Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914 - 1918)

No description
by

Mauro Silva

on 9 August 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914 - 1918)

PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914-1918)
OS TRATADOS DE PAZ

- Tratado de Versalhes - imposto à Alemanha, constava de 440 ítens:
* Pagamento de pesada indenização de guerra aos vencedores;
* Devolução da Alsácia e Lorena à França;
* Redução de seu exército a 100 mil homens;
* Proibição da união com a Áustria;
* Desmilitarização da Renânia;
* Entrega de Dantzig à Polônia;
* Entrega do carvão da região do Sarre por 10 anos à França;
* Entrega do Corredor Polonês à Polônia;
* Fim do serviço militar obrigatório;
* Entrega da marinha mercante, gado, locomotivas à Itália, Bélgica e França;
CONSEQUÊNCIAS DA GUERRA

- Formação de um novo mapa Europeu;
- Desenvolvimento de armas de destruição em massa;
- Criação da Liga das Nações;
- Consolidação dos Estados Unidos na posição de maior potência mundial;
- Fortalecimento da economia brasileira;
- Nascimento de novos nacionalismos;

O Brasil na Guerra
Fim do século XIX e início do século XX:
transformações na Europa
Segunda Revolução Industrial
Rússia e Alemanha: ambos dependiam do porto de Constantinopla para realizarem comércio com o Oriente, África e mar Mediterrâneo;
França e Alemanha: os franceses desejavam recuperar o território da AIsácia-Lorena, incorporado pela Alemanha durante sua unificação;
Rivalidades entre as nações européias:
INTRODUÇÃO
Inglaterra e Alemanha: concorrência comercial na disputa por rotas marítimas;

Rússia e Império Austro-Húngaro: a Rússia apoiava a independência de diversas regiões que estavam sob o domínio do Império Austro-Húngaro.
INTRODUÇÃO
a Áustria pretendia se apoderar de terras como a Bósnia na península balcânica.
INTRODUÇÃO
A Europa era uma espécie de barril de pólvora prestes a explodir.
INTRODUÇÃO
Tríplice Aliança: formada por Alemanha, Itália e Império Austro-Húngaro.
INTRODUÇÃO
Os primos-irmãos Guilherme II, imperador da Alemanha, e Jorge V, rei da Inglaterra, retratados com os uniformes trocados em um casamento real, em maio de 1913, um ano antes da eclosão da guerra. Suas nações eram ferozes inimigas industriais e navais e logo lutariam em campos opostos.
A política de alianças deixou a Europa mais tensa do que já estava.
O clima de paz armada não esfriou a rivalidade econômica e militar dos vizinhos e qualquer episódio de menor importância poderia decretar o início dos combates.
INTRODUÇÃO
O JAPÃO NÃO VAI FICAR PRA TRÁS DE NINGUÉM!
FALTA LUGAR NO MUNDO! TEMOS QUE  AUMENTAR MAIS A NOSSA MARINHA PARA ESTAR NELE.
OS OUTROS ESTÃO CRESCENDO PARA BATER O RECORDE - O CONGRESSO DEVE VOTAR POR UMA MARINHA MAIOR .
NÃO PODEMOS ESTAR ATRÁS DELES - O REICHSTAG DEVE ME DAR UMA MARINHA MAIS PARRUDA.
DEVO MANTER O 2 º LUGAR COM A INGLATERRA.
NOSSA MARINHA FLORESCENTE DEVE CRESCER DUAS VEZES MAIS RÁPIDO QUE QUALQUER OUTRO (OU  “ A GRÃ-BRETANHA VAI GOVERNAR O OCEANO’)...
atentado de Sarajevo - 28 de junho de 1914

Arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do trono austríaco, foi assassinado a tiros por um estudante sérvio.
A 1ª GUERRA MUNDIAL
Os combates que se estenderam de novembro de 1914 a novembro de 1917 são chamados de guerra de trincheiras.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

Os exércitos passaram a enfrentar todo o tipo de dificuldade:

a) os soldados não estavam devidamente preparados para utilizarem os novos armamentos da época (metralhadoras, carros de combate, aviões, submarinos, gases venenosos entre outros);

b) muitos soldados não morriam por ferimentos dos combates, mas de frio, fome, sede, doenças etc.

No período entre 1917 e 1918, poderíamos fazer o seguinte quadro:

A 1ª GUERRA MUNDIAL

apesar de enfrentar exércitos por todos os lados, a Alemanha ainda não havia sido invadida;
o exército russo não possuía armamentos modernos e, apesar de ser o mais numeroso, a participação da Rússia no conflito foi desastrosa e as sucessivas derrotas humilharam os soldados.
França e Inglaterra não davam sinais de que venceriam a Alemanha tão cedo.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

Tríplice Entente (1907) e aliados
Tríplice Aliança (1882) e aliados (Obs.: em maio de 1915 a Itália passa para o lado da Tríplice Entente)
Países invadidos pela Alemanha e Império Austro-Húngaro
Países neutros

MAPA DA EUROPA ANTES DO INÍCIO DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

Woodrow Wilson 28th U.S. President, served two terms from 1912 to 1921.

