moral, e do superego que pode ser supermoral e tornar-se então tão cruel quanto somente o id pode ser”
“Mas mesmo a moralidade normal e comum possui uma qualidade severamente restritiva, cruelmente proibidora”
“Vemos esse mesmo ego como uma pobre criatura que deve serviço a três senhores e consequentemente, é ameaçado por três perigos: o mundo externo, a libido do id e a severidade do superego”
“Ele (o ego) não é apenas um auxiliar do id ; é também um escravo submisso que corteja o amor de seu senhor”
“A facinação é absolutamente essencial para o fenômeno da constituição do eu”
O
“ego autônomo”,
o
“aliado do analista”,
o
“ego forte?”
O ego e a resistência
1922
O
Supereu

(Lacan, S2)
Cs
Pcs
Inc
POLO PERCEPTUAL
Novas conferências Introdutórias
sobre Psicanálise. Conferência XXXI
Full transcript