Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Escola de Birmingham

No description
by

Jéssica Ellwanger

on 7 April 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Escola de Birmingham

O meio é a mensagem.
Contexto
Mais conhecida como Escola dos Estudos Culturais
Inglaterra, meados do século XX
Visão marxista

Preocupação
: como as pessoas lidam com o conteúdo das mídias; leituras conflitivas e contextos culturais divergentes
Cultura das classes baixas x Cultura das classes altas


Principais nomes
Professores do Centre for Contemporary Cultural Studies (fundado em 1964 na Universidade de Birmingham):

Richard Hoggart (1918-)
The Uses of Literacy (1957)

Raymond Williams (1921-1988)
Culture and Society (1958)

E.P. Thompson (1924-1933)
The Making of the English Working Class (1963)

Stuart Hall (1932-)
“Codificação / Decodificação” (artigo de 1973, publicado no livro brasileiro Da Diáspora)
A Identidade Cultural na Pós-Modernidade (1997)

Bases
- Hoggart: submissão e resistência na leitura dos meios, nas classes baixas inglesas.

- Williams: a relação entre cultura e mídias; as mídias absorvem da cultura popular para construir seu conteúdo, mas acabam prejudicando esta mesma cultura.

- Thompson: perspectiva marxista da história; cultura enquanto mistura e enfrentamento de modos de vida diferentes (em oposição a Williams, que vê uma cultura unificadora).

- Hall: o significado de um texto/conteúdo midiático encontra-se em algum ponto entre o produtor e o leitor. Mesmo que o produtor codifique o texto de determinada forma, o receptor o decodificará de uma forma um pouco diferente – o que o autor chama de “margem de entendimento”.

- O principal entendimento dos Estudos Culturais é de que a cultura é um conceito complexo e uma forma pouco definida, que reúne diferentes vivências e interpretações diversas, que influem em como as pessoas lêem/ouvem/vêem os meios de comunicação. Com isso, os Estudos Culturais fundaram a corrente de pesquisa, hoje bastante forte (especialmente no Brasil), dos Estudos de Recepção.
Escola de Birmingham
Full transcript