Quem se preocupava com a situação da guerra eram os banqueiros dos Estados Unidos, que haviam emprestado milhões de dólares para franceses e ingleses.
Com medo de não recuperarem o empréstimo, banqueiros norte-americanos pressionaram o presidente Woodrow Wilson a entrar na guerra. Isso aconteceu realmente em abril de 1917.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

A entrada dos EUA favoreceu a Tríplice Entente, que recebeu mais mantimentos, armamentos e contou com um número maior de soldados.
Enquanto isso, a Rússia abandonou o conflito em novembro de 1917, devido à revolução socialista ocorrida naquele ano.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

A Alemanha se rendeu em julho de 1918.
Dentro da Alemanha o movimento pelo fim da guerra era forte, devido às milhares de mortes de jovens e à crise econômica que tomou conta do país.
Os alemães terminaram os combates sem que seu país tivesse sido invadido.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

Para completar, o Kaiser (imperador alemão) abdicou do trono e o novo governo acabou com a monarquia.
A Alemanha se transformava na República de Weimar.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

Terminada a guerra, os exércitos alemães ainda ocupavam os territórios inimigos, sem que nenhum inimigo tivesse penetrado na Alemanha. Surgia a teoria da "punhalada nas costas", que seria muito bem explorada por Adolf Hitler.

O governo republicano da Alemanha passou a negociar os resultados da guerra, aceitando praticamente todas as imposições de seus adversários de guerra.

A 1ª GUERRA MUNDIAL

Assinado em 1919, com uma série de condições impostas aos países perdedores da guerra.
O presidente dos Estados Unidos pretendia uma rendição honrosa para os alemães.

A Inglaterra representada por LIoyd George e a França de Georges Clemenceau queriam vingança dos alemães.
O Tratado de Versalhes tinha mais de 400 artigos, mas vamos destacar apenas alguns:

O TRATADO DE VERSALHES

(C)copyright, Brooklyn College History Dept, 1997

The "Big Four" at the Paris Peace Conference: Lloyd George, Orlando, Clemenceau, Wilson

1. O Império Austro-Húngaro deixou de existir, dando origem a novos países como Tchecoslováquia, Hungria, lugoslávia, entre outros.

O TRATADO DE VERSALHES

2. A Alemanha foi declarada culpada pela guerra.
3. Os alemães deveriam pagar cerca de 11 bilhões de dólares como indenização.
4. O exército alemão não poderia ter mais de 100 mil soldados.
5. A Alemanha estava proibida de produzir armamentos.
6. As frotas aérea e naval deveriam ser destruídas ou entregues aos vencedores.

O TRATADO DE VERSALHES

* África Oriental Alemã (Deutsch-Ostafrika), hoje Tanzânia, Ruanda, Burundi.
* África Sul-Ocidental (Deutsch-Südwestafrika), hoje Namíbia.
* Togo (Togoland), hoje Togo

7. A Alemanha perdeu todas as colônias.

O TRATADO DE VERSALHES

8. A AIsácia-Lorena foi devolvida à França.

O TRATADO DE VERSALHES

Tratado de Versalhes
Final da guerra
Saída da Rússia e entrada dos EUA
Entrada da Itália ao lado da Entente

