Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Construção de um teste de percepção de fala com figuras.

No description
by

Laís Flavia Souza

on 20 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Construção de um teste de percepção de fala com figuras.

Construção de um teste de percepção de fala com figuras.
Avaliação Figuras
Lista de palavras definitiva
Lista de Figuras
Lista de Palavras
No IPRF com a lista de palavras foi possível verificar
média de acerto de 64%, DP = 25%, Mediana = 64%.

24 crianças
apresentaram
valores igual ou menor que 88%,
enquanto que apenas seis apresentaram valores normativos, sendo estas com idade próximo a 4 anos.
2ª Etapa
Para verificar a eficácia do material elaborado, o mesmo foi aplicado em um grupo de crianças, na faixa etária de
2 anos a 4 anos e 11 meses,
que não tenham queixas de alterações quanto à aquisição e/ou desenvolvimento de linguagem e com
audição normal.
Metodologia
1) Seleção das palavras
Em nossa experiência clínica, durante a bateria de testes audiológicos, a maioria dos profissionais realiza o IPRF em crianças menores de 5 anos de idade com dificuldades.

> Relacionadas à aplicação do teste
, ou seja, como a criança ainda está em processo de aquisição dos fonema, os resultados obtidos sem apoio gráfico muitas vezes não correspondem à real capacidade de reconhecimento de fala (auditivo) da criança.

> A falta de figuras padronizadas
também dificulta a sistematização dos resultados e consequentemente o seguimento desta criança (monitorar o desenvolvimento da aquisição dos fonemas), principalmente nos casos de crianças com alteração/distúrbios de fala e/ou auditivo.








Objetivo:
Apresentar a construção de um material de apoio para respostas ao teste Índice Percentual de Reconhecimento de Fala (IPRF) em crianças.
Específicos:

Serem passíveis de representação gráfica
Pertencerem ao vocabulário das crianças
2) Seleção das figuras
Quatro figuras para cada palavra.
3) Avaliação das Fonoaudiólogas do serviço
Foram selecionadas as 25 palavras consideradas frequentes e regulares;

E as figuras que melhor representasse essas palavras.
Elaboração de listas de palavras monossílabas e dissílabas regulares e frequentes;

Seleção de figuras correspondentes às palavras;

Aplicação do material elaborado em um grupo de crianças

O trabalho foi desenvolvido em duas etapas:

1) Elaboração de um material com palavras monossílabas e dissílabas, regulares e frequentes, que pertencem ao vocabulário das crianças e figuras que possam representar essas palavras;

2) Constituiu em avaliar a aplicabilidade do material elaborado em crianças na faixa etária de 2 anos a 4 anos e 11 meses.

Lista de palavras
Avaliação Fonoaudiólogos
Material Final:
1ª Etapa
Procedimento: Lista de Figuras
Procedimento: Lista de Palavras
Resultados:
No IPRF com figuras foi possível verificar
média de acerto de 93%,

DP = 8%
,
Mediana = 96%.
Apenas nove sujeitos apresentaram valores igual ou menor que 88 % .
Simplificação de encontro consonantal
Redução de sílaba
Simplificação de consoante final
Frontalização de velar
Frontalização de palatal
Simplificação de líquida
Plosivação de fricativa
Posteriorização para velar
Posteriorização para palatal
Harmonia consonantal
Ensurdecimento de plosiva
Ensurdecimento de fricativa
Sonorização de plosiva
Sonorização de fricativa
Outros
Processos Fonológicos:
A utilização deste material gráfico
poderá fornecer informações importantes para os testes de reconhecimento de fala
,


Visto que testes de escolha forçada podem ser usados para fornecer medidas de produção de fala que são praticamente independentes da experiência do ouvinte.

A identificação, ou o reconhecimento de sons de fala, sem nenhuma restrição de contexto, pode ser muito difícil para esses sujeitos, e os resultados ruins não dão nenhuma informação adicional sobre sua habilidade em perceber, auditivamente, contraste de fala. (Barzaghi e Madureira, 2005 apud Boothroyd, 1985, 1996).
Monossílabas e Dissílabas
Full transcript