Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Pais\Cultura

No description
by

Carlos Pedro

on 25 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Pais\Cultura

Trabalho realizado pro:
Carlos Pedro
Fábio Cabral
Mauro Lourenço

Japão e a sua Cultura
Japão
A sua origem
14 mil a.C. - O Japão teve origem na civilização de Jomon que ocupou as ilhas nipónicas no final da quarta glaciação
por volta de 200 a.C. - Este período encerrou-se, quando uma nova cultura, conhecida como Yayoi, com origens na Sibéria possivelmente migrou da Península Coreana para o Japão, trazendo consigo novas influências culturais que caracterizaram este período.

Japao
a sua origem
O Japão é um país insular da Ásia Oriental, localizado no Oceano Pacífico.
É composto por 6 852 ilhas, cujas quatro maiores são Honshu, Hokkaido, Kyushu e Shikoku, representando em conjunto 97% da área terrestre nacional.
O relevo japonês caracteriza-se pelo domínio de dobramentos modernos, que ocupam a maior parte do país e são marcados por uma intensa atividade vulcânica.
É na Ilha de Honshu que se encontra as maiores elevações como o Monte Fuji de 3.776 metros de altura.
Geografia
Artes Plásticas
Escultura
Artes Cénicas
Artes Marciais
Artes Japonesas
A cultura popular do Japão não reflete apenas as atitudes e preocupações do presente mas também fornecem uma ligação com o passado. 
Filmes, programas de televisão, manga, música e Video game desenvolveram-se de antigas tradições artísticas e literárias, sendo que muitos de seus temas e estilos de apresentação podem ser atribuídos a formas de arte tradicionais.
A forma contemporânea de cultura popular, assim como as formas tradicionais, fornecem não apenas entretenimento mas também uma válvula de escape para que os japoneses possam fugir um pouco dos problemas de um mundo industrial.

Cultura Popular

Kabuki
Forma de teatro japonês, conhecida pela estilização do drama e pela elaborada maquilhagem usada pelos atores.

Remonta ao início de século XVII, quando se parodiavam temas religiosos com danças de ousada sensualidade.

Artes cénicas

Devido à sua longa história culinária, os japoneses desenvolveram uma culinária fina e sofisticada.
Nos últimos anos, a comida japonesa tornou-se muito popular no mundo ocidental. Pratos como sushi, tempura e takoyaki são algumas comidas que são conhecidas.
De acordo com o Instituto de Pesquisa Cetácea do Japão, "a pesca baleeira e os pratos com carne de baleia são uma parte da culinária japonesa", sendo que o Japão é maior consumidor de carne de baleia do mundo. 
Acredita-se que a dieta japonesa saudável tem relação com a longevidade do povo japonês.


Gastronomia

Vestuário

A língua japonesa, fluída e escrita com pincel, levou ao desenvolvimento de uma complexa técnica de caligrafia.
A arte caligráfica costuma ser muito esotérica para as exposições do ocidente, além da exposição geral ser muito limitada
nos países do leste asiático a produção gráfica de um texto é vista como uma forma de arte tradicional, bem como um jeito de transmitir informações por escrito.
A obra escrita pode consistir de frases, poemas, histórias ou apenas simples ideogramas. O estilo e o formato da escrita podem imitar conceitos subjetivos, até mesmo o ponto da textura e a velocidade das pinceladas.
Pode-se gastar mais de cem tentativas para produzir um efeito desejado em um único ideograma, mas o processo de criar a obra é considerado uma arte em si mesma, além do próprio produto final.
Caligrafia

Bunraku, ou teatro de bonecos japonês,
É uma herança da cultura popular e serve para contar as histórias do Japão antigo.
Com movimentos quase humanos e vestidos com quimonos, os bonecos transformam-se em verdadeiros atores no palco. Ao fundo, o som do shamisen marca o compasso da narrativa e o movimento dos bonecos dá a impressão de que têm vida própria.

Artes cénicas

Kyōgen
Forma cómica de teatro japonês. Atores Kyōgen vêm de famílias especificas e usam técnica teatral própria, normalmente as peças Kyōgen são apresentadas entre duas peças Nogaku.
Esta forma de teatro surgiu no século XV.

Artes cénicas

Nogaku

Forma clássica de teatro profissional japonês, que combina canto, mimica, música e poesia.
Executado desde o século XIV é uma das formas mais importantes do drama musical clássico japonês.

