Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Paleobio: Mamiferos

No description
by

Paulo Asfora

on 10 June 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Paleobio: Mamiferos

Therapsida
Cynodontia
Mammalia
Tendências Evolutivas
Primeiros Mammalia
Era Mesozóica
Triássico
Jurássico
Cretáceo
Primeiros mamíferos eram pequenos e provavelmente noturnos
Extinção da maioria dos Synapsida
Provável origem dos mamíferos a partir dos Cynodontia
Amniota
Prof. Paulo Asfora
Disciplina de Paleobiologia
paulo.asfora@gmail.com
Aula 9
Pelos
Glândulas mamárias
Dois côndilos occipitais
Gestação (Placenta)
Ossículos do ouvido médio
Dentário e articulação mandibular
Heterodontia (difiodontia)
Quem são os mamíferos?
Synapsida
Primeiros amniotas a diversificar,
Dominaram
a fauna terrestre durante o
Permiano
e o
início do Triássico
;
Maioria das linhagens se
extinguiu no final do Permiano
,
Therapsida
foi uma das poucas
sobreviventes.
Mudança gradual na posição dos membros em relação ao corpo (modificação das cinturas)
Postura mais ereta permite um aumento das passadas
Pelicosauro
Cinodonte
Presença da
fossa massetérica
no dentário;
Desenvolvimento de
côndilos occipitais
;
Arcos zigomáticos
inflados lateralmente;
Incisivos em forma de espátulas;
Dentário expandido com ossos pós-dentário reduzidos,
Dentes pós-caninos com
cúspides acessórias
(nas faces anterior, posterior e lingual)
Ossos
palatinos
e
maxilares
expandidos posteriormente formando um palato ósseo secundário;
Costelas lombares
reduzidas ou fusionadas às vértebras
Os primeiros fósseis são do final do Triássico (+ de 200 m.a.) coexistindo com os Diapsida por ca. de 140 m.a.
A diversidade de formas dos primeiros mamíferos é pequena (em relação aos atuais),
Tinham tamanho corporal pequeno – o maior, do tamanho de um castor
Membros
: posição, forma das cinturas, articulações
Coluna vertebral
: perda das costelas lombares, redução da cauda
Crânio
: >fossa temporal, >masseter, >dentário, heterodontia, difiodontia, modificações na articulação mandibular

