Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Coerência Interna e Externa

No description
by

Ebelardo Freitas

on 9 June 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Coerência Interna e Externa

Introdução
Podemos dizer que um texto deve possuir coerência em três aspectos
Introdução
Coerência Interna e Externa
Para ser coerente, o texto deve apresentar uma relação lógica e harmônica entre suas ideias, que devem ser ordenadas e interligadas de maneira clara. Um texto coerente é aquele do qual é possível estabelecer sentido.
Algumas regras para escrever de forma coerente:
1. Manter a ordem cronológica
2. Seguir uma ordem descritiva
3. Uma informação nova deve se ligar a outra, já enunciada
4. Evitar repetições
5. Não se contradizer

Pode haver coerência sem coesão?
A coerência é uma conformidade entre fatos ou ideias
A coerência é imaterial
e não está na
superfície textual
Quando lemos um texto, estamos ao mesmo tempo construindo sua interpretação, e fazer isso de maneira eficiente está relacionado com os conhecimentos que já possuímos
Três princípios básicos são necessários
para compreendermos melhor
o que é coerência textual:

Princípio da Não Contradição
: Um texto deve apresentar situações ou ideias lógicas que em momento algum se contradigam
Princípio da Não Tautologia
: A tautologia nada mais é do que um vício de linguagem que repete ideias com palavras diferentes ao longo do texto
Princípio da Relevância
: Um texto com informações fragmentadas torna as ideias incoerentes, ainda que cada fragmento apresente certa coerência individual
Exemplos:
- O telefone!
- Estou no banho!
- Certo.
Este diálogo só será coerente, ou seja, só fará sentido, se considerarmos os atos de fala que cada enunciado realiza:
- O telefone está tocando.
- Não posso atender porque estou no banho.
- Certo. Eu o atenderei.

Coerência e coesão textuais são dois conceitos importantes para uma melhor compreensão do texto e para a melhor escrita de trabalhos de redação de qualquer área
Você já dever ter ouvido falar, ao longo de sua vida escolar, em coerência e coesão. Geralmente esses dois elementos aparecem assim, juntos, como fatores que estabelecem uma condição indissociável. Mas, para sua surpresa, nem sempre esses elementos caminham juntos e um texto coerente nem sempre carece de elementos coesivos, apesar de a tradição literária nos oferecer inúmeros exemplos contrários
Um texto precisa ser sempre inteligível, ou seja, precisa ser coerente para ser compreendido, mas não precisa, necessariamente, ser coeso ou repleto de conectivos. Vamos ver alguns exemplos de textos que, apesar de coerentes, não apresentam conectivos como preposições, conjunções, pronomes, advérbios e locuções adverbiais e palavras denotativas
Chinelos, vaso, descarga. Pia, sabonete. Água. Escova, creme dental, água, espuma, creme de barbear, pincel, espuma, gilete, água, cortina, sabonete, água fria, água quente, toalha. Creme para cabelo, pente. Cueca, camisa abotoaduras, calças, meias, sapatos, gravata, paletó. [...] Pasta, carro. Cigarro, fósforo. Mesa e poltrona, cadeira, cinzeiro, papéis, telefone, agenda, copo com lápis. [...] Bandeja, xícara pequena. Cigarro e fósforo. Papéis, telefone, [...]
CIRCUITO FECHADO

Apesar de aparentemente desconexos, os fragmentos transcritos anteriormente têm sentido: eles falam da rotina de um homem de negócios. A sequência das palavras ou frases justapostas retrata um mundo moderno que bem conhecemos. Assim, apesar da estranheza que provoca em uma primeira leitura, o texto é coerente, ou seja, faz sentido.
Coerência e coesão textuais são dois conceitos importantes para uma melhor compreensão do texto e para a melhor escrita de trabalhos de redação de qualquer área
Menino venha pra dentro, olhe o sereno! Vá lavar essa mão. Já escovou os dentes? Tome a bênção a seu pai. Já pra cama! Onde é que aprendeu isso, menino? Coisa mais feia. Tome modos. Hoje você fica sem sobremesa. Onde é que você estava? Agora chega, menino, tenha santa paciência. De quem você gosta mais, do papai ou da mamãe? Isso, assim que eu gosto: menino educado, obediente. Está vendo? É só a gente falar. Desça daí, menino! Me prega cada susto... Pare com isso! Jogue isso fora. Uma boa surra dava jeito nisso. Que é que você andou arranjando? Quem lhe ensinou esses modos? Passe pra dentro. Isso não é gente para ficar andando com você[...]

a) do texto em si, ou seja, uma coerência interna;
b) do texto com a realidade, ou seja, uma coerência externa;
c) do texto com as características do gênero textual

Coerência Interna
Pesquisando sobre a coerência dos textos, um estudioso francês chamado Michel Charolles conseguiu descobrir quatro princípios fundamentais responsáveis pela coerência textual. Chamou-os de meta-regras da coerência. São as seguintes: Meta-regra da repetição; Meta-regra de progressão; Meta-regra da não-contradição; Meta-regra de relação.
Vejamos cada uma delas.

Meta-regra da repetição:
nada mais é do que aquilo que chamamos de coesão textual
Meta-regra de progressão:
nos diz que um texto deve sempre apresentar informações novas à medida que vai sendo escrito.
Meta-regra da não-contradição:
nos diz que cada pedaço de texto deve “fazer sentido” com o que se disse antes.
Meta-regra de relação:
estabelece que o conteúdo do texto deve estar adequado a um estado de coisas no mundo real ou em mundos possíveis.
Coerência Externa
Trata da compatibilidade entre os significados inscritos no texto e os dados da realidade, entre o que o texto diz e o nosso conhecimento de mundo.

Os exemplos mais comuns de falhas de coerência externa aparecem em argumentos com dados numéricos e Estereótipo
Cerca de 40% dos brasileiros são analfabetos

Os alunos da escola pública não entram na Universidade.


O homem já chegou a Marte.

Os jovens do mundo inteiro têm participação política.

Durante o inverno, a população do Rio de Janeiro aguarda a neve que rotineiramente cobre as ruas da cidade.

Os homens que são mortais buscam a felicidade.

Características do gênero textual
Cada gênero textual tem suas características e depende do conhecimento do produtor o gênero textual em que esta produzindo. Pois cada gênero textual, além de cumprir funções diferentes nas diversas situações comunicativas das quais os interlocutores participam, apresenta estrutura, ação procedimental, suporte, conteúdo e linguagem típicas de cada um.
É um documento tipo de histórico, que relata os dados pessoais para contato, á formação académica e experiências profissionais de uma pessoa, na qual o candidato busca alguma vaga de emprego.
É um desenho humorístico, com ou sem legenda, ou balão encontrado em jornais, revistas, televisão, tendo como tema algum conteúdo atual. Tem como finalidade criticar humoristicamente os fatos políticos e sociais.
Full transcript