Artes cénicas

A vegetação caracteriza-se pelo predomínio de florestas, que cobrem a maior parte dos conjuntos montanhosos do país, tornando-o uma das nações mais arborizadas do mundo.
Os cursos fluviais são de pequeno porte, devido à pequena extensão das ilhas. No entanto, são intensamente aproveitados, destacando-se a irrigação e a produção de energia elétrica, favorecida pelo encachoeiramento de seus rios.

Ambiente Natural

Religião

A religião no Japão é influenciada pelo Xintoísmo, o Budismo, e outras.
Muitos japoneses consideram-se tanto xintoístas quanto budistas. Nos sentimentos religiosos da maioria dos japoneses, o Xintoísmo e o Budismo coexistem pacificamente. Para a maioria da população, filiação religiosa não significa frequência e adoração regulares.
Entre os eventos anuais incluem-se os festivais dos santuários xintoístas e dos templos budistas, a primeira visita anual ao santuário ou templo e a visita ao túmulo da família durante o Festival dos Mortos.
Entre os rituais de passagens da vida de uma pessoa, incluem-se a primeira visita ao santuário pelo recém-nascido, o Festival Shichi-go-san que consiste na visita ao santuário de meninos de 3 e 5 anos e de meninas de 3 e 7 anos de idade, a cerimônia xintoísta de casamento e o funeral budista.


Jardins

O vestuário japonês distingue o Japão de todos os outros países do mundo.
Originalmente, a palavra kimono era usada para todos os tipos de roupa, mas com o passar do tempo, ela passou referir-se especificamente ao vestido longo, que é ainda hoje usado em algumas ocasiões especiais por mulheres, homens e crianças.
Existe uma grande variedade de cores, estilos e tamanhos.
Os homens geralmente usam cores mais escuras, enquanto mulheres tendem a usar cores mais brilhantes e frequentemente com desenhos florais ou abstratos.
O estilo de kimono também muda com o passar das estações.
Na primavera, os kimonos possuem cores vibrantes com flores bordadas neles. No outono, as cores já não são tão brilhantes, com desenhos da estação. Kimonos de flanela são ideias para o inverno, pois são feitos de um material mais pesado que ajuda a reter o calor.
Um dos mais elegantes kimonos é o Uchikake, um longo vestido de seda usado em cerimônias de casamento normalmente decorado com desenhos de pássaros e flores usando fios de prata e ouro.

A arquitetura de jardins é tão importante quanto a arquitetura de construções
é muito influenciada pela origem histórica e religiosa.
Ainda hoje, a pintura com tinta monocromática é a forma de arte mais associada ao budismo zen.
Um princípio primário de design de um jardim é a criação de uma paisagem na qual ela será baseada, ou pelo menos, muito influenciada pela pintura de paisagem com tinta monocromática em três dimensões, sumi-e ou suibokuga

Exemplos de arquitetura tradicional podem ser vistos em templos, santuários xintoístas e castelos japoneses em Kyoto e Nara. Algumas dessas construções foram feitas com jardim japonês, que foram influenciados por ideias zen

A arquitetura japonesa tem uma história tão longa quanto qualquer outro aspeto da cultura japonesa.
Originalmente muito influenciada pela arquitetura chinesa, ela desenvolveu muitos aspetos e diferenças que só podem ser vistos no Japão.

Arquitetura

Nanbudo
Ninjutsu
Ninjutsu Taifujutsu Tamashido
Nippon Kempo
Shindo Yoshin Ryu
Shidokan
Shinkendo
Shintaido
Shintai Do
Shoot boxing
Shooto
Shorinji kempo
Shotokan
Shukokai
Sojutsu
Sumo
Taido
Taiho-Jitsu
Taijutsu
Tenshin Shōden Katori Shintō-ryū
Toyama Ryu
Yabusame
Yagyu Shingan-ryu


Aikido
Battojutsu
Bujutsu
Bujinkan
Karatê - Arte das mãos vazias
Daito-ryu aiki-jujutsu
Genbukan
Goshin Jujitsu
Hakko Ryu
Iaido
Iaijutsu
Jinenkan
Judo
Jujutsu
Kendo
Kenjutsu
Kempo ou Kenpo
Kenpo kai
Kobudo
Kyokushin
Kyudo
Naginata-do
Nakamura Ryu


Artes marciais

As esculturas tradicionais japonesas consistiam principalmente em imagens budistas.
As esculturas eram geralmente cobertas com ouro ou uma tinta opaca ou brilhante, havendo alguns pequenos traços em sua superfície. Bronze e outros metais também eram usados.


