Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Fanor Semanau

No description
by

CAMILA OSUGI

on 19 November 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Fanor Semanau

A cor é um fenómeno físico.
Esta é gerada pela luz.

Sem luz não há cor!
Em 1666, explicou que a luz do Sol quando atravessa um prisma de vidro se decompõe em sete cores:
Vermelho,

Laranja,

Amarelo,

Verde,

Azul,

Anil
e
Violeta
Em 1810, levantou questões que ampliaram os domínios de estudo da cor, incluindo campos como o da Fisiologia e Psicologia.

"A cor é a música dos olhos."
Joahannes Itten 1888 – 1967
Ele desenvolveu sete metodologias de coordenação de cores, utilizando as propriedades:

O contraste de saturação;
O contraste de luz e sombra;
O contraste de extensão;
O contraste de complementos;
O contraste simultâneo;
O contraste de matiz;
O contraste de quente e frio
Lu
z

&

C
o
r
Isaac Newton 1643 — 1727
Wolfgang Von Goethe 1749 — 1832
Wassily Kandinsky 1866- 1944
Albert Henry Munsell 1858 - 1918
Desenvolveu um sistema de ordenação de cores uniforme e objetivo, que possibilita um arranjo tridimensional destas num espaço cilíndrico.
Síntese aditiva
Cor-Luz
Síntese subtrativa
Cor-Pigmento
A luz branca é o somatório de 3 luzes de coloração primária: o vermelho (Red); o verde (Green); e o azul violeta(Blue).

A composição por RGB é utilizada em aparelhos emissores de luz, como por exemplo os televisores, projetores e monitores.
A síntese subtrativa baseia-se em três tintas (cor pigmento) principais, responsáveis por subtrair as três luzes do sistema RGB, são elas: o Ciano (Cyan); o Magenta; e o Amarelo (Yellow).
Temperatura da Cor
Cores quentes
Transmitem um efeito ou sentimento positivo, dão a sensação de atividade, de alegria, de dinamismo, de confiança e amizade.
Cores Frias

Transmitem ao observador uma sensação de frieza, mas também de tranquilidade, de seriedade, de distanciamento.
Fatores
As cores que vemos depende da temperatura de cor das fontes de iluminação que luminam a cena observada.
Impressionismo foi um movimento artístico que surgiu na pintura europeia do século XIX.
O nome do movimento é derivado da obra Impressão, nascer do sol (1872), de Claude Monet.
Impresionismo

Na síntese aditiva, as cores primárias são o vermelho, o verde e o azul, sendo as secundárias o amarelo, o azul-ciano e o magenta.
À junção das cores-pigmento denominamos síntese subtrativa.
CMY - Cyan, Magenta, Yellow
É uma substância sólida, constituída por pequenas partículas de cor. Pode ser de origem orgância (vegetal ou animal) ou de origem inorgânica (mineral).
O Círculo Cromático
Itten foi um pintor e teórico da cor que contruiu um círculo cromático para o estudo da cor-pigmento.

Considerou três grupos de cor: primárias, secundárias e terciárias.
Cores primárias
Quando falamos de cor-pigmento, designamos por cores primárias o azul-ciano, o amarelo e o magenta. Estas cores são assim designadas porque não são obtidas por mistura de nenhuma outra cor.
Cores secundárias
As cores secundárias são aquelas que se obtêm por mistura das cores primárias, duas a duas em percentagens iguais.
Cores terciárias
As cores terciárias obtêm-se por mistura de uma cor primária e de uma cor secundária, duas a duas em percentagens iguais.
Cores
Complementares
As cores que no círculo cromático se situam no lado oposto uma da outra, são chamadas cores complementares.
Cores Neutras
Preto Branco Cinzento
Cores Frias
Cores Quentes
Chamamos sensação térmica da cor à distinção que fazemos entre cores quentes e cores frias.
Ambientes Quentes
Ambientes Frios
Tom
As qualidades
da Cor

Luminosidade
Intensidade
Matiz
O tom é a qualidade que designa a cor. Refere-se a maior ou menor quantidade de luz presente na cor.
Luminosidade
É a qualidade relativa à luminosidade da cor.
Intensidade
É a qualidade relativa à pureza da cor.
Contraste das cores
Uma das formas de usarmos as cores com maior expressividade é associá-las de forma original e criativa.
SINESTESIA
Pigmento:
ENTÃO...
ASSIM...
Mas devemos sempre lembrar que existem vários enfoques a ser abordados: ótica, sociologia, antropologia entre outros.



Roxo - O lilás e o roxo equivalem à sabedoria, ao espiritual. Um leve toque do roxo demarca o poder e autoridade. Não no sentido de poder arbitrário, mas autoridade através da sabedoria e do conhecimento. Quando variado para tons de violeta, oferece seu poder de tranqüilidade e de aceitação da vida para ajudar nos processos de insônia.

Num todo, cada cor, além de sua ação psicológica individual provoca atitudes diferenciadas conforme a combinação criada.
Por exemplo, o vermelho determina um comportamento junto ao verde, que é diferente daquele ocasionado junto ao laranja. Importa, por conseguinte, examinar as propriedades psicológicas das diferentes cores quando relacionadas entre si.

