Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

As Vanguardas

No description
by

Lucas Brandão

on 14 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of As Vanguardas

As VanGuardas Cubismo (+) Futurismo (+) Neoplasticismo (+) Fauvismo (-) Dadaismo (-) Construtivismo (-) Surrealismo (-) O cubismo começou no ano de 1907, quando Pablo Picasso terminou seu conhecidíssimo quadro As Senhoritas de Avignon.O cubismo é um tipo de arte considerada mental, ou seja, desliga-se completamente da interpretação ou semelhança com a natureza, a obra tem valor em si mesma, como maneira de expressão das ideias. É uma escola de cunho artístico e literário, em 20 de fevereiro de 1909, ele nasceu dos princípios expostos no Manifesto Futurista.Os futuristas navegavam pelas vertentes dos jogos, do idioma puro, do rompimento das regras tipográficas convencionais, optando pelo recurso às onomatopéias, figuras de linguagem com as quais é possível simular sonoridades através de um fonema ou de uma palavra. Neo-plasticisme do pintor holandês Piet Mondrian, publicado em Paris em 1920. O movimento, ou estilo, era também conhecido por "De Stijl". Assim, Mondrian restringiu os elementos de composição pictórica à linha reta, ao retângulo e às cores primárias, azul, amarelo e vermelho, aos tons de cinza, preto e branco. Esta construção é realizada através da ação e não por dons concedidos anteriormente ao sujeito, presentes na constituição dos genes ou no ambiente em que ele cresceu. Assim, este método pressupõe que é a partir da atitude que se instituem a mente e a consciência, assim como os nossos pensamentos. O Suprematismo e o Construtivismo russo foram os principais movimentos de arte vanguardista no início do século XX. Fauvismo é o nome dado à tendência estética na pintura que buscou explorar ao máximo a expressividade das cores na representação pictórica. A tendência fauvista não só revolucionou o uso das cores na pintura moderna como foi uma das origens dos posteriores movimentos de ruptura estética nas artes plásticas. O movimento artístico conhecido como Dadaísmo surge com a clara intenção de destruir todos os sistemas e códigos estabelecidos no mundo da arte. O dadaísmo é uma ideologia total, usada na forma de viver e como a absoluta rejeição de todo e qualquer tipo de tradição ou esquema anterior. O surrealismo procura expressar a ausência de racionalidade humana e as manifestações do subconsciente. Ele questionava as crenças culturais então vigentes na Europa, bem como a postura humana, vulnerável frente a uma realidade cada vez mais difícil de compreender e dominar. Abstracionismo (+) A arte abstrata procura expressar, transmitir e mostrar a qualidade e conteúdo de algo, sem forma definida. Não há na arte abstrata o objetivo de representar figuras concretas ou inerentes à realidade. O abstracionismo nasceu através de experiências de artistas vanguardistas europeus, que fugiam das normas acadêmicas, no início do século 20. O russo Wassili Kandinsky, falecido em 1944, é considerado pioneiro das obras não-figurativas. Abstracionismo geométrico ou formal : Formas e cores dadas a expressão geométrica. Expressionismo (-) O expressionismo é um movimento artístico que procura a expressão dos sentimentos e das emoções do autor, não tanto a representação objetiva da realidade. O expressionismo desenvolveu-se principalmente na Alemanha, onde surgiram importantes grupos de artistas. A I Guerra Mundial destrói o movimento, mas não o extingue, são justamente as desgraças da guerra que motivam outros artistas a retratar toda a dor provocada.
Full transcript