Início da guerra
Unificação da Alemanha
1919
1918
1917
1915

1914

1871
O CONTEXTO QUE ANTECEDE O CONFLITO
o crescimento das nações capitalistas;
disputa por territórios na África e na Ásia (colonialismo e imperialismo);
disputa por novos mercados consumidores e fornecedores.
Outros fatores:
com a unificação política, a Alemanha cresceu industrialmente;
a Itália pretendia crescer economicamente conquistando colônias na África;
Rússia e Sérvia se aliaram para tentar conquistar parte do Império Austro-Húngaro;
o crescimento alemão ameaçava o domínio político da França e da Inglaterra na Europa;
Os países passaram a unir os exércitos, dando origem às seguintes alianças:
Final do século XIX: o primeiro-ministro alemão Bismarck iniciou a política de alianças militares.
Tríplice Entente: composta por Inglaterra, França e Rússia.
Após o assassinato os austríacos decidiram realizar uma intervenção política na Sérvia.
A Rússia se aliou aos sérvios e, a partir daí, as alianças funcionaram como dominó.
Inglaterra e França decidiram pela guerra contra a Alemanha.
A Alemanha, em solidariedade aos austríacos, declarou guerra à Rússia;
a Rússia declarou guerra à Áustria-Hungria;
Entre 23 e 28 de julho, os exércitos já se movimentavam:
A Itália não manteve o seu trato na aliança militar.
Os primeiros meses de combate ficaram conhecidos como guerra de movimentos, pois os exércitos deslocavam-se muitos quilômetros em pouco tempo, tentando avançar sobre o inimigo.
Enquanto os italianos mudavam de lado, a Tríplice Aliança recebeu o apoio da Turquia e da Bulgária.
Possivel acordo secreto com Inglaterra e França: receberia uma recompensa territorial na África.
Os combates que se estenderam de novembro de 1914 a novembro de 1917 são chamados de guerra de trincheiras.
b) muitos soldados não morriam por ferimentos dos combates, mas de frio, fome, sede, doenças etc.
a) os soldados não estavam devidamente preparados para utilizarem os novos armamentos da época (metralhadoras, carros de combate, aviões, submarinos, gases venenosos entre outros);
Os exércitos passaram a enfrentar todo o tipo de dificuldade:
No período entre 1917 e 1918, poderíamos fazer o seguinte quadro:
França e Inglaterra não davam sinais de que venceriam a Alemanha tão cedo.
O exército russo não possuía armamentos modernos e, apesar de ser o mais numeroso, a participação da Rússia no conflito foi desastrosa e as sucessivas derrotas humilharam os soldados.
Apesar de enfrentar exércitos por todos os lados, a Alemanha ainda não havia sido invadida;
Com medo de não recuperarem o empréstimo, banqueiros norte-americanos pressionaram o presidente Woodrow Wilson a entrar na guerra. Isso aconteceu realmente em abril de 1917.
Quem se preocupava com a situação da guerra eram os banqueiros dos Estados Unidos, que haviam emprestado milhões de dólares para franceses e ingleses.
Woodrow Wilson28th U.S. President, served two terms from 1912 to 1921.
Enquanto isso, a Rússia abandonou o conflito em novembro de 1917, devido à revolução socialista ocorrida naquele ano.
A entrada dos EUA favoreceu a Tríplice Entente, que recebeu mais mantimentos, armamentos e contou com um número maior de soldados.
Os alemães terminaram os combates sem que seu país tivesse sido invadido.
Dentro da Alemanha o movimento pelo fim da guerra era forte, devido às milhares de mortes de jovens e à crise econômica que tomou conta do país.
A Alemanha se rendeu em julho de 1918.
Para completar, o Kaiser (imperador alemão) abdicou do trono e o novo governo acabou com a monarquia.
A Alemanha se transformava na República de Weimar.
O governo republicano da Alemanha passou a negociar os resultados da guerra, aceitando praticamente todas as imposições de seus adversários de guerra.
Terminada a guerra, os exércitos alemães ainda ocupavam os territórios inimigos, sem que nenhum inimigo tivesse penetrado na Alemanha
Surgia a teoria da "punhalada nas costas", que seria muito bem explorada por Adolf Hitler.
O TRATADO DE VERSALHES
Assinado em 1919, com uma série de condições impostas aos países perdedores da guerra.
A Inglaterra representada por LIoyd George e a França de Georges Clemenceau queriam vingança dos alemães.
O presidente dos Estados Unidos pretendia uma rendição honrosa para os alemães.
O Tratado de Versalhes tinha mais de 400 artigos, mas vamos destacar apenas alguns:
2. A Alemanha foi declarada culpada pela guerra.
3. Os alemães deveriam pagar cerca de 11 bilhões de dólares como indenização.
4. O exército alemão não poderia ter mais de 100 mil soldados.
5. A Alemanha estava proibida de produzir armamentos.
6. As frotas aérea e naval deveriam ser destruídas ou entregues aos vencedores.
7. A Alemanha perdeu todas as colônias.
8. A AIsácia-Lorena foi devolvida à França.
9. Os alemães reconheceram a independência da Polônia e cederam a ela um pedaço de território com saída para o mar (corredor polonês).
1. O Império Austro-Húngaro deixou de existir, dando origem a novos países como Tchecoslováquia, Hungria, lugoslávia, entre outros.
- Tratado de Sèvres -
Turquia teve parte de seu teritório dividido entre gregos (porção oriental), ingleses (Mesopotâmia e Palestina)e franceses (Síria);
- Tratado de Trianon -
Hungria entregou territórios à Tchecoslováquia, Iugoslávia e Romênia;
- Tratado de Neuilly -
Bulgária etregou parte de seu território à Grécia, Romênia e Iugoslávia;
- Tratado de Saint-Germain -
Áustria reconhecia a independência da Hungria, Tchecoslováquia, Polônia e Iugoslávia;
No plano econômico a guerra trouxe benefícios ao Brasil, pois o cerco alemão à Inglaterra e França encarecia os produtos importados, levado ao desenvolvimento da indústria nacional.
Apesar da neutralidade do Brasil na Guerra, três de nossos navios foram afundados por submarinos alemães, obrigando o então presidente Wenceslau Braz a declarar guerra à Tríplice Aliança.
FIM
Video do Youtube
Full transcript