Na Arquitetura de Interiores
existem infinitas possibilidades...
Por isto é importante ressaltar que as cores cada uma com sua singularidade tem um poder sobre todos nós, porém dependendo da experiência positiva ou negativa relacionada a cada uma delas canaliza de forma diferente nossas emoções.
Branco - Vibrante e estimulante por ser a união de todas as cores, o branco é como se fosse um arco-íris. Como cada uma das pessoas já carrega uma determinada vibração, é bom saber dosar o uso dessa cor. Transmite higiene, claridade, amplia as situações. Produz troca de energia e capta bem a energia solar. O branco favorece a clareza, mantendo a verdade nua e crua. Pode tornar um ambiente monótono, levando à dispersão.
Preto - A cor preta possibilita o mistério e mantém as intenções no anonimato. Instiga a curiosidade das pessoas, ao mesmo tempo em que se consegue passar desapercebido com ela, que camufla as verdades ao exterior. Capta o que acontece sem dizer a que veio. Protege das cargas negativas, mas por outro lado não deixa fluir a energia e, assim, não renova a carga energética do ser humano.
Vermelho - Vínculo afetivo, profundidade nas relações, efervescência, dinamismo, calor, força e agressão estão ligados ao vermelho. Muitos diziam que era a cor da paixão, mas este sentimento é muito passageiro para estar ligado à cor vermelha. Ela pertence à eternidade dos afetos. Proporciona vitalidade, aumenta a pressão sangüínea sendo excelente para dar mais ânimo e crédito a si mesmo. É a cor que traz em si o anima/animus, ou seja, o poder feminino da sedução, com a força e ação do poder masculino.
Laranja - Arriscar, ir a busca do que está lá no horizonte, aventurar-se a descobrir as novidades é o que envolve a cor laranja. É ideal para quem precisa criar e também para os que querem retirar os medos de críticas e de ir em frente. É a cor da liberdade, concentração e independência.
Amarelo - Se em dado momento a mente precisa estar antenada, afiada e ágil, o amarelo deixa essa situação ao alcance. Ele abre os espaços do conhecimento. É uma cor de ambição e liderança, simpatia e alegria. Os que estão de regime devem evitá-la, já que abre o apetite, sendo atualmente muito usada em restaurantes.
Verde - É a cor do equilíbrio, entre a frieza da lógica e a efervescência das emoções. Se o desejo é paz, esta cor é a mais indicada. Integra emoção e razão de uma forma hábil, tão necessária ao equilíbrio de nossa psique. Produz um ambiente calmo e com muita energia ao mesmo tempo.
Azul - Precisando de razão, o azul é a opção certa. É a cor da lógica e ponderação. Amplia nossos horizontes, o que resulta em uma visão maior sobre os assuntos que estão a nossa volta. Diferente da cor verde, essa estimula a razão, a verdade, a lógica, de forma fria (decidida). A cor azul é adequadíssima àqueles locais em que os conflitos estão presentes.
Cores e seus significados:
MONOCROMÁTICA OU
TOM SOBRE TOM...
The Color Association of United States
The Color Marketing Group
The Color Box
International Color Consortium
Pantone Inc.

É a distinção entre identidades de cor quando definidas por seus comprimentos de onda;
No que se refere a iluminação do ambiente, a luz muda drasticamente a percepção das cores.

Durante o dia as cores estão sob a influência de luz natural e a noite sob a influência de luz artificial.

Também as condições atmosféricas influenciam na percepção das cores, por exemplo, em dias chuvosos ou em dias com nevoeiro, onde o contraste diminui e dificulta a legibilidade.
O´Grady e O´Grady (2008) classificam os tipos de contraste em: (i) contraste entre matizes: com base no círculo cromático, os contrastes mais altos são entre as cores opostas (complementares)e as cores que estão ao lado (análogas) produzem contraste mínimo; (ii) contraste entre valor: com base no escurecimento ou clareamento de uma matiz; e (iii) contraste entre croma.
Croma (Saturação): opacidade ou brilho relativos
de uma cor.
Valor ou Brilho: é a luminosidade, percepção de uma cor como clara ou escura;
CONTRIBUIÇÕES PARA TEORIA DA COR...
ALGUMAS CORES PODEM SER QUENTES OU FRIAS
Forças visuais relativas de seis cores possui relação com a proporção da luminosidade de cada cor.

Assim, para equilibrar uma área de verde é necessário duas vezes a área de violeta.
LEGIBILIDADE X CONTRASTE
Deve-se prestar atenção a questão da manutenção da cor, pois algumas cores se deterioram mais rapidamente que outras, principalmente quando são expostas à luz ou à poluição.
O melhor contraste é branco sobre cores escuras e preto sobre cores claras.
Ordem Crescente de Visibilidade sugerida pela NBR 9050.
Pra começar...
O repertório é o maior aliado de um projeto criativo e interessante. Sem ampliar o conhecimento, o resultado é previsível e limitado, devemos estar abertos ao novo...
O projeto
Entender as cores e suas características é fundamental para o sucesso de um projeto que interfere em ambientes.
O que? Para quem? Porque? Como ? Quando?
Deve-se usar a cor a favor dos usuários sempre.
Para isso, é necessário conhecimento sobre cor e sua influência psicológica.
Colorindo os ambientes!
Harmonia das cores se diz preferencialmente das cores em estado simultâneo. Como linguagem, harmonia procede do grego, significando genericamente ordem e proporção.
Seu segredo não está somente na escolha das cores, mas nas quantidades e texturas.

Em climas frios, as combinações quentes são sempre permitidas.

Em climas quentes, as combinações frias são sempres permitidas.
As cores harmoniosas são aquelas que funcionam bem em conjunto ou justaposta, e que produzem um esquema de cores atrativos.
Harmonia acromática
É a harmonia criada a partir de cores neutras, ou seja as cores centrais do círculo cromático.
Harmonias da natureza
Equilíbrios estabelecidos por imagens da natureza pode ser reproduzidos em ambientes.
Dicas de livros...
Sinestesia
Como pensamos a cor?
Assim temos...
Full transcript