Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Órgãos Linfoides Parte Primeira

No description
by

João Gabriel Queiroz

on 27 September 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Órgãos Linfoides Parte Primeira

Perfil Linfoide
1. Quanto à capacidade de produção de linfócitos:

- Centrais (ou primários) e Periféricos (ou secundários)
obs: permanente ou temporário

2. Quanto à presença de linfócitos:

- Denso (linfócitos + fibras reticulares)
obs: nodular ou cordonal
obs: folículo linfoide (sede de linfócitos B)

- Frouxo (linfócitos + célulares reticulares mesenquimais + fibras reticulares + macrófagos)

3. Quanto à presença de càpsula conjuntiva:

- Encapsulados ou Não Encapsulado
- Inata ou Adaptativa (celular ou humoral)

- Imunização Ativa ou Passiva

- Células do Sistema Imune

1. linfócitos
2. células acessórias
3. células efetoras

- Complexo de Histocompatibilidade (MHC ou HLA)

- Sangue, Linfa e Órgãos Linfoides


Timo
- Órgão Encapsulado (pseudo lóbulos)

- Região Córtico Medular

- Ausência de nódulos linfoides e conjuntivo
extra trabecular (fibras reticulares e células reticulares mesenquimais)

- Região Cortical (mais basófila)

- Região Medular (mais acidófila)
Ativação das Células T citotóxicas
- Processamento da APC
- Ligação MHC 2 e TCR (CD4+)
- IL1 (fenômeno Th1)
- IL2 (ação autócrina e parácrina)
- interferon gama (ação autócrina e parácrina)
- estímulo MHC 1
- somatório das IL-2
- perfurinas e granzimas
- protectina

obs: síndrome da imunodeficiência adquirida
Em suma...
Imunidade
Ativação da Célula B
Maturação dos Linfócitos
Órgãos Linfoides Parte Primeira: Sistema Imunológico
Monitoria de Histologia 1. 2014 - por João Gabriel Queiroz

- ativação simultânea

- resposta Th2 (IL-4, 5, 11, 12 e 13)

- células efetoras B (diferenciação)

- Anticorpos ou Imunoglobulinas

1. liberados ou aderidos

2. função: opsonizar (opsonina) ou neutralização

3. morfologia: cadeias pesadas e cadeias leves

4. Fab x Fc
0. Medula Óssea Hematogênica

- célula tronco hematopoética
(pluripotente)

- célula linfoide ou mieloide
(multipotente)

- célula B ou T
(unipotente)

1. Maturação da Célula B

- Ocorre na Medula (IL-7)
- Processo de Seleção Positiva e Negativa

2. Maturação da Célula T

- Ocorre no Timo
(célula inespecífica e duplo negativo)
Maturação da Célula T no Timo
1. Região Cortical

- 1/3 superior
- 1/3 médio (células reticulares epiteliais secretoras de hormônios de ação parácrina)
- 1/3 inferior (Seleção Positiva)

2. Região Medular

- Seleção Negativa
- Competência Imunológica
Observações sobre o Timo
- Importância da Seleção Positiva e Negativa;

- Involução Fisiológica;

- Barreira Hematotímica;

- ACTH x Castração;

- linfócito cortical (mais corado) X linfócito medular (menos corado);

- Região Medular: Corpúsculos de Hassal;

- Células Reticulares Epiteliais (grandes, núcleo esférico à elíptico,
nucléolo grande e cromatina frouxa).

Full transcript