Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Livro da vida: O trabalho com narrativas de crianças e joven

No description
by

Laianne Vales

on 25 March 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Livro da vida: O trabalho com narrativas de crianças e joven

"A narrativa não é, portanto, somente o sistema simbólico no qual o pôr em forma da existência encontraria sua expressão: a narrativa é o lugar onde o indivíduo humano toma forma, onde ele elabora e experimenta a história de sua vida".

(DELORY-MOMBERGER,
2006, p. 6).
Apoiada, fundamentalmente, no espaço do "entre-dois", a narrativa acontece no interjogo entre locutores e ouvintes;

Estimula a elaboração de experiências pessoais e coletivas, pela integração da fala, da escuta, dos gestos e dos sentidos;

Muitas vezes a ausência do outro, o silêncio da violência, a ameaça de ruptura e o desamparo limitam ou impedem o processo de compartilhar, de re(construir) e de (res)significar o vivido;
Introdução:
Objetivo Geral:
Criar um espaço de elaboração e transmissão da experiência pessoal e coletiva por meio de oficinas autobiográficas;
Objetivos Específicos:
Ampliar o autoconhecimento e a construção/apropriação da história pessoal;
Favorecer a integração dos participantes entre sí e com os funcionários da instituição;
Sensibilizar os funcionários da intituição, em seus diferentes níveis hierárquicos, sobre a importância do trabalho com narrativas de vida;
Desenvolver com os participantes o material autobiográfico denominado
"LIVRO DA VIDA".
Questionamento:
" O quanto as instituições sociais, como sistemas simbólicos, podem favorecer seus membros compartilharem suas narrativas de vida ou, contrariamente, tenham essa experiência enfraquecida?"
Audrey Rossi Weyler
Ana Maria Brito do Vale
Renata Martins
Livro da vida: O trabalho com narrativas de crianças e jovens em abrigos
Método:
Primeiro Encontro:
Ampliar o autoconhecimento e a construção/apropriação da história pessoal;
Favorecer a integração dos participantes entre sí e com os funcionários da instituição;
Sensibilizar os funcionários da intituição, em seus diferentes níveis hierárquicos, sobre a importância do trabalho com narrativas de vida;
Desenvolver com os participantes o material autobiográfico denominado
"LIVRO DA VIDA".
População-alvo:
Instrumentos:
Duração:
Entrevista individual:
Abrigo localizado na cidade de São Paulo;
Capacidade para atender 20 crianças de 0 a 17 anos;
Motivos do afastamento familiar: abuso, abandono, miserabilidade e drogadição;
Intervenção realizada com 16 crianças, de 7 a 13 anos;
Divididos em dois subgrupos de 7 a 10 e de 11 a 13 anos.
Oficina denominada: "
LIVRO DA VIDA
";
Organizada em cinco capítulos: Quem sou eu?; Minha família; De onde eu venho e onde estou agora; Meu futuro, sonhos e aspirações e O que eu sei sobre a minha história?;
Termo de autorização.
Oito encontros, sendo um por semana.
Aplicação dos questionários individuais.
Objetivos:
Apresentação dos coordenadores;
Estabelecimento do enquadrante grupal;
Divusão dos dois subgrupos.
Atividade de aquecimento:
Atividade da sessão:
Construção do crachá.
Contar e desenhar uma história..
Segundo Encontro:
Iniciar a construção do "
LIVRO DA VIDA
", com o capítulo
Quem sou eu
?;
Ampliar o autoconhecimento;
Facilitar o reconhecimento das características pessoais, tanto positivas como negativas.
Objetivos:
Atividade de aquecimento:
Atividade da sessão:
"Cabeça, ombro, joelho e pé" - hobby
Autorretrato e Ficha de apresentação
Terceiro Encontro:
Seguir com o projeto "
LIVRO DA VIDA
", na elaboração do capítulo
Minha Família
;
Favorecer que os participantes construam uma descrição de suas famílias que seja própria e adequada a cada um;
Facilitar que os participantes reconheçam pessoas importantes que contribuíram e contribuem para seu crescimento;
Ampliar a experiência própria e compartilhada pelo reconhecimento de que não existe família ideal ou perfeita.
Objetivos:
Atividade de aquecimento:
Atividade da sessão:
Eu tenho em minha família um(a) ... / "sim ou não"
Árvore genealógica.
Quarto Encontro:
Seguir com a construção do "
LIVRO DA VIDA
" com o capítulo
De onde vim e onde estou agora;
Propiciar que os picipantes reconheçam, explorem e expandam informações sobre seus locais de nascimento;
Favorecer que os participantes reconheçam, explorem e expandam informações sobre onde se encontram agora.
Objetivos:
Atividade de aquecimento:
Atividade da sessão:
Meu país.
Onde nasci e onde estou agora.
Quinto Encontro:
Seguir com a construção do
"LIVRO DA VIDA",
elaborando o capítulo
Meu futuro
;
Favorecer que os participantes explorem e ampliem seus sonhos, expectativas e aspirações para o futuro.
Objetivos:
Atividade de aquecimento:
Atividade da sessão:
Dinâmica da casa.
O que eu espero para o meu futuro.
Sexto Encontro:
Conclusão do projeto
"LIVRO DA VIDA"
;
Construção da capa e organização dos capítulos;
Festa de encerramento.
Objetivos:
Atividade de aquecimento:
Atividade da sessão:
O trabalho em equipe.
Conclusão do projeto "
LIVRO DA VIDA
", com a construção da capa e organização dos capítulos.
Avaliação da intervenção:
Utilizou-se o questionário
O que eu sei sobre a minha história?
;
Feedback para os funcionários e diretoria sobre os trabalhos.
Análise dos dados levantados:
Antes da intervenção;
Após a intervenção
Conclusão:
"Todas as mágoas são suportáveis quando fazemos delas uma estória ou contamos uma história a seu respeito."
(Isak Dinesen)
Full transcript