Ikebana é a arte japonesa dos arranjos florais, que ganhou fama devido ao seu foco na harmonia e simplicidade dos arranjos.
Artes plásticas


Sua origem está no Oricom Shohatsu (Teatro das Sombras), que na época feudal percorria diversos vilarejos contando lendas por meio de fantoches. Essas lendas acabaram sendo escritas em rolos de papel e ilustradas, dando origem às histórias em sequência, e consequentemente originando o manga. Vários mangas dão origem a animes para exibição na televisão ou cinemas.


Manga E Anime

A palavra anime tem significados diferentes para os japoneses e para os ocidentais. Para os japoneses, anime é tudo o que seja animação, seja ele estrangeiro ou nacional. Para os ocidentais, anime é toda a animação que venha do Japão.


Ukiyo-e é um género de pintura em madeira que era popular na arte japonesa do período pré-Meiji.
Escultura
A dieta do movimento hippie era a naturalista, que defende uma alimentação voltada ao natural e cultivavam suas próprias hortas. O movimento defendia todas as formas de vida e como tal, eram grandes defensores dos direitos dos animais, contra o uso de pelo e das peles e contra o consumo de carne, peixe e mariscos. Ovo-lacto vegetarianismo envolve o consumo de ovos, mel, de leite e dos seus derivados.
Alimentação
As principais características dos hippies é que eles não comem carne, não possuem residência fixa, gostam de estar em contacto com a natureza e aprovam a livre prática do sexo.
O estilo é muito questionado pelos conservadores, mas se trata de uma opção de vida que deve ser respeitada.
 Os adeptos a cultura são totalmente contra a violência, possuem suas próprias gírias e gostam de propagar a paz.



As Características


Hippies quer dizer JOVEM relaxado, e com os cabelos longos, jovem rebelde dos anos 60 que aceita a liberdade sexual e o uso de drogas


Hippies
Também apreciavam o Goa Trance, isto, quando hippies viajantes, busca dores espirituais e um sem-número de pessoas ligadas a manifestações de contracultura, munidos de conhecimento técnico de produção de música eletrónica e de um puro desejo de curtir e experimentar, desenvolveram, de forma intuitiva, um novo estilo sonoro. Um dos principais fundadores deste movimento foi Goa Gil.

Rock psicadélico, The Beatles, Janis Joplin, Jimi Hendrix, Led Zeppelin, , The Doors, Pink Floyd, The Kinks, Bob Dylan, Raul Seixas, Neil Young, Mutantes, Zé Ramalho
Secos & Molhados: (musicas Brasileiras) os tropicalistas (Caetano Veloso, Gilberto Gil etc.), Novos Baianos, A Barca do Sol
Soft rock como Sonny & Cher, hard rock como The Who etc.


Estilos Músicas

Bode – Confusão
Capanga – Bolsa
Coroa - pessoa não-jovem (mais de 50anos)
Dar o cano - quebrar compromissos
Dar um giro - sair, passear


Paz e amor - Tranquilo, tudo bem
Barra – Dificuldade
Bicho – Amigo
Parada – Negócio
Bicho Grilo – Hippies
Bicho grilês - Idioma dos Hippies


Algumas da gírias usadas

O vestuário hippie faz muito sucesso, ele consiste em roupas repletas de cores que transmitem bem a originalidade do grupo.
As roupas velhas e naturalmente rasgadas, para ir em oposição ao consumismo, ou então roupas com cores berrantes para fazer apologia à psicadélica, além de diversos outros estilos incomuns (tais como calças boca-de-sino, camisas tingidas, roupas de inspiração indiana).


Vestuário


Cultura Hippies
A Cultura Hippies teve o seu auge na década de 70 e até hoje continua conquistando muitos adeptos.
Os primeiros grupos surgiram nos Estados Unidos, eles tinham um modo de vida bem interessante, quebrando qualquer padrão estabelecido pela sociedade.


O Islamismo
O Islamismo proíbe o consumo de carne de porco, drogas (produtos que causam dependências), O consumo de bebida deve ser saudável e é uma obrigação levar a vida saudável.

Os muçulmanos acreditam que esta vida é uma provação para uma próxima vida no reino de Deus.
Idade Média - O mundo muçulmano foi o centro das pesquisas científicas, e destacou-se no desenvolvimento da matemática, arquitetura, astronomia, navegação, medicina.
Os árabes introduziram o papel na Europa e inventaram o arco ogival, sem o qual os europeus cristãos não poderiam construir as catedrais góticas.
Enviaram o damasco, açúcar e arroz para a Europa.
 
Os números romanos, de difícil manuseio para cálculos, foram substituídas pelos algarismos arábicos (1,2,3,4,5,6,7,8 e 9) que são usados até hoje pela maioria dos países do mundo.