Aumento da capacidade locomotora
Aumento da taxa metabólica

Especializações alimentares
Especializações locomotoras
Especializações do tegumento
Especializações Sensoriais
Especializações reprodutivas
Levando a uma série de especializações...
Obter e processar alimentos de modo mais eficiente,
Suprir suas altas necessidades de energia,
Mastigam e engolem seu alimento - dentes e língua.
Dentes especializados na forma e função
Com substituição reduzida (2 dentições)
Endotermia é custosa: muita energia para gerar calor
Redução da perda de calor é um fator importante
Tegumento é um mecanismo de termorregulação nos mamíferos
Glândulas
Pelos
Gordura
Parecem ter funcionado inicialmente como parte do sistema sensorial,
Atuam como camada de isolamento térmico
As glândulas mamárias primitivas originaram-se
aparentemente a partir de glândulas apócrinas
sudoríparas cloacais
Sudoríparas,
Sebáceas,
Apócrinas
Além de funcionar como reserva energética, também atua como isolante térmico
Sistema Nervoso Central e orgãos sensoriais:
Teria aprimorado-se nos primeiros mamíferos para a ocupação do ambiente terrestre noturno.
Maior chance de sobrevivência, porém com grande investimento materno!
Ovos sem casca, retidos no útero da fêmea
Poucos filhotes (maior sobrevivência)
Placenta para nutrição, respiração e excreção do embrião
Cuidado parental (proteção)
Lactação
Dimetrodon
Dimetrodon limbatus
(250 Ma): um dos 1os. sinapsidas de gde. porte;
Estrutura dorsal: atração de parceiros sexuais e/ou recepção de calor;
Dentes gdes. e músculos mandibulares eficientes: captura de presas gdes;
Palato arqueado: fluxo de ar sobre o alimento dentro da boca;
Extensão óssea na mandíbula: permitia a recepção de sons.
Dicynodontia
Pequenos a grandes herbívoros com
2 presas
Mais de 70 gêneros,
Um dos vertebrados terrestres de maior sucesso em termos de longevidade, abundância e distribuição geográfica
Apenas 2 famílias sobreviveram à extinção do Permiano:
Lystrosauridae
e
Proterosuchidae
Várias características
similares à anatomia mamaliana
sugerem um aumento do metabolismo.
Pelos?
Synapsidas mais antigos conhecidos,
No início do Permiano, os Pelicosauros representavam aprox. 70% dos amniotas,
Grupo parafilético
Pelicosauros
Edaphosaurus
Redução ou perda do escudo temporal com o aumento gradativo da
fossa temporal
Músculos mandibulares
migrando para a caixa craniana, crista sagital e arco zigomático
Caninos superiores
bem desenvolvidos = boa capacidade de predação
Em relação à estrutura corporal, é díficil separar os Cynodontes dos Mamíferos.
Início da diversificação dos mamíferos,
Pequena diversidade de formas e pequeno tamanho corporal,
Membros abaixo do corpo
: melhor sustentação, passos maiores, maior velocidade
Membros adaptados para caminhar, correr, trepar, cavar, nadar, voar,
Coluna vertebral
com cinco regiões
diferenciada
s,
Perda das costelas lombares
: permite locomoção e respiração simultâneas
Pouca luminosidade
Longas distâncias
Transmissão no ar
Que características?
Que características?
Origens das glândulas mamárias
Glândulas mamárias,
Pelos,
Mandíbula composta pelo dentário: articulação dentário-esquamosal,
Esmalte prismático nos dentes,
Ossículos do ouvido médio,
Dentição
Grande Intercâmbio Biótico Americano
Vida no Cenozóico
Origem
Paleozóico
Synapsida
Pelicosauros
Articulação mandibular e ossos do ouvido médio
Origem e Evolução dos Mamíferos
Mammalia
Mammaliformes do Mesozóico
Era Cenozóica
Os primeiros fósseis são do final do Triássico (+ de 200 m.a.), coexistindo com os Diapsida por ca. de 140 m.a.
Já apresentavam especializações morfológicas e ecológicas
Tinham tamanho corporal pequeno – o maior, do tamanho de um castor
Australosphenida (Monotremata)
Mamaliaformes: grupo parafilético
de
"mamíferos"
basais do Jurássico e Cretáceo,
Caracterizados pela presença de dentes com três cúspides
Multituberculata
Linhagem completamente extinta,
Durou aprox. 100-120 m.a.
Distribuída globalmente
Semelhantes a roedores
Mais de 200 spp., do tamanho de camundongos a castores,
Surgem no Jurássico Superior, auge no Paleoceno, extintos no Oligoceno.
Incisivos aumentados, principalmente os inferiores, com presença de diástema,
p4 formando lâmina serrilhada
Molares com grande número de cúspides
Cretáceo Inferior da Austrália
Steropodon,
do Mioceno, com dentes semelhantes ao ornitorrinco
Dentes de ornitorrinco encontrados na Argentina: provável origem gondwânica
Salve-se, mamífero! Eu te dou cobertura!
Adelobasileus
Primeiro mamífero?
Repenomamus
Volaticotherium antiquum
Castorocauda
Hadrocodium wui
Eutheria
Sinodelphys szalayi
125 m.a.
Cretáceo Inferior da China
Metatheria
Biogeografia
"steam" mammaliaformes
Mammalia
Mammalia - Linnaeaus
"...o clado definido pelo ancestral comum de
Sinoconodon
, dos monotremados e dos Theria "crown" e todos os seus descendentes."
Sinoconodon
-Luo et al. (2002)
~Mammaliaformes: Rowe
"...o clado consistindo do ancestral comum mais recente dos monotremados viventes e dos Térios e todos os seus descendentes."
- Meng (2014)
~Crown Mammalia
(Bi et al., 2014)
Cynodontes do Mesozóico
Sinoconodon
Articulação mandibular
Ouvido médio
Molares tribosfênicos
Mammalia (crown group) extintos
Eutriconodontes
O predador de dinossauros!!
Cladotheria
Juramaia sinensis
Eomaia scansoria
Placentaria
Afrotheria
Xenarthra
Euarchontoglires
Laurasiatheria
Glyptodon
Megatherium
Liptoternos
Macrauchenia
Deinotheirum
Gonfotérios
Proboscídeos
Mastodontes
CETARTIODACTYLA
Rodentia
Josephoartigasia monesi
Chiroptera
Icaronycterys
Carnivora
Smilodon
Sirenia
Brasilitherium
Triássico Tardio (~230 m.a.)
Argentina
Probainognathus
227 m.a.
Rio Grande do Sul
225 m.a.
Texas
Probainognathia
Morganucodon
Articulação mandibular dupla
Polifiodonte
40-50 cm
500-800g
Maior mamífero do Jurássico!
Pelagem em duas camadas
Cauda achatada
Pés com membranas interdigitais
Membros anteriores escavadores
Dentes afiados: dieta aquática
164 m.a.
{
Cenozóico
Cretáceo
Jurássico
Triás.
Euharamiyida
Allotheria
Costelas lombares
+
Monotremata
Mamíferos viventes
Australosphenida
Boreosphenida
Monotremata
Metatheria
Marsupialia
Eutheria
Eutheria
Australosphenida
Boreosphenida
Monotremata
Metatheria
Metatheria
15 cm = 30g
Escansorial-arborícola (garras)
125 m.a.
Cretáceo Inferior da China
Pucadelphys andinus
65-55 m.a.
Paleoceno da Bolívia
Primeiro registro de comportamento social
Cretáceo Inferior da China
ca. 125 m.a.
Placentaria
Jurássico Médio da China
ca. 160 m.a.
90-60 m.a.
Presença de ossos epipúbicos
10 cm = 20-25g
Presença de ossos epipúbicos
Turbinados
Antes dos mammaliformes...
Primates
Full transcript