Os árabes introduziram também na Europa, a ideia hindu do zero, e a ideia de arranjarem os números no sistema decimal.

Norma


Comer com a mão direita. Se for convidado para um repasto muçulmano, deve retirar os sapatos antes de entrar. Sentar-se-á no chão coberto com tapetes, as solas dos seus pés não devem apontar para outra pessoa.
As refeições são à base de peixes, carne de carneiro, carne de camelo e aves. O tempero vai de médio a forte e os doces são muito saborosos. Servem muita fruta também. O muçulmano esmera-se no preparo dos pratos e na degustação.
Os muçulmanos são, por natureza, discretos. Seja nas lojas, seja em sociedade, falam sempre num tom de voz bastante baixo. Pausado. Calmo. Gostam de mostrar a sua hospitalidade.
Quem conhece o Ramadão compreende melhor o povo muçulmano. Trata-se de uma lei civil e religiosa que proíbe durante um determinado mês no ano a ingestão de comida ou água e o consumo de cigarros antes que o sol se ponha. Todo ano o Ramadão acontece, e quem não o segue é punido no céu com a ira e Alah.
Costumes de comer


Peixes todos os tipos.
Todos os tipos de aves domésticas, perdizes, pombos.
Cabras, carneiros, gado, camelo, coelho e búfalo.


Gastronomia
Vida do profeta Maomé


O Islamismo é uma verdade que Deus revelou ao profeta Mohammad (Maomé), não é somente uma religião é um sistema de vida completo.
 Os muçulmanos seguem o livro sagrado Alcorão (Qur´ãn), que contém a última mensagem revelado por Deus à humanidade.
Os muçulmanos creem num único Deus; nos Anjos; nos profetas que trouxeram revelações de Deus a humanidade; no fim do mundo; no juízo final, onde todos prestarão contas de seus atos a Deus. Deus tem autoridade no destino do homem e na sua morte.
Os profetas portadores das revelações de Deus são; Adão, Noé, Abraão, Ismael, Isaac, Jacó, José, Jó, Moisés, Arão, Davi, Salomão Elias, Jonas, João Batista e Jesus Cristo. O último profeta de Deus é "Mohammad", que revelou as verdades de Deus por intermédio do Anjo Gabriel.
Significado do Islão
"Islam" (em árabe) significa "submissão", "rendição", "entrega", que é derivada de uma outra palavra que significa paz.
No sentido religioso, Islam, significa "total submissão à vontade de Deus".
"Alah" é a palavra árabe que designa Deus. Os católicos nas missas em árabe usam esta palavra, assim como os protestantes (igrejas evangélicas) nos seus cultos árabes, usam a palavra Alah quando se referem a Deus.
"Muçulmano" é aquele que faz ou pratica o Islã (Islam).

Caracterização do Islamismo

O CAMINHO A DEUS ATRAVÉS DA SUBMISSÃO


O Islamismo não é uma religião nova.
Tem aproximadamente 1500 anos
é tão antiga quando o cristianismo.
Hoje tem cerca de 1.300.000.000 – 1.500.000.000 da população mundial - (Um quinto da população do planeta).  
É a religião que mais cresce, cerca de 70% dos intelectuais que se convertem a uma crença, escolhem o islamismo.
Praticamente em todos os países do mundo existem muçulmanos. 
No mapa podemos observar os paises onde a maioria da população é mulçumana.

HIPPIES
Muhammad (Maomé) era da tribo de coraich e nasceu na cidade de Meca no ano de 570.
Aos 40 anos de idade, de acordo com a tradição, recebeu a visita do anjo Gabriel que lhe transmitiu a existência de um único Deus.
A partir deste momento, começa a sua fase de pregação da doutrina monoteísta, porém encontra grande resistência e oposição. As tribos árabes seguiam até então uma religião politeísta, com a existência de vários deuses tribais.

Maomé começou a ser perseguido e teve que emigrar para a cidade de Medina no ano de 622. Este acontecimento é conhecido como Hégira e marca o início do calendário muçulmano.

Em Medina, Maomé é bem acolhido e reconhecido como líder religioso.
Consegue unificar e estabelecer a paz entre as tribos árabes e implanta a religião monoteísta. Ao retornar para Meca, consegue implantar a religião muçulmana que passa a ser aceita e começa a se expandir pela península Arábica.
Reconhecido como líder religioso e profeta, faleceu no ano de 632. Porém, a religião continuou crescendo após sua morte.

FIM
Full transcript